Achei Sudoeste




Brumado: Vereadores debatem precariedade das viaturas da Polícia Militar

02 Abr 2013 - 08:25h

Chamando a atenção para a questão da segurança pública em Brumado, o vereador José Santos (PTC), o Santinho, criticou severamente o estado das viaturas a serviço da Polícia Militar. O parlamentar declarou que os deputados têm de despertar para o assunto. “Não sei se é falta de representatividade a nível estadual, pois até a viatura nova há uns dias ficou sem ir às ruas por falta de combustível. Os soldados têm que rodar nas viaturas velhas, o que não dá real condição de trabalho aos nossos policiais. Municípios como Guanambi e Livramento estão bem estruturados com efetivos maiores que Brumado. O que está acontecendo?”, questionou Santinho, que foi rebatido pelo petista José Ribeiro Neves (PT). “Parece que as criticas do vereador tem por objetivo apenas atingir o governo”, disse. Ribeiro apontou que, mesmo com as dificuldades, já foram realizadas melhorias na estrutura das polícias do município. 

O vereador Weliton Lopes (PR) também entrou na discussão destacando a falta de atenção do estado com a segurança pública. “O governo que prometeu água para todos, tem agora a violência para todos”, ironizou. O parlamentar ressaltou o estado precário das viaturas em circulação no município. “Em Brumado, os policiais militares estão rodando em viaturas caindo aos pedaços. Estão realizando rondas nas antigas viaturas marrons. Pensei que aquilo já tinha sido leiloado. É assim que a polícia está investindo e modernizando as viaturas? Só na propaganda. Seca para todos e violência para todos, essa é a nossa realidade aqui em Brumado”, criticou Lopes. Na saída da Câmara, a nossa reportagem flagrou uma viatura na Praça Coronel Zeca Leite com uma câmara de pneu de caminhão cortada ao meio e cheia de areia para que o peso ajude a manter a estabilidade do veículo.