Memória brumadense: Legado deixado pelo ex-prefeito Dr. Juracy Pires Gomes

06 Out 2013 - 15:50h

Por três mandatos, o médico brumadense Juracy Pires Gomes foi gestor do município de Brumado e deixou muitos benefícios para a população. O seu primeiro mandato começou em 1967 e durou até 1971, ficou dois anos fora da prefeitura municipal e voltou em fevereiro de 1973. O segundo mandato terminou em 1977 e em 15 de novembro de 1982, Gomes retornou ao cargo de prefeito. Sua administração foi considerada como popular e centrada na saúde, educação e assistência social. A primeira ação do médico quando chegou ao Paço Municipal foi solucionar o problema da eletricidade, já que Brumado era por um pequeno gerador e o fornecimento de energia ia das 18 às 23 horas. Primeiro ele conseguiu outros quatro geradores, para que toda a cidade tivesse eletricidade, e depois conseguiu que energia elétrica chegasse através da hidrelétrica de Paulo Afonso. A segunda grande ação do então prefeito foi o sistema telefônico, fazendo com que os brumadenses pudessem se comunicar através da telefonia. Ainda pensando na comunicação, Dr. Juracy conseguiu trazer para Brumado os sinais de diferentes emissoras para televisão. Em sua primeira administração, Gomes viabilizou a construção do primeiro hospital do município. Através da Lei Municipal 1325, de 22 de maio de 1967, o gestor criou a Fundação Hospitalar de Brumado, que depois ficou sob a administração do governo estadual e virou Hospital Regional de Brumado. O querido médico de Brumado ainda construiu a atual Biblioteca Municipal Jarbas Passarinho e o Mercado Municipal, situado na Praça Teófilo Alves de Lima. Foi também Dr. Juracy quem levou o prédio da prefeitura para a Praça Coronel Zeca Leite. Antes a sede do Poder Executivo brumadense era na Praça Capitão Francisco de Souza Meira. Além disso, Juracy Pires Gomes foi responsável pela vinda de muitos órgãos estaduais para Brumado: 19ª Dires (Diretoria Regional de Saúde), 18ª Ciretran (Circunscrição Regional de Trânsito) e Cerin (Centros Regionais Integrados). Enfim, o médico pôde executar o Programa Sertanejo e estadualizar o Ginásio Nelson de Melo, transformando-o em Colégio Estadual de Brumado.

Comentários

Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixar comentário

Comentário

mais notícias