Após cinco meses no vermelho, governo tem superávit em outubro

29 Nov 2017 - 11:30h

O governo federal registrou um superávit primário de 5,2 bilhões de reais em outubro, o primeiro resultado positivo desde abril. O resultado, que reúne as contas do Tesouro Nacional, Previdência Social e Banco Central, acontece após o déficit de 22,7 bilhões de reais de setembro. Mesmo beneficiado pela alta de receitas no mês, especialmente com a entrada de 5 bilhões de reais do Refis, e pela antecipação do pagamento de precatórios para o primeiro semestre do ano, o resultado foi menor que o saldo positivo de 40,8 bilhões de reais de outubro de 2016 – que, por sua vez, foi inflado pelos recursos do programa de repatriação (46,8 bilhões de reais). De acordo com a Veja, apesar do dado positivo no último mês, entre janeiro e outubro deste ano, o resultado primário foi de déficit de 103,2 bilhões de reais. É o pior rombo registrado na série histórica, que tem início em 1997. Em igual período do ano passado, esse mesmo resultado era negativo em 60,362 bilhões de reais. Desconsiderando a antecipação de precatórios (processos judiciais que o governo deve pagar), que neste ano foram quitados no primeiro semestre, o déficit acumulado neste ano seria 85,2 bilhões de reais.

Comentários

Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixar comentário

Comentário

mais notícias