Achei Sudoeste

BUSCA PELO ARQUIVO "03/2021"

02 Mar 2021 - 19:45h

A Companhia de Teatro Teatrizzer foi selecionada para estrear na Mostra de Teatro - Motin Bahia, produzida pela Cazazul Teatro Escola para os artistas do interior do estado. Foram 115 inscritos e apenas 18 obras selecionadas. Dentre as obras escolhidas: a leitura dramática de “Aquela Noite”, um roteiro do diretor brumadense Joadson Mulkannizzer, estrelado pelos artistas Hiago Novaes, Roberto Mulkannizzer e Tamiris Correa. A mostra cênica acontecerá entre os dias 14 e 27 de março, de forma completamente virtual, tendo em sua programação os espetáculos selecionados, fórum e oficinas 100% gratuitas. O evento é uma realização da CazAzul com apoio da Lei Aldir Blanc - Bahia.

02 Mar 2021 - 19:00h

Nesta terça-feira, 02 de março, o município de Brumado registra 5134 casos confirmados da Covid-19, o novo coronavírus. O total de notificações suspeitas é de 14128. Entre os diagnósticos: 34 internações, 62 óbitos, 400 pacientes em tratamento e 4672 recuperados. No momento, 201 ainda aguardam resultado laboratorial e 7938 já foram descartados. As notificações suspeitas abrangem pacientes com quadros de síndromes gripais diversas, dentre os quais alguns se encaixam nos critérios para realização do exame RT-PCR ou via teste rápido. Estes últimos estão sendo usados de forma criteriosa, em casos excepcionais, como estratégia para ampliar e tornar mais eficaz o enfrentamento à pandemia no município.

02 Mar 2021 - 16:00h

A prefeitura municipal de Caetité, a 100 km de Brumado, confirmou o 12º óbito em virtude da Covid-19. O boletim epidemiológico mostra que há 11 pacientes estão internados, 54 pessoas aguardam resultados e 38 pacientes estão com o vírus ativo e com poder de transmissão.  Até o momento, 4915 exames já foram realizados em Caetité.

02 Mar 2021 - 15:30h

O vice-presidente Hamilton Mourão (PRTB) afirmou nesta terça-feira (2) que ‘não adianta querer impor’ medidas nacionais para restringir a circulação de pessoas e tentar reduzir os casos de Covid-19. Segundo ele, a solução é acelerar a vacinação e realizar de campanhas de conscientização da população. Mourão fez o comentário após ter sido questionado a respeito da carta escrita pelo Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass) que sugeriu medidas urgentes contra o iminente colapso das redes pública e privada de saúde diante do aumento dos casos de Covid-19. Entre as sugestões está um toque de recolher nacional das 20h até as 6h da manhã. “Cada população tem sua característica, se você analisar o país são cinco países diferentes em um só, o Norte é uma coisa, Nordeste é outra, etc e tal. Então, não adianta você querer impor algo nacional. E aí como é que você vai fazer isso para valer? A imposição? Nós não somos ditadura. Ditadura é fácil, sai dando bangornada em todo mundo”, afirmou ele em entrevista ao chegar ao Palácio do Planalto nesta terça (2). Para Mourão, a população “cansou” das medidas de restrição e os brasileiros não gostam de ficar em suas residências, preferem sair à rua. O vice-presidente considera que o caminho para redução dos casos da Covid-19 seria realizar uma campanha de conscientização e acelerar a vacinação. “Acho que tem que haver uma campanha em todos os níveis de conscientização da população. Acho também que tinham que ter alguma atitude em relação ao transporte urbano, acho que nenhum gestor se preocupou muito com isso aí. É por aí. E conseguir acelerar as vacinas. Acelerando as vacinas a coisa anda de forma boa”, afirmou.

02 Mar 2021 - 15:05h

O governador da Bahia, Rui Costa (PT), esteve reunido na tarde desta terça-feira (02), com os prefeitos de todo o estado para tratar sobre as medidas de avanço sobre a Covid-19, o novo coronavírus. Para a região sudoeste, que inclui a cidade de Brumado, Costa decidiu que o lockdown está suspenso, a partir da próxima quarta-feira (03) e o toque de recolher foi antecipado para às 19h e seguirá até às 05h. O novo decreto do governo estadual será divulgado ainda hoje e o comércio poderá voltar a funcionar normalmente amanhã. Vale ressaltar que todas as medidas de biossegurança serão necessárias, como o uso de máscara e a utilização de álcool em gel para a higienização das mãos.

02 Mar 2021 - 15:00h

O município de Paramirim, a 129 km de Brumado, registrou nesta segunda-feira (1º) o 13° óbito em decorrência do novo coronavírus. Trata-se de um homem de 56 anos, portador de doença renal crônica, diabetes mellitus e hipertensão arterial, que foi diagnosticado com a Covid-19 e deu entrada no Hospital Aurélio Rocha no último dia 17. Ele apresentava quadro clínico de falta de ar intensa aos mínimos esforços, febre, tosse seca, mal estar, dor muscular, dor lombar, rouquidão e queda do nível de oxigênio no sangue. Após ser atendido e internado, foi solicitada a sua transferência para unidade de maior suporte. Em consequência da grande demanda estadual, houve disponibilidade de vaga apenas no dia 20. Desde então, o paciente estava internado no Hospital Regional da Chapada, em Seabra. No entanto, após piora do seu estado, ele faleceu no último domingo (28). Atualmente, há 18 casos ativos e 22 suspeitos no município.

02 Mar 2021 - 14:30h

A prefeitura de Jacobina, cidade que fica no norte da Bahia, decretou fechamento total do comércio – essencial e não essencial – por 24 horas. A medida começou a valer às 5h desta terça-feira (2) e segue até as 5h de quarta (3). De acordo com o G1, a decisão foi publicada em Diário Oficial. Farmácias, restaurantes e supermercados podem funcionar de portas fechadas, apenas para o atendimento em delivery. Estão autorizados a funcionar emergencialmente: Unidades hospitalares de qualquer natureza; Unidades básicas de saúde (UBS); Postos de combustíveis; Abastecimento de água, luz, telecomunicação; Defesa civil; Limpeza urbana; Órgãos de Segurança; Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu); Serviços de hemodiálise; Pronto Atendimento de Covid-19;Funerárias.

02 Mar 2021 - 14:00h

Diante do colapso no sistema de saúde da região e em todo estado da Bahia, o prefeito Nilo Coelho (DEM) decretou lockdown de 10 dias na cidade de Guanambi, a 141 km de Brumado, a fim de conter o avanço do coronavírus. Após reunião diária com o seu secretariado, o prefeito disse que o momento difícil requer ações enérgicas. “Não são ações fracas que vão resolver. Normas fortes irão corrigir esse nosso caminho. Em Guanambi, na região, na Bahia, no Brasil e, em todo mundo, essa pandemia está alcançando toda população. Quem zela pela vida tem que tomar atitudes fortes e corajosas para evitar a perda de vidas”, avaliou em áudio enviado ao site Achei Sudoeste. Coelho declarou que as medidas são duras, mas verdadeiras e embasadas em dados científicos. “O caso é grave e exige atitudes fortes. Vamos vencer com determinação e coragem. Nosso caminho é o certo. Estou aqui pra lutar e defender a vida dos nossos cidadãos”, completou. 

02 Mar 2021 - 12:00h

A vacinação foi retomada na cidade de Brumado na segunda-feira (1º). O site Achei Sudoeste esteve no Centro Municipal de Educação Agamenon Santana (CMEAS), onde acontece a imunização dos idosos com 84 anos ou mais, e constatou que a situação foi bem mais tranquila e organizada, ao contrário do que foi registrado na última sexta-feira (26) (veja aqui). A dona Evanilde Meira, de 84 anos, comemorou após ter sido vacinada. “Estou mais tranquila. Se Deus quiser, dará tudo certo pra mim e para as outras pessoas. Que todo mundo possa ser vacinado”, disse. A idosa afirmou que, mesmo depois de receber a dose, continuará se cuidando com o uso da máscara e a lavagem frequente das mãos.

02 Mar 2021 - 11:30h

A variante brasileira do coronavírus, que provavelmente emergiu em Manaus no fim de 2020, pode driblar o sistema imune de indivíduos já infectados pela Covid-19 e causar uma nova infecção, de acordo com uma nova pesquisa divulgada nesta segunda-feira (1°). Além disso, pode ser até 2,2 vezes mais transmissível do que as outras variantes do vírus. "Esta nova variante pode infectar mesmo quem já tem anticorpos contra o novo coronavírus depois de uma primeira infecção natural" - Ester Sabino, imunologista e professora do Instituto de Medicina Tropical da Universidade de São Paulo (USP). O estudo, coordenado por Sabino e pelo pesquisador da Universidade de Oxford Nuno Faria, foi feito com base na análise genômica de 184 amostras de pacientes diagnosticados com a Covid-19 em um laboratório de Manaus, entre novembro de 2020 e janeiro de 2021. Por meio de modelagem matemática, cruzando dados genômicos e de mortalidade, a equipe de pesquisadores calculou que a variante de Manaus, conhecida como P.1., é entre 1,4 e 2,2 vezes mais transmissível que as linhagens que a precederam, segundo nota da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp), que apoiou o estudo. “Os cientistas estimam ainda que em parte dos indivíduos já infectados pelo SARS-CoV-2 - algo entre 25% e 61% - a nova variante seja capaz de driblar o sistema imune e causar uma nova infecção”, disse a Fapesp. O trabalho de modelagem foi feito em colaboração com pesquisadores do Imperial College de Londres. Diante de uma variante mais transmissível, há uma grande preocupação sobre como as vacinas aprovadas contra a Covid-19 irão reagir a ela.

02 Mar 2021 - 11:00h

Mais um óbito em decorrência da Covid-19 foi registrado em Guanambi, a 141 km de Brumado, nesta segunda-feira (1º). Em nota enviada ao site Achei Sudoeste, a Secretaria Municipal de Saúde, informou que trata-se de um homem de 43 anos, sem comorbidades, atendido no Pronto de Atendimento (PA) Covid-19 de Guanambi, no dia 26 de fevereiro. O paciente apresentou sintomas leves, tendo sido medicado e orientado em relação aos cuidados em casa. Nesta segunda-feira, o paciente apresentou piora no quadro clínico e solicitou ajuda ao serviço, mas, quando a equipe chegou ao domicílio, constatou o óbito. Guanambi atingiu a marca de 3.829 casos positivos. São 3.551 pacientes considerados recuperados e 254 ativos com a doença. Ao todo, são 25 óbitos no município.

02 Mar 2021 - 10:30h

O Brasil perdeu 75,2 mil lojas em 2020, segundo levantamento da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC). O número é o saldo entre abertura e fechamento de estabelecimentos com vínculos empregatícios do comércio varejista brasileiro. O freio de atividade econômica imposto pela pandemia do coronavírus é a causa para o déficit no ano passado. Pelo termômetro da CNC, o número foi o pior desde 2016, quando o saldo negativo foi de 105,3 mil lojas no ano. A quantia de empregos formais também foi reduzida. A perda foi de 25,7 mil vagas com carteira assinada, também a maior desde 2016. Naquele ano, foram eliminados 176,1 mil postos de trabalho. “As perdas do setor varejista foram sentidas logo em março, mas, a partir de maio, foi possível começar a reverter a situação, graças à rápida reação do mercado. Contribuíram fatores como o fortalecimento do comércio eletrônico e o benefício do auxílio emergencial, permitindo que o brasileiro pudesse manter algum nível de consumo", disse o presidente da CNC, José Roberto Tadros.

02 Mar 2021 - 10:00h

Dois passageiros foram presos com documento falso quando o ônibus em que estavam passava por um trecho da BR-116 de Vitória da Conquista, a 132 km de Brumado. Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), o flagrante ocorreu na altura do km 830. Os agentes deram ordem de parada ao veículo, que tinha saído de São Paulo (SP) com destino a Natal (RN). Na fiscalização pessoal dos ocupantes, os PRFs identificaram que o documento de identificação pessoal apresentado por um dos passageiros tinha indícios de fraude. Depois, a equipe descobriu que o homem que viajava ao lado também havia apresentado uma Carteira Nacional de Habilitação (CNH) em nome de outra pessoa. Confrontado com os detalhes, o homem confirmou a falsidade, apresentando o nome verdadeiro. Foi identificado ainda que os envolvidos haviam comprado as passagens juntos. Eles foram detidos e encaminhados a uma delegacia local.

02 Mar 2021 - 09:30h

O Brasil registrou, em fevereiro, 30.484 mortes pela Covid-19, segundo dados apurados pelo consórcio de veículos de imprensa junto às secretarias de Saúde do país. Mesmo com dias a menos e últimos dias durante um fim de semana – o que afeta os registros das mortes –, fevereiro teve o segundo número mais alto de mortes desde o início da pandemia, e o maior desde julho. De acordo com o G1, fevereiro também foi o terceiro mês consecutivo em que as mortes de um mês superam as do mês anterior. Três estados tiveram recordes de mortes: Minas Gerais e Rondônia, pelo segundo mês consecutivo, e Roraima, que ultrapassou os registros de mortes vistos em julho. O colapso no sistema de saúde, antes restrito ao Amazonas, agora atinge várias partes do país. As médias móveis diárias calculadas pelo consórcio de imprensa estão acima de mil mortes por dia há 39 dias. No dia 25, o Brasil registrou o recorde de mortes em 24h desde o início da pandemia: 1.582 pessoas morreram. O dado referente às mortes de fevereiro foi calculado subtraindo-se as mortes totais até janeiro (224.534) do total de mortes até 28 de fevereiro (255.018). Os números dos meses anteriores foram determinados com a mesma metodologia.

02 Mar 2021 - 09:00h

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) afirmou, na segunda-feira (01), que o Brasil terá, em março, mais 220 milhões de vacinas. As informações são da CNN. Segundo o chefe do Executivo, o país só poderia iniciar a compra dos imunizantes após a aprovação da Anvisa. “Alguns criticam o Brasil… a vacina a gente só podia comprar depois que a Anvisa autorizar, não podia comprar qualquer negócio que aparecesse. Então essas vacinas começaram a ser certificadas pela a Anvisa e estamos comprando”, disse. Bolsonaro enfatizou que o Brasil é o sexto país que mais tem vacina no mundo e lembrou que a imunização em Israel está avançada. “Tem Israel que está na frente, mas quantos habitantes tem lá? Lá são nove milhões de habitantes, se não me engano, então é fácil dizer que vacinou 30% da população. Eu acho que nos vacinamos mais do que eles em valor absoluto. Agora é outro país, né? É um país que não tem uma gota de petróleo, não tem terra fértil, não tem água, não tem nada. Só que tem um povo que realmente se dedica e tem uns políticos diferente dos nosso aqui, onde eu me incluo também, é uma titica geral. Não to criticando os outros não, é todo mundo”, declarou. O chefe do Executivo afirmou que uma comitiva brasileira será enviada a Israel na próxima quarta-feira, 3, para fechar um acordo sobre o spray nasal, que deve ser testado no Brasil. Bolsonaro, no entanto, voltou a defender o tratamento precoce como forma de combate à Covid-19. “Esse de tratamento precoce fala de ivermectina, hidroxicloroquina, Anitta, seja o que for, não tem efeito colateral, porque não tomar? Parece que quanto mais morrer, melhor para alguns setores. Que ver uma coisa, nós somos a oitava economia do mundo, o nosso IDH não é tão bom quanto de primeiro mundo. O que leva o país a ser o 26° no número de mortos por cada mil habitantes alguma coisa tá acontece aqui, só pode ser o tratamento precoce, não tem outra explicação pra isso. E por que a grande mídia teima ainda em criminalizar quem fala isso?’, questionou.

02 Mar 2021 - 08:30h

Em cerca de um ano da pandemia no Brasil, dois a cada três pacientes intubados por Covid-19 morreram nas Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) do país. Em geral, a mortalidade entre os que precisam de cuidados intensivos nos hospitais brasileiros é o equivalente a um terço desses infectados. Os dados são do projeto “UTIs brasileiras”, realizado pela Associação de Medicina Intensiva Brasileira (AMIB) em parceria com a empresa Epimed. O levantamento considera mais de 98 mil internações em 648 hospitais privados e públicos desde 1º de março de 2020, dias após a confirmação do primeiro caso de coronavírus no país. Os resultados foram publicados inicialmente pelo Uol e confirmado pela Revista Época. De acordo com o relatório, a mortalidade de todos os pacientes com Covid-19 nas UTIs corresponde a 35,2%, percentual que é bem maior quando levados em conta apenas os hospitais públicos, onde essa taxa chega a 51,6%. Em contrapartida, nos privados, o índice é de 28,5%. Esse número dobra ao analisar somente os infectados que necessitaram de ventilação mecânica. No total, 66,3% morreram entre os 46,3% que foram intubados. A rigor, o método é usado em quadros em que a pessoa tem um alto nível de comprometimento do pulmão, o que dificulta a respiração nos casos mais graves da Covid-19. Em relação àqueles que não precisaram da ventilação mecânica, a mortalidade é de 9%, segundo o monitoramento.

O projeto aponta ainda que o tempo médio em que um paciente passa intubado é de 13,1 dias, índice considerado alto para os padrões entre casos em que a ventilação mecânica é necessária. Em hospitais particulares, esse prazo chega a 14,2 dias, enquanto nos públicos é de 11,6 dias. Já o período médio em que um infectado fica internado em uma UTI brasileira foi de 12,2 dias. Quanto ao perfil do paciente das UTIs, o levantamento expõe que a maioria dos doentes é do sexo masculino, representando 59,8% frente a 40,2% do sexo feminino. Os contaminados cuja idade é igual ou inferior a 65 anos correspondem a 45,7% dos casos. Atualmente, a ocupação das UTIs na rede pública supera os 80% em mais da metade dos estados brasileiros. Ao menos, 781 pessoas aguardam leitos em seis estados e no Distrito Federal.

02 Mar 2021 - 08:00h

Um homem foi preso suspeito de manter a filha, uma jovem com transtornos mentais, em cárcere privado, na zona rural de Vitória da Conquista, a 132 km de Brumado. Segundo a polícia, a vítima, que não teve identidade revelada, também sofria maus tratos. A polícia recebeu a denúncia do caso, que ocorria no povoado do Baixão, no sábado (27). No mesmo dia eles foram ao local e, ao chegarem, ainda do lado de fora do imóvel, os policiais ouviram os gritos da jovem. Ela estava sozinha, presa em quarto, em situação sub-humana, sem higiene e fazendo as necessidades dentro do cômodo. De acordo com o G1, a jovem foi liberada pela polícia. Testemunhas disseram à polícia que a situação ocorria há anos e que, além disso, o homem teria outro filho com problemas mentais que também sofre maus tratos. Após o resgate, a polícia realizou uma busca pela região e encontrou o homem, que foi preso e levado para o Distrito Integrado De Segurança Pública (Disep) de Vitória da Conquista. Ele responderá por maus tratos, abandono de incapaz e cárcere privado.

02 Mar 2021 - 07:00h

Em entrevista ao site Achei Sudoeste, o superintendente municipal de trânsito e transportes, João Paulo, pediu à população que evite agir com imprudência no trânsito, tendo em vistas as restrições no atendimento do Hospital Municipal Professor Magalhães Neto, bem como o momento crítico vivido no enfrentamento à pandemia. “A prudência no trânsito é de suma importância porque o próprio hospital está em uma situação complicada. Fica o pedido de um cidadão, não só superintendente, comovido com a situação que estamos vivendo, pra que nós tenhamos cuidado e prudência no trânsito. Brumado está em um colapso muito grande com relação à saúde. Respeitem as leis de trânsito. É um momento difícil e cada um precisa colocar a mão na consciência”, pontuou.

02 Mar 2021 - 00:00h

Em entrevista ao site Achei Sudoeste, Hélio Marques, diretor da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Vitória da Conquista, avaliou que, no geral, os comerciantes da cidade têm obedecido aos protocolos de segurança contra a Covid-19. Isso porque, segundo relatou, dos 87% do índice de ocupação na UTI Covid no município, apenas 37% corresponde a pacientes de Vitória da Conquista. Dos 37% de ocupação dos leitos clínicos, por sua vez, Marques argumentou que apenas 9% corresponde a Conquista. “Isso mostra que Conquista tem feito um bom trabalho. A prefeitura e todos os comerciantes têm tido a consciência de obedecer todos os protocolos de segurança”, destacou. O diretor salientou ainda que, em Conquista, a taxa de contaminação é menor que 6%. “Das pacientes contaminadas, mais de 98% se recuperam. É um índice muito confortável e bom para a cidade”, acrescentou. Diante dos números e da obediência dos comerciantes, Marques opinou que o lockdown pune e atinge justamente o setor que está obedecendo com rigor aos protocolos de segurança. “Conquista não pode ser penalizada por ações erradas do governo. O governador está sendo intransigente. Já foi mostrado que o lockdown não funciona, principalmente da maneira que é feito na Bahia. Os bancos e as feiras livres estão funcionando. Esse lockdown parcial não funciona. Melhor fechar tudo. Por que só os comerciantes são penalizados?”, questionou. Na segunda-feira (1º), vários protestos contra o lockdown foram promovidos por parte de comerciantes não filiados à CDL.