Brumado: Motoristas defendem que lei vai penalizar pais de família e beneficiar grandes empresas

21 Ago 2019 - 09:00h

Na última terça-feira (20), motoristas do transporte alternativo de Brumado e região realizaram uma manifestação bloqueando parcialmente a BR-030, no trecho da Vila Presidente Vargas. A categoria protestou contra a alteração do código de trânsito que foi sancionada pelo presidente Jair Bolsonaro (PSL) e endurece a punição para esse tipo de transporte, considerado irregular. O site Achei Sudoeste conversou com os motoristas. Para eles, a lei passará a criminalizar o trabalhador. “Estamos vivendo em um país onde o desemprego cresce a cada dia. Agora, como pode um trabalhador, que tem como único meio de sustentar sua família uma van ou um micro-ônibus, ser criminalizado? A categoria não concorda”, opinaram. O protesto pacífico, promovido em todo país, visa fazer com que o governo revogue a alteração e permita que a categoria exerça as suas atividades. Uma mobilização maior está sendo organizada para esta quarta-feira (21), em frente à esplanada dos ministérios, em Brasília. Para a categoria, o presidente Jair Bolsonaro foi inconsequente ao não pensar nos pais de família que dependem do transporte alternativo, bem como nos usuários, que não podem ficar à mercê das grandes empresas. “Essa lei vai beneficiar as grandes empresas e penalizar os pais de família”, avaliaram.

Comentários

Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixar comentário

Comentário

mais notícias