Achei Sudoeste




Caetité: INB volta a produzir urânio para geração de energia no Brasil

02 Dez 2020 - 15:00h

Nesta terça-feira (01), um evento marcou o retorno da produção de urânio na Unidade da Indústrias Nucleares do Brasil - INB em Caetité. Na solenidade, que contou com a presença do ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque, foi realizada uma detonação simbolizando o início da lavra a céu aberto em uma nova área, a Mina do Engenho. Na Unidade de Concentração de Urânio - URA são realizadas as duas primeiras atividades do ciclo do combustível nuclear: a mineração e o beneficiamento do urânio, tendo como resultado o Concentrado de Urânio, também conhecido como Yellowcake (U3O8). “Esta retomada é a primeira fase para consolidar nossa proposta de tornar o Brasil autossuficiente e um exportador de yellowcake”, afirmou o ministro. O presidente da República, Jair Bolsonaro, não pôde comparecer ao evento, mas enviou uma mensagem em vídeo demonstrando sua satisfação com a retomada da produção de urânio no Brasil: “Beneficiar urânio como acontecerá em Caetité, na Bahia, representa geração de emprego e renda para todos", destacou. Com o retorno, a INB irá gerar 600 empregos diretos e cerca de 1.800 indiretos. Haverá uma injeção de recursos financeiros na economia local de cerca de 76 milhões de reais ao ano e quase 30 milhões/ano de recolhimento de impostos estaduais e municipais.