Parte da história da cidade de Brumado é apagada com demolição de casarão bicentenário no Esconso

31 Jul 2020 - 00:00h

No Bairro Esconso, em Brumado, um casarão histórico, com cerca de duzentos anos, foi demolido na manhã da última terça-feira (28). A residência passou de geração em geração por muitos anos e a família de Marquito Gomes morou no local. Ele lamentou o fato destacando que as lembranças da casa vão permanecer. Em entrevista ao site Achei Sudoeste, Gomes disse que o casarão era como uma espécie de cartão postal do bairro. “A história daquele casarão é longa e de muitas datas. Ele já estava se aproximando dos 200 anos de existência. A minha mãe viveu vários anos de solteira nesse casarão. O pai do meu bisavô Virgílio Ataíde era o Capitão Beltrão, que morou na casa. Tenho uma memória muito positiva e saudosa dele”, relatou. Marquito salientou que o casarão detinha muita história e a sua demolição, devido ao progresso, foi uma grande perda para o município. “Só temos a lamentar”, reiterou. 

Comentários

Robson Trindade

"Fiquei muito triste com a notícia da demolição do Casarão do Esconso. É realmente lamentável que mais uma parte da história de Brumado se vai para sempre e só nos resta lembranças como um quadro que pintei retratando o casarão no ano de 1999. Cheguei até a publicar uma foto do quadro mostrando o antigo casarão na minha página do Twitter @Robsonetlima, quem quiser ver é só ir lá na minha página. Infelizmente vivemos num país sem memória e a demolição do casarão é mais uma grande perda para o nosso patrimônio histórico."

mais notícias