Achei Sudoeste




PF promete a Cármen Lúcia concluir Lava Jato até o fim do ano

10 Jan 2018 - 16:30h

O diretor-geral da Polícia Federal, Fernando Segovia, afirmou nesta quarta-feira (10) que a corporação pretende concluir até o fim deste ano as mais de 200 investigações sobre políticos e autoridades em andamento no Supremo Tribunal Federal (STF). A meta foi anunciada à imprensa após uma reunião do diretor com a presidente da Corte, Cármen Lúcia. No encontro, Segovia confirmou a ampliação, de 9 para 17, do número de delegados que atuam nos inquéritos. De acordo com o G1, ele informou ainda que os inquéritos da polícia em andamento no STF não são só da Operação Lava Jato. “A gente espera no menor prazo possível concluir essas investigações. Não são só inquéritos relativos à Lava Jato, são mais de 200 inquéritos hoje no STF, metade relativo à Lava Jato. Hoje já foram convocados 17 delegados para auxiliarem nessas investigações. A gente espera não só concluir os inquéritos no Supremo da Lava Jato, mas também todas as outras investigações que correm. A nossa meta é concluir todos os inquéritos hoje que estão no STF até o final deste ano”, afirmou Segovia.