Achei Sudoeste




Caculé: Beto Maradona faz balanço dos cem primeiros dias de governo

11 Abr 2013 - 13:40h

Em entrevista a Rádio Cultura de Guanambi, o prefeito de Caculé, Beto Maradona (DEM), fez um balanço sobre os seus cem primeiros dias de governo. Segundo Maradona, a sua gestão tem dado continuidade ao trabalho desenvolvido pelo ex-prefeito Luciano Ribeiro (DEM). Sobre a seca, o prefeito disse que adotou uma política de melhoramento da distribuição de água para o homem do campo, que é quem mais sofre com a estiagem prolongada. “Hoje, temos quase que 100% das localidades da zona rural abastecidas com água tratada. Temos também alguns projetos em andamento para podermos concluir até o final do ano esse serviço de atendimento. Água nós temos”, garantiu. Além disso, entre outros projetos, Maradona citou um em especial, em parceria com a Articulação no Semiárido Brasileiro (ASA), através do qual 620 cisternas estão sendo construídas na zona rural, a fim de universalizar o abastecimento de água para o homem do campo. Apesar do esforço da prefeitura, o gestor pediu mais agilidade na liberação de recursos do governo para combater a seca. “O governo do estado, até pela proximidade, tem de intervir e garantir para a população que as ações que estão sendo anunciadas cheguem com rapidez. Os governos federal, estadual e municipal têm de se unir”, disse. No balanço de governo, Maradona ainda falou sobre várias obras e projetos que já foram concluídos e outros que estão em andamento na cidade, entre os quais a construção da sede própria do Caps, a rodoviária nova, o melhoramento das estradas, organização do trânsito, cooperativa de reciclagem. Quanto aos festejos juninos de Caculé, o prefeito garantiu que já tem os recursos para realização do evento, inclusive as atrações já foram contratadas.