Osteoporose: por que fumar e beber aumentam o risco da doença

14 Mai 2019 - 14:30h

Já é sabido que alguns hábitos do dia a dia aumentam o risco de desenvolver diversas doenças, incluindo a osteoporose – condição que deixa os ossos fracos e quebradiços. Entre os hábitos que podem tornar o indivíduo mais propenso a desenvolver esse problema ósseo estão o tabagismo e o alcoolismo. Apesar disso, pouco se sabe a respeito dos mecanismos envolvidos nesse enfraquecimento. Recentemente, pesquisadores americanos descobriram um mecanismo celular capaz de explicar porque esses hábitos interferem na saúde dos ossos. De acordo com o estudo publicado no FASEB Journal, o consumo de álcool e cigarro pode ativar uma célula do sistema imunológico, levando-a a se transformar em outra modalidade de célula cuja função é reabsorver os ossos. Esse processo é desencadeado quando a mitocôndria, parte da célula responsável pela respiração celular, fica sob stress – o que, segundo a equipe, é o que provavelmente acontece no organismo ao fumar e beber.

Comentários

Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixar comentário

Comentário