Juiz condena homem a pagar R$ 1 por 'ofender' o PT

08 Mar 2016 - 17:00h

Em uma decisão surpreendente, um juiz do interior de São Paulo condenou um homem a indenizar em R$ 1 o diretório do Partido dos Trabalhadores (PT) em Piracicaba. Segundo o juiz Eduardo Velho Neto, da 1ª Vara Cível de Piracicaba, esse é o valor devido diante da “injusta” publicação do cidadão, que, no espaço de cartas de um jornal, declarou-se cansado de pagar impostos aos “meliantes do PT”. De acordo com o site Conjur, o partido acionou a Justiça contra o autor do texto. O caso teve início em outubro de 2014, quando o Jornal de Piracicaba publicou carta de um morador que reclamava da existência de um frigorífico próximo a uma área residencial, que causava mau cheiro na região. “Creio que o cheiro de enxofre (do inferno) seja mais palatável que essa diabrura que aflige gente sem pecado e que, com toda certeza, são dignos trabalhadoras e trabalhadores que estarão um dia no Paraíso Celeste, já que como paga de tanto sofrimento, pagam impostos destinados a meliantes pertencentes ao PT”, escreveu o morador. A nota causou indignação no PT. O cidadão, em sua defesa, apontou que a nota se referia ao PT nacional, no qual há partidários envolvidos em escândalos e atos criminosos, sendo alguns já condenados.

Comentários

Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixar comentário

Comentário