Brumado: Irado, Santinho convoca vereadores para processar presidente interino da Aucib

02 Ago 2018 - 08:00h

Em entrevista ao site Achei Sudoeste, o presidente interino da Auditoria Pública Cidadã da Bahia (Aucib), Paulo Esdras, disse que o órgão foi criado para cobrir a ausência dos vereadores, que, segundo ele, são omissos no papel de fiscalizar as ações e o erário gerido pelo poder público devido a interesses políticos partidários. As declarações não foram bem aceitas pelo vereador José da Silva Santos (Sem Partido), o Santinho, que convocou os demais vereadores a processarem o auditor público. Bastante alterado, o parlamentar exigiu que as denúncias sejam provadas e que seja feita uma retratação pelo representante da Aucib. Sem mencionar o nome do auditor, o vereador não escondeu a sua insatisfação diante das declarações e citou que Esdras tem apresentado denúncias vazias perante o Ministério Público Estadual (MPE). Ele citou como exemplo a vez em que foi denunciado por improbidade administrativa. “Há um tempo atrás, esse mesmo rapaz me denunciou por improbidade administrativa e nada deu até hoje. Ele fica atirando pra todos os lados, denegrindo a imagem das pessoas. É preciso que essa casa legislativa entre com um processo contra esse jovem, pois ele precisa provar quais interesses partidários temos aqui que nos impedem de cumprir o nosso papel de fiscais públicos eleitos pelo povo”, esbravejou.

Nas entrelinhas, Santinho deu a entender que o auditor estaria com dor de cotovelo, pois não conseguiu se eleger nas últimas eleições municipais. “Esperamos que ele compreenda que não vamos com denúncias vazias ficar importunando o Ministério Público. Não temos culpa dele não ter atingido o alvo particular dele, mas ele não pode descarregar isso dizendo que essa casa tem sido omissa na defesa da comunidade. Falar é fácil, provar tem sido difícil. Ele vai lá e joga a merda no ventilador, suja a nossa imagem, mas não prova e depois não volta para limpar a nossa imagem, não faz uma retratação. Que denuncie, mas que prove. Por isso reforço que temos de dar um basta nisso e denunciá-lo, pois ele precisa se informar melhor antes de apresentar denúncias enfadonhas”, finalizou o parlamentar.

Comentários

Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixar comentário

Comentário

mais notícias