Brumado: Agno Meira quer 'frente ampla e democrática em oposição à oligarquia Eduardo Vasconcelos'

11 Jan 2019 - 07:00h

Em texto publicado nas redes sociais, o ex-vereador Agno Meira (Sem Partido) criticou o governo do prefeito Eduardo Lima Vasconcelos ao longo de 14 anos de mandato. “O que melhorou em sua vida durante 14 anos de oligarquia Eduardo Vasconcelos? Em 2020, o grupo político liderado com mão de ferro pelo gestor completará 16 anos no poder. Para quem entrou na política sendo contra a reeleição e se dizendo um quadro técnico, um apolítico, o gosto pelo poder tem demonstrado ser a predileção do atual prefeito”, escreveu. Meira ainda afirmou que o gestor governa como um déspota, usando de manipulação ideológica para afastar os reais problemas do município do foco principal, que, segundo o ex-vereador, é a incompetência administrativa e a arrogância no trato com o povo. 

Ele citou que o índice de violência no município aumentou nos últimos 10 anos, com uma taxa de homicídio que ultrapassa a média nacional, sem contar o desemprego e a falta de investimento no campo. Para Agno, o prefeito persegue os agricultores familiares, os servidores são tratados como um peso na burocracia administrativa, e os professores são desvalorizados. “A maldade deste senhor não tem limite (...) Brumado sempre foi conhecida como uma cidade alegre, de gente hospitaleira, dos bons carnavais, a alegria do povo foi subtraída por uma gestão cinza de concreto, uma gestão distante do povo e de seus anseios. Nossa cidade precisa voltar a sorrir, nossa gente é maior que a arrogância de um homem”, declarou, reforçando que a rejeição a atual administração é crescente. Por fim, Meira pediu união da oposição e a formação de uma frente política ampla que tenha como norte a oposição ao Governo de Eduardo e seu grupo político.

Comentários

Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixar comentário

Comentário