Achei Sudoeste

BUSCA PELA CATEGORIA "Mundo"

29 Jul 2020 - 08:30h

Um homem usou fundos destinados a ajudar empresas durante a crise de coronavírus para comprar uma Lamborghini Huracán de US$ 318 mil, afirmou o Departamento de Justiça dos Estados Unidos nesta segunda-feira (27). O valor do modelo é equivalente a R$ 1,6 milhão na conversão atual. David T. Hines, de 29 anos, foi preso na Flórida e enfrentará processo por ter recebido US$ 3,9 milhões em empréstimos de forma fraudulenta; a quantia, em conversão para a moeda brasileira, é de mais de R$ 20 milhões. Inicialmente, Hines teria pedido US$ 13,5 milhões para que seus negócios pudessem continuar durante a pandemia, utilizando comprovantes falsos sobre pagamentos de funcionários e despesas de empresas. Ele acabou conseguindo o financiamento de US$ 3,9 milhões e utilizou parte do montante para comprar um Lamborghini Huracán ano 2020, que ele registrou em seu nome e no nome das empresas. A denúncia também alega que Hines não pagou os salários de seus funcionários, mas fez compras em resorts e lojas de luxo em Miami, disseram as autoridades.

28 Jul 2020 - 08:30h

A Ashley Madison registrou um aumento diário de 19 mil novos usuários desde o início do isolamento social, devido à pandemia do coronavírus. O site de traição é conhecido por ajudar pessoas comprometidas a marcarem encontros casuais e já conta com mais de 65 milhões de usuários no mundo inteiro. Aqui, no Brasil, a plataforma também tem feito sucesso e conseguiu mais de 4.226 inscritos no período de março a junho deste ano, atrás apenas dos Estados Unidos no número de novos cadastros. Com um passado polêmico, que envolve até mesmo um grande vazamento de dados em 2015, o site de relacionamentos extraconjugais atualmente propõe uma experiência discreta e honesta. A Ashley Madison pode ser acessada por meio de aplicativos para celulares Android e iPhone (iOS) e pelo site, na versão web. As informações são do TechTudo.

19 Mai 2020 - 09:30h

Países europeus relataram mais um dia de quedas no número de mortes pela Covid-19. A Itália registrou 99 vítimas em 24 horas nesta segunda — a primeira vez desde 9 de março em que esse indicador marca menos de 100 mortos. Na Espanha, as autoridades confirmaram 59 mortes, a menor variação diária em mais de dois meses. Já a França, registrou 131 novas vítimas. O Papa Francisco celebrou nesta segunda-feira (18) uma missa com a participação de poucas pessoas em uma capela da Basílica de São Pedro, no Vaticano, para lembrar o 100º aniversário de nascimento do Papa João Paulo II. A basílica, que estava fechada desde 10 de março por causa da pandemia de Covid-19, reabriu ao público com medidas de segurança. A Grécia reabriu a Acrópole de Atenas e outros sítios antigos, que passaram dois meses fechados por causa da pandemia. Nessa etapa de flexibilização das regras de isolamento, escolas e shoppings também voltaram a funcionar e os moradores das ilhas receberam autorização para viajar para o continente. Um dos locais mais afetados pela pandemia, com mais de 230 mil casos registrados, a Espanha planeja reabrir suas fronteiras para turistas até o final de junho. “Assim que nós espanhóis pudermos viajar para outras províncias, estrangeiros poderão vir para a Espanha”, disse o ministro do Transporte Jose Luis Abalos à TVE. O turismo é responsável por cerca de 12% da economia espanhola.

22 Abr 2020 - 05:00h

Montar um negócio nunca é simples e mesmo as tarefas mais fáceis, como a definição dos meios de pagamentos que serão oferecidos, adquire certa complexidade. Isso acontece porque gerenciar pagamentos envolve diversos fatores externos, como bancos, operadoras de cartões e meios de se proteger de golpes e fraudes. O principal elemento, aqui, é compreender o perfil do seu cliente e adequar seu negócio às formas de pagamentos que mais se encaixem com esse perfil, também oferecendo, quando possível, vantagens e ofertas especiais. Existem corretoras de Forex que dão bônus gratuitos a fim de que seus serviços sejam testados, prática que também é adotada por diversos serviços de streaming, servindo como uma forma de atrair clientes, por exemplo. Fica claro, portanto, como o essencial acaba sendo oferecer aos consumidores a melhor experiência de compra possível – e os meios de pagamento são parte integrante desse processo. Pensando nisso, destacamos a seguir alguns dos mais utilizados no mercado nacional.

 

 

Cartão de crédito
O cartão de crédito é, sem sombra de dúvidas, a forma de pagamento mais popular da atualidade, sendo utilizada até mesmo para pagar multas de trânsito. Isso é resultado de suas inúmeras vantagens frente à outras opções disponíveis no mercado, a exemplo da praticidade e prazo de pagamento.
E quem também se beneficia com essa modalidade de pagamento é o seu negócio, que irá garantir o recebimento do valor total por um serviço ou produto e contará com uma redução na taxa de inadimplência e maior praticidade em suas transações.


Boleto
O boleto é outro meio de pagamento muito popular, principalmente por atender grande parte da população e ser barata para comerciantes e clientes. É, ainda, uma opção importante para aqueles que não possuem cartão de crédito ou preferem evitar o seu uso. Esse meio de pagamento também acaba sendo bastante prático, já que o cliente pode realizar o pagamento de diversas formas – inclusive online, utilizando o aplicativo do seu banco.


Paypal
O Paypal é uma empresa de pagamentos online e opera em todo o mundo, tornando possível pagamentos rápidos e o envio de dinheiro. Assim, é uma ótima opção para quem precisa lidar com clientes internacionais. Ao realizar o pagamento, seu cliente será direcionado para a página do Paypal para concluir sua transação e, logo em seguida, todo e qualquer comprovante pago por esse método será enviado.


Débito recorrente
Outra forma de pagamento bastante popular é o débito recorrente. Em geral, é utilizada por quem adquire um serviço ou produto contínuo, em que existe uma “assinatura” ou pagamento de mensalidades. É, por exemplo, o principal sistema de pagamento adotado pela Netflix e demais serviços de streaming disponíveis no mercado.


Pagamentos instantâneos
Em um mundo que está em constante mudança, outra questão essencial para todo e qualquer negócio é estar ciente da revolução nos métodos de pagamento que estamos observando hoje. Um exemplo eficiente dessa realidade, e que já está em funcionamento aqui no Brasil, são os pagamentos instantâneos – modalidade anunciada recentemente pelo Banco Central e que pode significar o fim dos cartões de créditos físicos. O pagamento instantâneo irá funcionar de maneira muito similar a outros aplicativos de pagamento, como o Mercado Pago e o PicPay. Seu diferencial, contudo, está na pretensão de reunir bancos tradicionais (Banco do Brasil, Bradesco Itaú e Santander), bancos digitais (NuBank), bandeiras de cartão de crédito e demais prestadoras de serviço financeiros em um único espaço digital. A ideia é que, no momento de um pagamento, o usuário precise ligar apenas com o QR Code, uma vez que a troca de informações entre as empresas acontecerá nos bastidores. Assim, ao pagar um café, por exemplo, o cliente deverá simplesmente abrir o aplicativo no seu celular para ler o código do estabelecimento. Confirmada a identidade, o que poderá se dar por meio de leitura de digitais ou reconhecimento facial, o sistema valida a solicitação e a transferência é realizada instantaneamente.

 

CONTINUE LENDO

09 Abr 2020 - 15:30h

Um casal de gêmeos que nasceu no dia 27 de março foram chamados de Corona (a menina) e Covid (o menino) na cidade de Raipur, Índia. Segundo a mãe dos bebês, ela e o marido queriam “tornar o dia memorável”, mas que até o momento a ideia é batizá-los com esses nomes. “O parto aconteceu depois de enfrentar várias dificuldades e, portanto, eu e meu marido queríamos tornar o dia memorável. De fato, o vírus é perigoso e potencialmente fatal, mas seu surto fez as pessoas concentrarem a atenção no saneamento, na higiene e incorporarem outros bons hábitos. Assim, pensamos sobre esses nomes. Quando a equipe do hospital também começou a chamar os bebês de Corona e Covid, finalmente decidimos dar seus nomes em razão da pandemia”, disse a mãe das crianças. Ainda segundo a mãe, a ambulância que a levava ao hospital chegou a ser parada pela polícia. De acordo com a Revista IstoÉ, na Índia, os carros estão proibidos de transitar. Os gêmeos, segundo os médicos, estão saudáveis e já receberam alta.

21 Mar 2020 - 15:45h

A Itália registrou um novo recorde de mortes por coronavírus em 24 horas, com 793 registros neste sábado (21). Isso eleva a 4.825 o número de mortos pela pandemia na península em um mês, segundo dados da Proteção Civil. De acordo com o G1, na última quinta (19), a Itália superou a China em número de mortos pela Covid-19. Até aquele dia, o país europeu contabilizava 3.405 mortes desde o início do surto, enquanto os chineses registravam 3.245. Ainda neste sábado, as autoridades italianas anunciaram 6.557 novos casos positivos, outro recorde. O número total de casos subiu para 53.578, um aumento de 13,9%, informou a agência de proteção. A região de Milão, Lombardia (norte), onde os serviços de saúde estão sobrecarregados, registrou a grande maioria das mortes (546) deste sábado e metade dos novos casos. Lá, o total chega a 3.095 mortes e 25.515 casos. Das pessoas originalmente infectadas em todo o país, 6.072 haviam se recuperado totalmente até sábado, em comparação com 5.129 no dia anterior. Havia 2.857 pessoas em terapia intensiva contra as anteriores 2.655.

14 Fev 2020 - 09:30h

O Facebook anunciou nesta quarta-feira (12) que o WhatsApp atingiu a marca dos 2 bilhões de usuários. Lançado em 2009, o aplicativo é o segundo da companhia a alcançar o feito – a plataforma criada por Mark Zuckerberg fez o mesmo em 2017; já o Instagram, de propriedade da mesma empresa, contabiliza 1,1 bilhão. A conquista acontece pouco menos de três anos após a barreira do primeiro bilhão ser superada, e também representa um crescimento impressionante de 500 milhões de novos usuários em um curto espaço de tempo. De acordo com a veja, na postagem onde comemora o marco, a empresa reafirmou a necessidade de trabalhar por uma criptografia forte para proteger a privacidade de tantos usuários. “Sabemos que quanto mais nos conectamos, mais precisamos nos proteger”, afirmou o WhatsApp, por meio do comunicado, acrescentando que “todas as mensagens enviadas pelo aplicativo são protegidas por criptografia de ponta a ponta, que atua como um bloqueio digital (…), ajudando a proteger contra hackers e criminosos”. Na semana passada, as organizações de proteção à infância de uma dezena de países pediram ao Facebook para interromper seus planos de fortalecer a criptografia em suas plataformas on-line, alegando que permitiria que potenciais predadores agissem livremente. O tipo de criptografia que o WhatsApp usa impede que as forças de segurança acessem os dados dos usuários em muitos casos, mesmo com ordem judicial.

13 Fev 2020 - 16:30h

O Papa Francisco se reuniu nesta quinta-feira (13) com o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva no Vaticano. Segundo o site do Instituto Lula, o ex-presidente viajou até a Santa Sé para abordar temas como fome, desigualdade social e intolerância na conversa com o pontífice. O teor detalhado da reunião não foi divulgado até a última atualização desta reportagem. Em janeiro, o presidente argentino Alberto Fernández já havia anunciado que Francisco receberia Lula.

15 Jan 2020 - 19:00h

O esporte e a tecnologia costumam caminhar na mesma direção, a da inovação. Nesses tempos digitais, esse laço se torna muito mais estreito. Desta forma, praticamente todos os tipos de esportes vem melhorando constantemente suas transmissões para vídeos em 4K ou até 360º, oferecendo dados detalhados nas telas com interatividade online. As soluções da união entre esportes e tecnologia, partindo de organizações modernas, podem se mover em várias vertentes e dentre elas, está incluído o poker. A visualização de dados detalhados e a sobreposição de gráficos de maneira virtual, tem mostrado o futuro do jogo na era digital. Para os diferentes níveis de espectadores, o poker online abraça todos os tipos de fãs e jogadores.

É claro que os fãs querem se envolver cada vez mais com os esportes e jogos que adoram através da TV ou de dispositivos móveis. Jogos ao vivo com amadores ou jogadores famosos são muito populares, mas a grande maioria das pessoas prefere jogar o poker na modalidade online, permitindo que competidores de todo o mundo joguem juntos. Esses jogos online também são populares entre os espectadores que desejam assistir e aprender o jogo ou até mesmo seguir jogadores que admiram. A plataforma Twitch é perfeita para essas transmissões, pois é otimizada para streaming de vídeo e repleta de ferramentas sociais, portanto, sem surpresa, há sempre inovações por lá.

Com o interesse no poker crescendo como nunca antes, plataformas como o Twitch ou o Mixer estão atraindo novos públicos de todo o mundo, pois sempre olham para novas tecnologias e o que isso pode oferecer para melhorar a experiência dos usuários. A chave para levar uma audiência a um jogo de poker é mostrar as mãos do jogador, ver como as cartas são jogadas e como as fichas são apostadas.

Antigamente, havia uma câmera espiã na borda da mesa, na frente de cada jogador, e alguém costumava gravar um vídeo das cartas enquanto os olhava e digitar manualmente as informações que apareciam na tela.  Agora tudo é automático. A tecnologia usada é RFID (identificação por radiofrequência) e cada cartão possui um chip. São cartões de cassino padrão e custam cerca de £ 80 por pacote por causa das fichas. O chip de cada cartão é individual, portanto, não existem dois cartões iguais em qualquer lugar do mundo. As mesas são criadas sob medida para cada jogador, com os leitores incorporados e leva apenas um segundo para a mesa ler as cartas de cada um.

É uma tecnologia que já está disponível e que você pode comprar sempre que precisar. Toda a tecnologia nas tabelas está pronta para uso, e embaixo das tabelas os dados são criptografados e plenamente protegidos.

Algumas das maiores plataformas de jogos já estão usando o RFID e o que é mais interessante, é que essa tecnologia permite alternar rapidamente entre diferentes tabelas durante as transmissões e mostrar toda a ação em andamento. Antes do RFID não havia como fazer isso.

Os dados criptografados viajam ao longo de um cabo de fibra óptica para um sistema gráfico codificado. Ele é capaz de ler todas as cartas da mesa, as mãos que os jogadores seguram e as cartas do flop no meio, e também existe um sensor. Desta forma, é possível televisionar todos os tipos de jogos transmitidos pelo Twitch e, claro, os principais eventos.

Os grandes cassinos já usam RFID para rastrear fichas e é bastante interessante esse sistema. O melhor não seria apenas rastrear os chips em uma determinada mesa para a transmissão de TV ou Twitch, mas rastrear todos os chips em um torneio, fornecendo dados que informaria detalhes como quem é o chip leader naquele momento. Todos os telespectadores e jornalistas poderiam aproveitar isso e ter as informações atualizadas instantaneamente.

A velocidade dos jogos é intensa e rápida, portanto, manter os espectadores atualizados é vital, e cobrir uma sala cheia de mesas é um grande desafio. Obviamente, muitos dos dados não são mostrados ao público, mas para você poder ver os tipos de cartas que são jogadas e como elas são jogadas, entendendo as regras do poker. Se você vir 140 mãos de Poker em um dia, poderá ver a maneira como um determinado jogador joga um ás ou um par de pocket e então poderá ver como eles apostam em relação às cartas, o que é muito interessante!

Para empresas de esportes, jogos, apostas, mídia e dados como FIFA e Dimension Data, por exemplo, aprender como usar todos esses dados para contar histórias novas e emocionantes que envolvem os espectadores na era digital é o futuro do entretenimento. Todos esses setores aparentemente distintos estão agora à beira de uma fusão com entidades mais amplas, à medida que os dados começam a impulsionar a indústria de entretenimento e esportes.

12 Jan 2020 - 06:30h

Um garoto de 11 anos matou a tiros sua professora, feriu cinco colegas alunos e mais uma professora antes de cometer suicídio na sexta-feira, 10, em uma escola no estado de Coahuila, no norte do México. “Ele se comportava bem”, disse o governador, Miguel Riquelme, que culpa os videogames pela chacina. De acordo com a Veja, a tragédia aconteceu pela manhã na escola Cervantes, uma instituição de ensino primário da cidade de Torreón, onde o menino estudava. Segundo as investigações conduzidas pelo Ministério Público local, o menor pediu permissão para sair de uma aula e demorou a voltar. Quando a professora foi buscá-lo, ele a alvejou e, depois, feriu as outras seis pessoas. O delegado Maurilio Ochoa disse que dois dos alunos feridos estão em estado grave. Ele também afirmou que o garoto pode ter usado mais de uma arma de fogo. “Estamos investigando, nem o pai do menino sabe como ele teve acesso à arma”, afirmou Ochoa. O governador Riquelme declarou que, “ao que parece, o garoto foi influenciado por um jogo para computador chamado Natural Selection“, do gênero “tiro em primeira pessoa” (FPS, na sigla em inglês). “Até a camisa que ele estava usando tinha na parte inferior o nome do jogo. Foi o que influenciou o menino, lamentavelmente”, acrescentou. Ele se comportava bem, mas disse a alguns de seus colegas de classe que ‘hoje era o dia'”, concluiu. Após tomarem conhecimento da tragédia, vários pais de estudantes foram à escola Cervantes para procurar informações sobre os filhos, em um ambiente de profunda tensão. Em comunicado, a Secretaria de Educação Pública do México (SEP) lamentou o caso e manifestou solidariedade aos familiares das vítimas. Na nota, o ministro Esteban Moctezuma Barragán, da SEP, informou que na próxima reunião geral do Conselho Nacional de Autoridades Educativas (Conaedu) será debatido o tema de prevenção da violência nas escolas mexicanas.

01 Jan 2020 - 10:10h

O Papa Francisco se irritou nesta terça-feira, 31, com uma mulher que o puxou com uma das mãos, enquanto o líder da Igreja Católica saudava fiéis na Praça São Pedro, pouco depois de celebrar a última missa de 2019. A mulher estava atrás das barreiras de segurança montadas para conter o público. No momento em que o papa passou, ela o agarrou e o puxou para perto. Francisco, rapidamente, se desvencilhou e, em seguida, deu um tapa na mão da mulher, em sinal de repreensão. O líder religioso estava visivelmente irritado. Hoje, o papa foi até a Praça de São Pedro para visitar a árvore e o Portal de Belém, instalados durante o período do Natal. De acordo com a Veja, pouco antes, Francisco celebrou a última missa do ano, a das primeiras vésperas da Solenidade de Maria Santíssima Mãe de Deus, que também marcou o agradecimento pelo ano de 2019.

01 Jan 2020 - 08:10h

O WhatsApp disponibilizou diversas atualizações ao longo de 2019 para inserir novas funções no app, como o desbloqueio por digital no Android e o suporte ao Memoji no iPhone (iOS). No entanto, ainda há recursos disponíveis em rivais, como o Telegram, que são aguardados por usuários e podem chegar ao mensageiro em 2020. Além do Modo Escuro, que está em desenvolvimento e deve chegar em breve ao app, a possibilidade de editar mensagens enviadas, organizar figurinhas em categorias ou mesmo esconder o status "online" das conversas são ajustes bastante desejados e aguardados, mas que não têm previsão de lançamento. As informações são da TechTudo.

18 Dez 2019 - 14:30h

Aquela mensagem suspeita no celular, que geralmente alega ser de algum banco que necessita de informações pessoais para resolver alguma pendência urgente, pode estar perto de não preocupar mais ninguém. O Google e a empresa brasileira Zenvia, que desenvolve chatbots e serviços de mensagem, anunciaram que, desde o último final de semana, uma nova ferramenta para o aplicativo Google Messages está operando para verificar textos de SMS, e assim destacar se uma mensagem é autêntica, ou se pode ser de um spam suspeito. Com a nova atualização do app, quando um usuário receber um SMS de um número desconhecido, o aplicativo verifica se veio de uma empresa legítima. Nesse caso, aparecerá o nome e o logotipo, além de um ‘sinal de checagem’. Deve-se levar em conta que, mesmo sem o selo, a empresa pode ser, sim, confiável, cabendo aí checar de forma manual se o número que originou a mensagem é de um canal oficial. “A função é muito similar ao selo azul que famosos recebem nas redes sociais. Nesse caso, livramos o usuário da dúvida sobre a origem da mensagem e das chances de cair em algum golpe que tente coletar informações sigilosas”, afirma a diretora de produtos da Zenvia, Gabriela Vargas. O novo recurso está sendo lançado nos Estados Unidos, na Índia, no México, no Reino Unido, na França, em Filipinas, na Espanha, no Canadá e no Brasil. Outros países devem receber a ferramenta em breve.

06 Dez 2019 - 11:30h

Cinco homens atearam fogo em uma mulher na Índia nesta quinta-feira, 5. A jovem de 23 anos, cujo nome não é revelado, ia prestar depoimento em um caso no qual acusa dois homens — que estão dentre aqueles cinco — de tê-la estuprado. O crime ocorreu na cidade de Unnao, no norte do país, a 500 quilômetros da capital Nova Délhi. A mulher está sendo hospitalizada em uma cidade vizinha, Lucknow, e se encontra em estado crítico, com pelo menos 70% do corpo queimado. Mas o número pode ser de até 90%, segundo a revista indiana India Today. O policial Suvendra Kumar Bhagat afirmou à agência de notícias francesa AFP que todos os cinco homens envolvidos foram detidos e estão sendo questionados. Dentre eles, dois são processados pela vítima por estupro. Os dois homens teriam sido motivados por “vingança”, afirma Bhagat. Segundo relata o jornal britânico The Guardian, a vítima teria sido pedida em casamento por um dos homens, com quem tinha um relacionamento há um ano, e que abusava dela fisicamente e a estuprou com um outro amigo em dezembro de 2018 em Unnao. A Índia tem sido palco de uma série de casos de feminicídio desde o final de novembro. No dia 27 de novembro, o corpo de uma mulher foi encontrado em Hyderabad, no centro sul do país.  A veterinária de 26 anos foi vítima de um estupro coletivo, sendo morta por asfixia, teve o corpo queimado e deixado debaixo de uma ponte. Protestos tomaram as ruas do país por pelo menos três dias seguidos para reforçar a indignação popular ao estupro e assassinato da jovem. Segundo o Guardian, “dias depois” do caso em Hyderabad, uma adolescente também foi vítima de estupro coletivo e, depois, morta e queimada no estado de Bihar, no nordeste da Índia.

26 Nov 2019 - 12:30h

Dois padres foram condenados, nesta segunda-feira, 25, a mais de 40 anos de prisão por agressão sexual grave contra meninos surdos no Instituto de Ensino Próvolo, em Mendoza, um caso que abala a Igreja Católica da Argentina. Após três anos de aparecerem as primeiras denúncias, um tribunal penal condenou o padre argentino Horacio Corbacho a 45 anos de prisão e o italiano Nicola Corradi a 42. Ambos já encontravam-se em prisão preventiva. Segundo a Veja, nos dois casos, se considerou como agravante o fato de eles serem responsáveis pela guarda dos meninos e ministros de culto, e das vítimas serem menores de idade. O jardineiro do centro de ensino, Armando Gómez, também foi condenado, com pena de 18 anos de prisão, por agressão sexual. O julgamento começou em 5 de agosto, a portas fechadas. Nas audiências, avaliou os testemunhos de 13 vítimas, e considerou 25 casos de abusos, registrados entre 2004 e 2016. Foi descoberto que Corradi já havia sido apontado por crimes semelhantes em Verona, na Itália, sem que fosse julgado, e o Papa Francisco sabia que o padre estava administrando a escola na Argentina. Segundo o jornal argentino El Clarín, ao ouvir o veredicto condenatório, os três réus ficaram em silêncio, olhando para baixo. Enquanto isso, os ex-alunos de Próvolo expressaram sua emoção com os braços levantados, balançando as mãos como a balança da Justiça, que em linguagem de sinais significa que a verdade foi alcançada. É a primeira vez em 50 anos de denúncias de estupros, abuso sexual, maus-tratos e corrupção de menores que padres desta ordem religiosa com escritórios em Verona, La Plata e Mendoza são processados. Mendonza ainda tem 14 réus divididos entre dois casos, e outras denúncias de abuso no Próvolo de La Plata (60 km ao sul de Buenos Aires) estão sob investigação. O Instituto Próvolo, em Mendoza, 1.000 km a oeste de Buenos Aires, foi fechado em 2016 após as primeiras denúncias. A instituição tinha como objetivo ensinar crianças com deficiência auditiva ou distúrbios de linguagem.

22 Nov 2019 - 09:30h

Assim como acontece em muitas casas, a pequena Celeste Gravenmeier, 5 anos, estava pulando em cima da cama enquanto escovava os dentes quando caiu. O objeto perfurou a sua garganta. O caso aconteceu em West Valley City, Utah, nos Estados Unidos. Ela foi levada imediatamente ao hospital pelo seu pai e passou por uma cirurgia de emergência que durou duas horas para que o buraco na garganta fosse fechado. Tudo correu bem, mas os médicos afirmam que ela pode enfrentar problemas de fala no futuro e até precisar de outras cirurgias. De acordo com a Revista Crescer, Celeste já está em casa com seus pais e segue uma dieta rigorosa de alimentos macios e líquidos pelas próximas duas semanas. Por aqui, fica o alerta para que todos os objetos perfurantes, como escova de dentes e pirulitos, sejam oferecidos a criança sempre sob a supervisão de um adulto.

18 Nov 2019 - 14:30h

A russa Agina Altynbayeva, de 29 anos, postou um vídeo de seu filho dirigindo a mais de 100 km/h em uma rodovia da região de Tartaristão, na Rússia. A ação, extremamente perigosa, está sendo investigada pela polícia.  Na imagem, o menino aparenta está no controle do carro, enquanto o velocímetro se aproxima dos mais de 100 km/h. Na ocasião, a criança comete duas infrações muito graves, pois além de ter menos de 18 anos, idade que se é permitido dirigir na Rússia, ela ultrapassa o limite de velocidade da rodovia. Ainda, segundo informações do site Daily Mail, o menino havia passado por uma cirurgia ocular nos últimos meses. Ao postar o vídeo nas redes sociais, a mãe recebeu diversas críticas quanto a sua postura. No entanto, ela rebateu os comentários dizendo que tem o direito de viver da forma que quiser e que ninguém poderia julgá-la. “Estou orgulhosa que meu filho pode dirigir com facilidade”, disse a mãe.  Agina já trabalhou em uma agência de publicidade e em uma empresa de aluguel de carro. Ela explica que o filho não tem muito contato com o pai. Para compensar essa falta paterna, ela diz que busca fazer esses programas arriscados com filho. A mãe também está ensinando o menino a atirar. Após o ocorrido, as autoridades policiais iniciaram uma investigação. Os policiais conversarão com a mãe para entender o que aconteceu.

21 Out 2019 - 14:30h

A desnutrição ou sobrepeso são condições que atingem uma a cada três crianças com menos de cinco anos no planeta de acordo com um relatório do Unicef (Fundo das Nações Unidas para a Infância) divulgado nesta semana. O documento adverte para o fato de que crianças com desnutrição ou sobrepeso acabam tendo mais chances de acarretar problemas de saúde durante toda a vida. De acordo com o relatório, pelo menos 227 milhões de crianças dos 676 milhões que habitavam o planeta em 2018 são afetadas por esses problemas alimentares. O texto revela ainda que 340 milhões de crianças sofrem de carências alimentares. A Unicef ainda chamou a atenção para a “tripla carga”, de desnutrição, sobrepeso e carências, que vem sendo acumulada pelos países devido a globalização dos hábitos alimentares, a persistência da pobreza e a mudança climática. O documento da Unicef é o maior sobre o assunto dos últimos 20 anos. Ele ainda identificou que 149 milhões de crianças no mundo têm atraso no crescimento devido à desnutrição crônica, e 50 milhões são magros em relação à sua estatura, devido à desnutrição aguda ou a um problema de absorção de nutrientes. Reportagem da Folha de S. Paulo destaca que paralelamente, o sobrepeso e a obesidade tem apresentado um crescimento veloz, com um total de 40 milhões de crianças pequenas afetadas, inclusive nos países pobres. Enquanto o problema era praticamente inexistente nos países com baixa renda em 1990 (3% deles tinham mais de 10% de crianças com sobrepeso), agora três quartos deles enfrentam a questão.

24 Set 2019 - 13:30h

Em seu primeiro discurso no plenário da Assembleia-Geral das Nações Unidas, o presidente Jair Bolsonaro (PSL) abriu frentes de ataques severos contra os governos de esquerda no Brasil, a atitude da França diante dos incêndios na Amazônia e até mesmo o cacique caiapó Raoni Metuktire, uma das principais vozes contra as políticas indigenista e ambiental da sua gestão. Sob a alegação de que trazia a “verdade” ao plenário, o brasileiro criticou até mesmo a própria ONU, a quem acusou de “perverter a identidade biológica”, em referência à agenda da organização em favor da diversidade de gênero. “Apresento aos senhores um novo Brasil, que esteve à beira do socialismo”, declarou logo no início de seu discurso de 31 minutos – 11 a mais do que o determinado pela ONU a cada chefe de Estado. “Meu país esteve muito próximo do socialismo, o que nos colocou numa situação de corrupção generalizada, grave recessão econômica, altas taxas de criminalidade e de ataques ininterruptos aos valores familiares e religiosos que formam nossas tradições”, completou, em uma clara apresentação do viés ideológico de seu governo. Em plena situação de fritura de seu ministro da Justiça, em Brasília, Bolsonaro interrompeu seus ataques apenas ao alçar a figura do ex-juiz Sergio Moro, a quem elogiou por seu combate à corrupção. Igualmente valeu-se da presença da indígena Yzany Kalapalo, que trouxe à ONU como parte de sua delegação, para dar credibilidade a sua versão de que a Amazônia não está sendo destruída, de que seu governo combate o incêndio criminoso e de que sua política indigenista segue os anseios dos nativos brasileiros. Bolsonaro não chegou a mencionar a França diretamente, mas referiu-se à nação presidida por Emmanuel Macron como “um país” que adotou uma postura colonialista, seguiu a “mídia sensacionalista” e ousou “sugerir a aplicação de sanções contra o Brasil” no episódio dos incêndios na Amazônia. O presidente brasileiro pediu respeito à soberania nacional e atribuiu a polêmica internacional em torno do desmatamento da Amazônia à “mídia sensacionalista”.

06 Ago 2019 - 08:30h

Cinco brasileiros foram presos no sábado em Cabo Verde, na África, em uma embarcação na qual transportavam mais de duas toneladas de cocaína. A Polícia Judiciária do país, responsável pela apreensão da droga e pelas prisões, contou com a cooperação da Polícia Federal (PF) brasileira na operação. De acordo com informe divulgado pela corporação do arquipélago, o barco em que os cinco homens estava foi batizado de Perpétuo Socorro de Abaeté II. A quantia exata de cocaína transportada era de 2.256,27 quilos, o equivalente a 2,2 toneladas. Segundo o jornal O Globo, também atuaram na operação a Guarda Costeira de Cabo Verde, a Polícia Nacional do país e a Maritime Analysis and Operations Centre – Narcotics (Maoc-N), que tem sede em Lisboa. O Escritório das Nações Unidas contra a Droga e Crime (ONUDC) reconhece que o local integra a rota da cocaína até países da Europa, o que explica o esforço das autoridades cabo-verdianas para coibir o tráfico.