Brumado sairá de um retrocesso de quase meio século, diz prefeito ao comemorar aprovação do plano de saneamento

20 Jun 2019 - 14:00h

Em entrevista ao site Achei Sudoeste após a aprovação do Plano Municipal de Saneamento Básico, o prefeito de Brumado, Eduardo Lima Vasconcelos disse que, depois de quase 47 anos, o município enfim terá a implantação de um sistema de esgotamento sanitário a partir de um modelo diferenciado. “O mais importante é o fato de, após quase 47 anos, a gente ter condições de ter um tratamento de igual para igual”, avaliou. Para o gestor, o Estado, que detém a concessão pública da gestão da água no modelo atual, é um atravessador. “Eles [os Estados] ficam com 25% de tudo que o município arrecada, tudo que o país produz e, quase sempre, fazem atividades muito mais caras que se o município procedesse”, completou, frisando que a competência é do Município para conferir o poder de gestão da água e do esgoto. O prefeito ainda considerou que o momento é de mudança e de melhorias, no sentido de que, com o modelo de licitação, a empresa terá a obrigatoriedade de implantar o sistema de saneamento básico, bem como será mais suscetível às reivindicações da comunidade. Vasconcelos espera que a licitação seja realizada até o final do seu mandato. “Vamos permitir que alguém faça o trabalho limpo que a Embasa nunca fez”, finalizou.

Comentários

Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixar comentário

Comentário

mais notícias