Dilma Rousseff fica em 4º e não se elege para o Senado em Minas Gerais

08 Out 2018 - 14:30h

Uma das surpresas do primeiro turno da eleição foi o revés na disputa ao Senado em Minas. Apontada pelas pesquisas eleitorais como líder na disputa, a ex-presidente Dilma Rousseff (PT) amargou o quarto lugar, com 15,21% dos votos.  Ela foi derrotada pelos candidatos Rodrigo Pacheco (DEM) e pelo jornalista Carlos Viana (PHS), que obtiveram 20,49% e 20,23% dos votos, respectivamente. Em terceiro lugar ficou Dinis Pinheiro (Solidariedade), candidato apoiado por Jair Bolsonaro (PSL). O ex-capitão chegou a gravar um vídeo pedindo apoio para Pinheiro. Ele teve 18,42% dos votos.

Comentários

Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixar comentário

Comentário

mais notícias