Achei Sudoeste




Brumado: Superintendente de trânsito rebate denúncia sobre cancelamentos de multas

08 Out 2018 - 10:00h

O superintendente interino de trânsito do município de Brumado, João Nolasco, rebateu em parte as denúncias apresentadas por alguns agentes de trânsito junto ao Ministério Público Estadual (MPE), referente a cancelamentos de infrações de trânsito envolvendo veículos da frota da prefeitura municipal. Nolasco declarou que fará uma defesa mais aprofundada quando for provocado pelo MPE e à medida que tiver mais conhecimento a respeito de quais infrações específicas entram nas denúncias dos agentes. Em entrevista ao site Achei Sudoeste, o superintendente destacou que, atualmente, os agentes trabalham com tablets ao lavrar um ato infracionário e, com o sistema informatizado, tal infração é de imediato lançada nas esferas de trânsito de âmbito nacional, estadual e municipal, o que inibiria qualquer tentativa de cancelamento. “Todo valor da infração ou multa é fracionado aos órgãos nas esferas nacional, estadual e municipal, de modo que o ato injustificável de retirar ou cancelar uma infração seria uma renúncia de receita, tanto do município, estado e união, o que geraria uma punição com processo administrativo. Tenho um nome a preservar e não seria uma multa que iria me fazer sujar meu nome e jogar por chão tudo que construí ao longo da minha vida. Daí eu defendo que tal denúncia tem que ser realmente apurada”, ponderou.