Vereador Romar volta a cobrar relatório do inquérito que investiga o almoxarifado central de Brumado

29 Mar 2016 - 16:30h

Denunciante de irregularidades no setor de transportes e no almoxarifado central do município de Brumado, o vereador Manoel Romar Pereira (PSB) voltou a cobrar do prefeito Aguiberto Lima Dias (PDT) o relatório do inquérito de investigação que foi instaurado por uma equipe designada pelo próprio gestor. As denúncias do vereador apontam desaparecimento de pneus, combustíveis e materiais de construção do setor. Elas foram feitas durante sessão do legislativo no dia 13 de abril de 2015. Como a Câmara de Vereadores ficou impedida de formar uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) devido a regras contidas em seu regimento interno, a própria prefeitura se encarregou de designar uma comissão, porém, quase um ano depois, ainda não foi dada uma resposta às denúncias. Em seu pronunciamento na sessão da última segunda-feira (28), Romar voltou a cobrar do prefeito o relatório das apurações, bem como denunciou novamente que as irregularidades continuam no setor. “A nossa comunidade precisa dessas respostas e eu não vou descansar enquanto não tiver esse relatório em mãos. Já encaminhei dois ofícios ao prefeito, mas ainda não obtive respostas. Enquanto isso, o setor continua do mesmo jeito que antes”, pontuou o parlamentar.

Comentários

Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixar comentário

Comentário

mais notícias