Guanambi: Festa promovida por grupo LGBT acaba em tentativa de homicídio

30 Set 2013 - 10:17h

Pouco antes das 3 horas da manhã do último domingo (29), uma festa promovida por homossexuais na Rua Régis Pacheco, Bairro Paraíso, em Guanambi, no sudoeste baiano, foi encerrada por causa de uma tentativa de assassinato. A ‘Teens Free’, nome dado ao evento, tradução literal de adolescentes livres, acontecia na casa de uma pessoa conhecida como Diele. Segundo o radialista Radiola, um dos convidados, Itamar Silvestre da Silva, 22 anos, movido por ciúmes, tentou matar seu ex-namorado, Mateus Gonçalves Ferreira, 19 anos, com uma facada. Silva viu que seu ex estava com outra pessoa, um adolescente de 17 anos, e foi até a cozinha pegar uma faca, a arma do crime. Itamar fingiu que ia abraçar Mateus e cravou a faca no peito dele. A vítima caiu no chão e ficou desacordada. Para agravar a situação trágica, Itamar tentou se matar com uma facada no seu próprio peito. Os dois feridos foram socorridos pelo Samu e levados para cirurgia no Hospital Regional de Guanambi. Em depoimento à polícia, o agressor contou que ainda tem sentimentos pela vítima e que não queria ver seu ex-namorado com outra pessoa. Itamar disse estar depressivo e que se mataria caso fosse preso. A vítima, Mateus, encontra-se fora de perigo.

Comentários

Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixar comentário

Comentário

mais notícias