Ministro do STF diz que impeachment não é golpe

29 Mar 2016 - 10:30h

Mais um ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) desmontou a tese petista de que o governo da presidente Dilma Rousseff (PT) é vítima de uma tentativa de “golpe” com a tramitação do processo de impeachment no Congresso. “Impeachment não é golpe, é um mecanismo previsto na Constituição para afastamento do presidente. Evidentemente, impõe-se o respeito à Constituição e às normas”, afirmou Luís Roberto Barroso. De acordo com a Revista Veja, a declaração aconteceu durante um encontro do ministro com representantes da comissão do impeachment. Na reunião, que aconteceu no gabinete de Barroso, ele afirmou que o “Supremo não tem lado” e vai respeitar a decisão do Congresso sobre o processo. Participaram do encontro o presidente da comissão Rogério Rosso (PSD-DF), o relator Jovair Arantes (PTB-GO), e o vice-líder do PSDB, Carlos Sampaio (SP).  

Comentários

Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixar comentário

Comentário

mais notícias