Sem perspectiva de inauguração, presídio de Brumado segue tomado pelo mato

10 Ago 2018 - 04:50h

Já concluído, porém sem perspectiva de inauguração, o presídio construído no município de Brumado segue sem atender aos apelos para compensação de espaço de custódia na região. O site Achei Sudoeste retornou ao local e constatou que nada foi feito nos últimos meses e o complexo está tomado pelo mato e com vária rachaduras nas paredes das dependências, assim como alguns para-raios danificados. Há alguns meses, uma equipe técnica da secretaria estadual de ressocialização prisional esteve no município realizando um levantamento das condições estruturais e anotou as pendências do conjunto penal, as quais necessitariam de reparos antes mesmo da inauguração. Apesar da visita, nada foi feito deste então. O governo do estado ainda trava uma batalha com o Tribunal de Justiça do Trabalho pela terceirização dos serviços de manutenção dos presídios no estado, o que tem impedido o governador Rui Costa de autorizar a licitação para as empresas que intencionam administrar o presídio brumadense. Com capacidade para mais de 590 detentos, o presídio atenderá boa porcentagem da região sudoeste, com a promessa de desafogar o contingente carcerário nas diversas cadeias, nas delegacias municipais. Porém, a data de inauguração ainda é uma incógnita diante dos trâmites burocráticos e do impasse entre o executivo e a justiça trabalhista estadual.

Comentários

Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixar comentário

Comentário

mais notícias