Achei Sudoeste




Dilma Rousseff sanciona a construção de duas novas universidades para a Bahia

07 Jun 2013 - 17:39h

A Bahia terá duas novas universidades federais, graças à lei sancionada pela presidente Dilma Rousseff (PT) no último dia 05, quarta-feira. Acompanhada do governador Jaques Wagner (PT), de ministros, prefeitos e outras autoridades, a presidente aprovou a criação da Ufesba (Universidade Federal do Sul da Bahia) e da Ufob (Universidade Federal do Oeste da Bahia). O estado contará, através das duas universidades, com mais 19 mil novas vagas em 71 cursos nas mais diversas áreas acadêmicas. A Ufoba, com 35 cursos – entre graduações e pós-graduações, será sediada em Barreiras, com campi em Bom Jesus da Lapa, Barra, Santa Maria da Vitória e Luís Eduardo Magalhães. A Federal do Oeste terá capacidade para atender 7.930 estudantes. Já a Ufesba terá campi em Porto Seguro, Teixeira de Freitas e a sede em Itabuna. Com 36 opções de curso, a Federal do Sul comportará 11.110 alunos de graduação e pós. Satisfeita com a sanção da presidente, a deputada estadual Ivana Bastos (PSD) comentou que essa atitude presidencial traz a certeza de que o acesso ao ensino é prioridade tanto no governo federal quanto no estadual. “Para os nossos estudantes do oeste do estado, a universidade trará ainda mais oportunidade de um ensino de qualidade e gratuito, que possibilita a construção de uma Bahia ainda mais forte e qualificada”, completou Bastos.