Achei Sudoeste




Ministério da Saúde libera R$ 100 milhões a afetados pela chuva na Bahia

20 Jan 2022 - 14:30h

O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, assinou na tarde desta quarta-feira (19) uma portaria de apoio financeiro de mais de R$ 104,6 milhões para ações na área da Saúde para os 155 municípios baianos que estão em situação de emergência ou estado de calamidade pública devido às das fortes enchentes no final do ano passado. “Agora mais um reforço de R$ 100 milhões para o fortalecimento da atenção primária, porque passada a emergência da chuva, das enchentes, nós precisamos cuidar das pessoas que estão ali”, disse o ministro. O ministro não detalhou quando o apoio será enviado para as cidades e como será o processo de divisão da quantia por município. De acordo com o Ministério da Saúde, o cálculo do repasse aos municípios foi feito com base nos dados de dezembro do ano passado, enviados ao Sistema de Informação de Atenção Básica (Siab). Conforme o órgão, os prefeitos dos 155 municípios precisam estar atentos, pois a transferência excepcional será deduzida das parcelas a serem transferidas no último quadrimestre do exercício financeiro de 2022. As prefeituras poderão manifestar interesse pelos percentuais de dedução mensal mediante formalização, por meio de ofício, que deve ser encaminhado para o e-mail: [email protected], após término da situação de emergência ou estado de calamidade pública decorrente de desastres. Além do apoio financeiro, desde o início das enchentes, 182 novos profissionais vinculados ao Projeto Mais Médicos para o Brasil (PMMB) iniciaram atividades no estado. Outra medida adotada foi a publicação da nota técnica que permitiu o remanejamento dos profissionais bolsistas de outro municípios baianos.