Achei Sudoeste

BUSCA PELA CATEGORIA "Brasil"

18 Out 2021 - 22:30h

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) anunciou nesta segunda-feira (18) o cancelamento do processo seletivo para a contratação de recenseadores e agentes censitários para o Censo Demográfico que será realizado em 2022. Segundo o IBGE, o contrato com o Cebraspe, empresa que seria organizadora do processo seletivo, termina nesta segunda e não será prorrogado. O processo seletivo para “as funções de recenseador, agente censitário municipal e agente censitário supervisor, que estava suspenso, passará à condição de cancelado”, informou o IBGE. Em nota, o órgão disse que vai colocar nos seus canais os procedimentos para a devolução das taxas de inscrição já efetuadas e que busca uma nova empresa para organizar o processo seletivo. O processo seletivo previa a abertura de 204 mil vagas e já havia sido suspenso em abril deste ano. À época, a decisão foi tomada por conta da aprovação, pelo Congresso, do Orçamento para este ano, que reduziu a apenas R$ 71 milhões o valor destinado para a realização da pesquisa, o que inviabilizou a realização do Censo.

15 Out 2021 - 10:30h

O Senado aprovou nesta quarta-feira (13) um projeto de lei (PL) que amplia a proteção a vítimas de violência doméstica e familiar. Dentre as medidas previstas no PL, estão alterações no texto do Código Penal e a previsão de prisão preventiva sem a necessidade de ouvir os envolvidos, caso haja necessidade de proteger possíveis vítimas. O PL será analisado pela Câmara dos Deputados. De acordo com a Agência Brasil, o PL 4.194 de 2019 sugere alterações nos códigos Penal e Processual Penal, em trechos relativos à violência familiar e doméstica. A primeira alteração está no § 9º do art. 129 do Código Penal, trocando o nome legal (nomen iuris) de “Violência Doméstica” para “Lesão resultante de violência doméstica e familiar”. O projeto adiciona também ao §13 a nomenclatura “Lesão corporal resultante de violência contra a mulher”. Além disso, no caso dos crimes de violência doméstica e familiar, o projeto propõe que as medidas cautelares de urgência, como prisão preventiva, possam ser concedidas de imediato, mesmo sem audiência das partes e de manifestação do Ministério Público. O Código de Processo Penal já confere ao julgador a opção de adotar medidas cautelares sem audiência das partes ou manifestação do Ministério Público, em casos de urgência ou perigo de ineficácia da medida. O projeto deixa expressa a possibilidade de uso deste instrumento em casos de violência familiar e doméstica. O relator do texto, Veneziano Vital do Rêgo (MDB-PB), fez uma alteração para reforçar a proteção, com prisão preventiva do agressor, a todas as possíveis vítimas em um contexto doméstico e familiar. Para tanto, adicionou a expressão “ou qualquer pessoa que conviva ou tenha convivido com o agente”. O texto vigente restringe a possibilidade aos casos que tiverem “mulher, criança, adolescente, idoso, enfermo ou pessoa com deficiência” como vítimas.

14 Out 2021 - 08:00h

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) afirmou nesta quarta-feira (13) que não vai tomar vacina contra Covid-19. Em entrevista para a rádio Jovem Pan, Bolsonaro disse que não precisa do imunizante por já ter sido infectado com o vírus.  “No tocante à vacina, eu decidi não tomar mais a vacina. Eu estou vendo novos estudos, eu tô com a minha imunização lá em cima, IgG tá 990, pra quê vou tomar a vacina?”, afirmou o presidente. “Seria a mesma coisa jogar na loteria R$ 10 para ganhar R$ 2. Não tem cabimento isso daí”, completou.  Na última vez que Bolsonaro falou sobre o assunto, ele afirmou que tomaria a vacina após o último brasileiro ser vacinado.

13 Out 2021 - 19:45h

A Banda Rasta Chinela voltou a gravar com o grande produtor que foi responsável pela identidade da banda desde o volume 5, de onde saíram vários sucessos. “Bolinha Sanfona” como é conhecido o produtor musical, faz parte do mercado business da música, brasileira e internacional. Já participou dos mais consagrados artistas como: Glória Estefan, Jorge e Mateus, Alexandre Pires, Bruno e Marrone, Marilia Mendonça, Anita, Henrique e Juliano, entre outros. Conhecido pelo seu estilo, que preza a música com qualidade, inovações, equipamentos sempre de ponta, ele promete que os fãs terão o Rasta que sempre gostaram, com um toque de inovação e modernidade sem perder a principal característica da banda, que também terá participações com grandes artistas. Bolinha está produzindo novos artista que ele acredita ter um grande espaço no mercado, como por exemplo, a dupla Edson e Enrico, Mateus Marê, Ruan Soares, entre outros.

12 Out 2021 - 10:30h

Um idoso, de 77 anos, foi preso em flagrante em Lindóia (SP) após furtar uma ambulância na cidade de Monte Sião (MG). Ao ser detido, na manhã deste domingo (10), o homem alegou que furtou o veículo para “dar uma volta”. O caso foi registrado na Delegacia de Serra Negra (SP). As informações são do G1. De acordo com a Diretoria de Saúde de Monte Sião, o idoso furtou o veículo que havia levado uma paciente de Monte Sião para o município para fazer uma tomografia. O motorista da ambulância relatou que estacionou após desembarcar a mulher em tratamento, saiu do local por um tempo e, quando voltou, não encontrou o automóvel. Segundo a Secretaria de Segurança Pública (SSP), o idoso foi abordado após guardas municipais de Socorro acionarem a Guarda Municipal (GM) de Lindóia ao verem o homem passar com a ambulância por um hospital e seguir pela Rodovia Socorro-Lindóia (SP-147). Os agentes fizeram a abordagem e, além da ambulância, encontraram dentro do veículo um aparelho celular que também tinha queixa de furto. O idoso, quando alegou que furtou o veículo para “dar uma volta”, apresentou uma versão desconexa, informou a SSP. O homem foi preso em flagrante e o caso registrado como furto na Delegacia de Serra Negra. O município de Monte Sião já recuperou a ambulância.

11 Out 2021 - 14:30h

Morreu, aos 116 anos, a brasileira considerada a mais velha do país e a terceira pessoa mais idosa de todo o mundo. Francisca Celsa dos Santos, natural da cidade de Cascavel, na região metropolitana de Fortaleza (CE), faleceu na última terça-feira, dia 5, de pneumonia. Sem nunca ter tomado um comprimido para o controle da pressão arterial, como afirmou uma de suas netas à Folha de S. Paulo, a centenária se alimentava bem e era muito espirituosa. A única vez que ficou doente foi aos 80 anos, quando teve um câncer no estômago. Ela se recusava a ir a hospitais e optava por fazer tratamentos caseiros, com remédios naturais, como a garrafada. Um dia antes de sua morte, Francisca foi reconhecida como a mais velha da América Latina pelo Guinness. No dia 22 de outubro, ela completaria 117 anos. A anciã deixa três filhas, netos, bisnetos e trinetos.

10 Out 2021 - 07:25h

A Prefeitura de Peruíbe, no litoral de São Paulo, multou o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) por não usar máscara facial durante uma visita à cidade neste sábado (9). Ele chegou na Baixada Santista na noite desta sexta-feira (8) para aproveitar o feriado de Nossa Senhora Aparecida. De acordo com o G1, o presidente está hospedado no Forte dos Andradas, em Guarujá, mas deixou o local por volta das 10h20 para passear pela região. Ele saiu de carro e entrou na balsa de veículos na travessia entre Santos e Guarujá, onde tirou fotos com apoiadores. Em Santos, ele seguiu para Peruíbe, município localizado a cerca de 113 km de Guarujá. Em Peruíbe, Bolsonaro foi até a feira montada em frente a rodoviária da cidade. A chegada do presidente provocou aglomerações no local. Ele foi recebido por moradores e tirou fotos. Durante todo o passeio, o presidente não usou máscara de proteção, cujo uso ainda é obrigatório no estado e no município, como prevenção à Covid-19. Devido a falta de uso de equipamento facial, a prefeitura afirma que o multou em R$ 500. Segundo o Departamento Municipal de Fiscalização de Posturas, o presidente será notificado da multa via Aviso de Recebimento (AR).

08 Out 2021 - 11:30h

O presidente Jair Bolsonaro promulgou a lei que suspende, até 31 de dezembro de 2021, a comprovação de vida para os beneficiários do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). A medida havia sido vetada por Bolsonaro na Lei nº 14.199, de 2 de setembro de 2021 que prevê meios alternativos para prova de vida, mas o veto foi derrubado pelo Congresso. De acordo com a Agência Brasil, o trecho, agora em vigor, foi publicado nesta quarta-feira (6) em edição extra do Diário Oficial da União. A prova de vida é uma exigência para manutenção do benefício e o não cumprimento leva a sanções que podem chegar à suspensão do pagamento por falta de atualização cadastral. Em 2020, a exigência da prova de vida foi suspensa em razão da pandemia de Covid-19, mas retomada em junho deste ano. A medida afeta a vida de mais de 7,3 milhões de aposentados e pensionistas do INSS que, agora, não terão seus benefícios suspensos caso não façam o procedimento.

07 Out 2021 - 14:30h

A Agência Nacional de Mineração (ANM) está fechando uma série de acordos de cooperação técnica com estados e municípios mineradores para ampliar a capacidade de fiscalização e cobrança da CFEM, a Compensação Financeira pela Exploração de Recursos Minerais. De acordo com o Brasil 61, a informação é do superintendente de arrecadação da agência, Etivaldo da Silva. “Temos um projeto muito importante, que são os acordos de cooperação técnica com estados e municípios. Vários municípios de Minas Gerais tiveram acordos aprovados pela diretoria da ANM e, brevemente, serão convocados para participar de treinamento e capacitação junto à equipe de coordenação de fiscalização de receitas da ANM”, destaca. A CFEM é uma contraprestação que as empresas mineradoras pagam à União, aos estados e aos municípios pela exploração dos recursos minerais. A ANM, que regula, fomenta e fiscaliza o setor mineral no país, é a responsável por cobrar as empresas. Mas especialistas, parlamentares e membros da própria agência apontam que o quadro de funcionários é insuficiente para vigiar a exploração nos quase 2.600 municípios mineradores do Brasil. De acordo com Associação Brasileira de Municípios Mineradores de Minas Gerais e do Brasil (AMIG), a ANM tem apenas sete fiscais para cobrir o território nacional. “Essa parceria é para suprir uma lacuna na área de fiscalização da Agência Nacional de Mineração", afirma o presidente da AMIG, José Fernando Aparecido de Oliveira. Após a publicação dos acordos de cooperação técnica no Diário Oficial da União e dos municípios que firmaram a parceria, a agência vai capacitar os servidores municipais com o objetivo de torná-los capazes de fiscalizar o pagamento da CFEM junto às companhias que exploram a atividade em seus respectivos municípios. “Esses acordos irão dar um salto de qualidade na fiscalização da CFEM, aumentando a quantidade de empresas fiscalizadas e contribuindo para o crescimento da arrecadação, uma vez que hoje a ANM tem um quadro muito reduzido de servidores”, comemorou Etivaldo. Cerca de 70 servidores, incluindo aqueles que fazem parte da agência, integram a iniciativa. 

06 Out 2021 - 11:30h

Um falso e-mail do WhatsApp está circulando entre internautas e apresenta riscos aos usuários. Trata-se de um vírus, que forja ser da comunicação do WhatsApp e convida a vítima a baixar uma cópia de backup das conversas e do histórico de chamadas no aplicativo de mensagens. Entretanto, o verdadeiro objetivo do e-mail é distribuir o Trojan bancário Grandoreiro, que rouba credenciais bancárias. O alerta é da ESET, empresa especializada em detecção proativa de ameaças. No e-mail, a mensagem inclui um anexo chamado “Open_Document_513069.html”. Este é um arquivo HTML que contém um URL encurtado pelo serviço bitly. De acordo com uma análise realizada do HTML anexado, clicar nele redireciona para um site no qual é feito o download de um arquivo .zip. Esse arquivo compactado contém um instalador MSI que baixa a ameaça, o trojan bancário Grandoreiro. Se o usuário executar o arquivo baixado, o computador provavelmente será infectado com o malware. Segundo a análise publicada pela empresa, trata-se de um Trojan bancário que compartilha muitas características com outras famílias de Trojan muito ativas na América Latina. Em 2020, o Grandoreiro, tipo de Trojan, estava presente principalmente em países como Brasil, Espanha, México e Peru. E logo após a pandemia ser decretada, foram detectados e-mails nos quais o tema Covid-19 era usado para enganar os usuários. Depois de infectar o computador da vítima, o principal objetivo desse Trojan é roubar credenciais bancárias por meio de pop-ups falsos que fazem a vítima acreditar que é o site oficial do banco. O Internet Security Office não descarta a possibilidade de haver outros e-mails em circulação com assuntos diversos.

06 Out 2021 - 09:30h

O total de brasileiros endividados ficou em 74% da população em setembro, 1,1 ponto porcentual acima de agosto, conforme a Pesquisa de Endividamento e Inadimplência do Consumidor (Peic), divulgada ontem pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC). Na comparação com setembro de 2020, o nível do endividamento está 6,8 acima. De acordo com o Tribuna da Bahia, com a alta de setembro, o indicador de endividamento renovou o nível recorde, mas houve queda na inadimplência, o que sinaliza um quadro menos negativo - a Peic mede todos os tipos de endividamento, incluindo cartão de crédito, e o crescimento do endividamento não implica, necessariamente, contas em atraso. O porcentual de famílias com dívidas ou contas em atraso atingiu 25,5% do total de famílias, 0,1 ponto percentual abaixo do nível de agosto, e 1 ponto abaixo do apurado em setembro de 2020. Para a CNC, a diminuição da inadimplência “tende a se consolidar ao longo do ano, mostrando o esforço das famílias em manter seus compromissos financeiros em dia, seja por meio da renegociação, seja por maior controle dos gastos ou evitando o consumo de supérfluos”. Por outro lado, o ciclo de alta dos juros básicos pelo Banco Central (BC) poderá ser um obstáculo, já que “tende a encarecer as dívidas e demais despesas em aberto”. “O recente aumento da alíquota do Imposto sobre Operações Financeiras (IOF), mesmo que temporário, acirra ainda mais esse custo”, diz a nota divulgada pela CNC.

04 Out 2021 - 13:15h

Usuários do WhatsApp, Facebook e Instagram relataram que estão enfrentando falhas no envio de mensagens e no carregamento de postagens das redes sociais na tarde desta segunda-feira (04). As informações são do Jornal o Globo. O assunto já é o mais comentados do Twitter no Brasil, com mais de 500 mil postagens. Muitos internautas relatam que fizeram testes com suas conexões de internet antes de perceberem que o problema era das plataformas. As plataformas já apresentaram instabilidade em outros momentos neste ano. Em agosto, o Facebook apresentou uma falha na plataforma de pesquisa do site.  Em junho, também houve problemas WhatsApp, Facebook e Instagram.

03 Out 2021 - 05:55h

Manifestantes foram às ruas em vários pontos do país para protestar contra o governo do presidente Jair Bolsonaro neste sábado (2). Até a última atualização desta reportagem, haviam sido registrados protestos em 94 cidades (incluindo todas as 27 capitais) nos 26 estados e no Distrito Federal. Entre as principais pautas e reinvindicações das manifestações, estão: impeachment de Bolsonaro; defesa da democracia; críticas à gestão do governo federal na condução da pandemia de Covid; e protestos contra a alta nos preços (sobretudo de alimentos, combustíveis e gás), a miséria e a fome. As manifestações foram organizadas por entidades, movimentos sociais e centrais sindicais. Elas tiveram participação de 20 partidos políticos: Cidadania, DEM, MDB, PCB, PC do B, PCO, PDT, PL, Podemos, PSB, PSD, PSDB, PSL, PSOL, PSTU, PT, PV, Rede, Solidariedade e UP.

02 Out 2021 - 07:05h

O corte de energia por falta de pagamento no caso dos consumidores de baixa renda voltou a ser permitido nesta sexta-feira (1º). Em abril, a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) suspendeu o corte de luz por inadimplência para os beneficiários da tarifa social em razão da crise provocada pela pandemia do coronavírus. Inicialmente, a medida valeria até 30 de junho, mas foi prorrogada pela agência até 30 de setembro. De acordo com a Aneel, não há previsão de outro adiamento. A suspensão por inadimplência pode ocorrer, por exemplo, nas seguintes situações: falta de pagamento da fatura relativa à prestação do serviço público de distribuição de energia elétrica; falta de pagamento de serviços cobráveis, como o da religação de urgência e o do desligamento ou remoção de poste. Antes de suspender o fornecimento de energia, a distribuidora deve encaminhar notificação ao consumidor. Segundo resolução da Aneel, essa notificação deve ser “escrita, específica e com entrega comprovada ou, alternativamente, impressa em destaque na fatura”. O envio deve ser feito com antecedência mínima de 15 dias. No caso das famílias de baixa renda, a distribuidora pode negociar o parcelamento do débito em, no mínimo, três parcelas. A proibição do corte contemplou cerca de 12 milhões de famílias que se enquadram na tarifa social de energia elétrica. Isso não significa que todas as famílias tiveram cortes suspensos durante esse período, mas que a partir de agora poderão sofrer interrupção de energia se não houver pagamento da conta de luz.

01 Out 2021 - 07:30h

Quase 870 mil contribuintes caíram na malha fina do Imposto de Renda 2021, segundo informou nesta quinta-feira (30) a Receita Federal. Segundo o órgão, foram entregues 36.868.780 declarações este ano. Destas, 869.302 declarações foram retidas em malha – 2,4% do total de documentos entregues. Entre as declarações retidas, 666.647 são declarações com imposto a restituir; 181.992 com imposto a pagar, e 20.663 com saldo zero.

01 Out 2021 - 06:00h

Não há brasileiro que não saiba o que é o Jogo do Bicho. Essa loteria foi criada em 3 de julho de 1892 e que se popularizou de tal forma que virou uma febre. O jogo permite fazer apostas a partir dos dez centavos, dando a qualquer pessoa, mesmo com menos recursos econômicos, uma chance de ouro para obter um grande lucro. Não há dados oficiais, mas as estimativas apontam para que este jogo movimente mais de 3 bilhões de reais por dia. Quem nunca ouviu a frase “vai dar zebra”? Pois essa expressão tem origem no Jogo do Bicho, uma vez que a zebra não faz parte dos 25 animais da tabela das apostas. A expressão significa apostar no desconhecido, arriscar em algo que parece impossível para obter um grande retorno. A chance é tão improvável que “vai dar zebra”, ou seja, o risco de sair um bicho que não faz parte dos 25 animais do jogo. O Jogo do Bicho também tornou popular a expressão “deu no poste”. Durante muitas décadas, as bancas de jogo afixavam os resultados num poste. A tradição continua bem viva e ainda hoje, em qualquer cidade do Brasil, há ruas com os resultados do Jogo do Bicho afixados em postes. Uma tradição que perdura, até porque, ao contrário das casas de apostas, o Jogo do Bicho não se modernizou. Entretanto, são já conhecidos os resultados do Jogo do Bicho de hoje, dia 30 de setembro. Confira todos os resultados. O Jogo do Bicho é um dos mais populares no Brasil e o resultado é dado a partir do resultado das loterias federal e estadual. E aí, você ficou milionário ou deu zebra? Veja como o Jogo do Bicho salvou a pele a Drummond, o velho barão que morria de medo de falir.

Como funciona o Jogo do Bicho?

O Jogo do Bicho atribui cinco prêmios, com muitas extrações a terem também um sexto e um sétimo prêmios. Os resultados das loterias formam uma combinação que resulta em cinco números, de quatro algarismos. São esses números que valem para os prêmios. Os números das dezenas têm correspondência numa tabela com 25 animais. Por exemplo, quando a combinação de resultados termina entre 01 e 04 corresponde à avestruz, o bicho que abre a tabela. Segue-se a águia, para números entre 05 e 08, e o burro, para números entre 09 e 12. E assim se avança na tabela dos bichos, sempre agrupando os quatro números seguintes. Além de avestruz (01-04), águia (05-08) e burro (09-12), tem borboleta, cachorro, cabra, carneiro, camelo, cobra, coelho, cavalo, elefante, galo, gato, jacaré, leão, macaco, porco, pavão, peru, touro, tigre, urso, veado e vaca. Ao todo, são 25 bichos e cada bicho tem um número correspondente à sua posição na tabela (1 – avestruz, 2 – águia, e por aí fora), agrupando sempre em quatro os números entre 01-04 e 97-00. Vamos imaginar que a loteria sorteou o número 3451. O vencedor é o galo, pois a dezena (51) está entre os quatro números do galo, que vai de 49 a 52. Mas se a loteria sortear o número 5134 o vencedor é a cobra (bicho número 9, agrupando os números entre 33 e 36).

História do Jogo do Bicho?

Em 1888, João Batista Vianna de Drummond foi nomeado barão de Drummond. Primeiro e único com esse título, o barão de Drummond vivia impressionado com o urbanismo de Paris, depois de uma visita à capital francesa. Ao urbanizar a antiga Fazenda dos Macacos, em Vila Isabel, Drummond criou o Jardim Zoológico, o primeiro do Rio de Janeiro, inaugurado em 1888. Um ano depois, o Brasil proclamou a República. O barão Drummond deixou de receber do Imperador o apoio financeiro para a manutenção do Jardim Zoológico, que virou um pesado encargo. Com medo de falir, Drummond falou com um amigo mexicano, Manuel Zavala, que lhe contou de um jogo que havia no Camboja. Esse jogo era como uma loteria, com os jogadores a apostarem num bicho. Em 1892, o barão Drummond apresentou à sociedade do Rio de Janeiro o primeiro Jogo do Bicho. No início do dia, o barão colocava a imagem de um animal dentro de uma caixa de madeira, colocada à entrada do zoológico. Esse animal era um de uma lista de 25 e cada visitante podia comprar um tíquete com uma estampa de um animal dessa lista de 25. No fim do dia, o barão abria a caixa e mostrava a figura vencedora. O visitante que tivesse um bilhete com esse bicho recebia um prêmio de 20 vezes o valor do ingresso. A avestruz saiu no primeiro dia, dando uma renda de 460 mil reais aos visitantes com o bilhete da avestruz. No sorteio seguinte, o cão valeu um prêmio de 2 milhões de reais. O Jogo do Bicho tornou-se conversa obrigatória, as filas no zoológico cresceram e outros negócios próximos ao zoo foram também lançando bancas com o Jogo do Bicho. O sucesso foi imediato e tão grande que o Jogo do Bicho não demorou a se alastrar em todo o Brasil. Em qualquer terra, os resultados eram afixados em postes, para atestar a honestidade dos bicheiros e dar confiança aos apostadores. Com o tempo, o Jogo do Bicho se tornou uma das maiores loterias do mundo”.

29 Set 2021 - 09:30h

O prefeito de São Mateus (ES), Daniel Santana (sem partido), conhecido como Daniel da Açaí, foi preso na terça-feira (28) durante uma operação realizada pela Polícia Federal com o objetivo de desmantelar uma organização criminosa que atua no Norte do Espírito Santo. Além do prefeito, também foi presa na Operação Minucius a controladora municipal e chefe de gabinete da cidade, Luana Zordan Palombo. Foram presos ainda João de Castro Moreira, apontado pela investigação como operador do prefeito, e os empresários Edivaldo Rossi da Silva, Yosho Santos, Gustavo Nunes Massete e Caio Faria Donatelli. O G1 tentou falar com representantes dos citados, um a um, mas ainda não conseguiu. A Prefeitura de São Mateus informou que só vai se manifestar quando tiver acesso ao processo. Segundo a PF, foram obtidas provas que indicam que o prefeito, desde o seu primeiro mandato (entre 2017 e 2020) e até no atual (desde o início deste ano), organizou um modelo criminoso estruturado dentro da administração municipal para cometer vários crimes, como o direcionamento fraudulento de licitações. O valor dos contratos celebrados pelo município com as empresas investigadas chega ao valor de aproximadamente R$ 50 mil. Foram cumpridos sete mandados de prisão temporária e 25 de busca e apreensão, em residências e empresas dos municípios capixabas de São Mateus (19), Linhares (6) e Vila Velha (1). Os policiais apreenderam R$ 437.135 em espécie na casa do prefeito. Mais R$ 299.910 mil foram encontrados em uma empresa de Daniel e R$ 56.250,00 estavam na casa de uma servidora pública. Em uma das salas do gabinete do prefeito foram encontrados documentos destruídos. São Mateus tem cerca de 130 mil habitantes e é uma das maiores cidades do Espírito Santo.

28 Set 2021 - 14:30h

O Congresso derrubou um veto do presidente Jair Bolsonaro e retomou a suspensão da prova de vida do INSS até o fim do ano. A prova de vida é prevista em lei e tem o objetivo de evitar fraudes no pagamento de benefícios, fazendo com que, uma vez por ano, aposentados, pensionistas e titulares de benefícios assistenciais tenham que ir à agência bancária em que recebem para atualizar a senha e provar que estão vivos. Parlamentares que foram favoráveis à derrubada do veto sustentaram que a prova de vida ainda pode causar riscos por conta da pandemia de Covid-19. De acordo com o jornal o Globo, pela lei aprovada, todos os bancos deverão, a partir do ano que vem, usar sistema biométrico para realizar prova de vida e dar preferência de atendimento a pessoas com mais de 80 anos, para evitar demora nas filas. Também foi autorizado que um representante legal, devidamente cadastrado no INSS, possa comparecer ao local em nome do beneficiário.

27 Set 2021 - 11:30h

Um homem de 39 anos manteve refém os dois filhos dele, de 4 e 12 anos, por mais de seis horas e atirou contra a ex-mulher, em uma casa em Alta Floresta, a 800 km de Cuiabá, nessa sexta-feira (24). No total, quatro pessoas foram mantidas em cárcere privado. De acordo com o G1, a ex-mulher está hospitalizada em estado grave esperando a transferência para um leito em Unidade de Terapia Intensiva (UTI) em alguma cidade vizinha. O filho de 12 anos ficou por horas sob a mira da arma de fogo. De acordo com a Polícia Civil, por volta de 9h30 dessa sexta-feira, a Divisão de Investigação de Violência Doméstica e Abusos Sexuais da Delegacia de Alta Floresta foi acionada para atender uma ocorrência sobre descumprimento de medidas protetivas envolvendo supostamente uma adolescente de 15 anos e tendo como suspeito seu pai. Ao chegar à residência, localizada no bairro Jardim Imperial, os investigadores foram surpreendidos com gritos e três disparos de arma de fogo vindos do interior da residência. Os policiais avistaram o suspeito agredindo a ex-mulher, de 39 anos. Para impedir a continuidade da agressão, os policiais fizeram dois disparos, o que fez com que o homem se desvencilhasse da vítima. Ela conseguiu sair do interior da casa junto com uma criança, que é seu sobrinho, e foi socorrida pela equipe policial. A mulher foi encaminhada imediatamente ao Hospital Regional de Alta Floresta, atingida gravemente com um disparo no rosto. O suspeito permaneceu dentro da casa e tomou como reféns seus dois filhos menores, de 4 e 12 anos, os trancou na residência e fechou o portão eletrônico. A partir deste momento, os investigadores isolaram o perímetro e solicitaram reforços de equipes da Polícia Civil, Polícia Militar e Corpo de Bombeiros.

26 Set 2021 - 09:00h

Em entrevista à revista Veja, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) admitiu que “se excedeu” durante as manifestações de viés golpistas de 7 de setembro e que muitos de seus apoiadores esperavam que ele “chutasse o pau de barraca”. Porém, ao explicar o seu recuo com uma carta escrita com a ajuda do ex-presidente Michel Temer (MDB), disse que preferiu “acalmar tudo”. Segundo ele, não há chance de “melar a eleição”, como já chegou a ameaçar. Prestes a completar 1 000 dias de governo, Jair Bolsonaro recebeu a Veja na quinta-feira 23 para uma conversa de duas horas no Palácio da Alvorada, onde cumpre isolamento sanitário por comparecer à abertura da Assembleia-Geral da ONU. Em Nova York, Bolsonaro pintou um Brasil que se livrou da corrupção, superou a pandemia, protegeu o meio ambiente e está bem estruturado para receber investimentos internacionais. “Esperavam que eu fosse chutar o pau da barraca. Você imagina o problema que seria chutar o pau da barraca”, disse Bolsonaro, que ainda afirmou na entrevista que não convocou as manifestações, embora tenha as incentivado nas semanas anteriores, adotando um tom golpista. Ao dizer que extrapolou em algumas falas em São Paulo, Bolsonaro não explicou quais. “Eu vinha falando que estamos lutando por liberdade e comecei a falar uns quinze dias antes que estaria na Esplanada e em São Paulo. Mas em São Paulo, quando eu falei em negociar, eu senti um bafo na cara. Extrapolei em algumas coisas que falei, mas tudo bem”, disse. Crítico feroz ao voto eletrônico, Bolsonaro também recuou, dizendo que a participação das Forças Armadas em um conselho do TSE (Tribunal Superior Eleitoral) dá segurança ao pleito. Segundo o mandatário, haverá eleições, embora tenha feito ameaças durante a sua defesa do voto impresso antes da rejeição do projeto pela Câmara dos Deputados “Vai ter eleição, não vou melar, fique tranquilo, vai ter eleição. O que o Barroso está fazendo? Ele tem uma portaria deles, lá, do TSE, onde tem vários setores da sociedade, onde tem as Forças Armadas, que estão participando do processo a partir de agora. As Forças Armadas têm condições de dar um bom assessoramento”, disse.

24 Set 2021 - 09:30h

O Senado aprovou nesta quarta-feira (22) uma mudança na distribuição de vagas das chamadas sobras eleitorais em cargos de deputados federais, estaduais e vereadores. Sobras eleitorais são as vagas não preenchidas pelo quociente eleitoral. Atualmente, o Código Eleitoral prevê que todos os partidos podem disputar as sobras eleitorais. O quociente eleitoral é um número encontrado pela divisão do número de votos válidos pelo número de vagas na Câmara dos Deputados (e, da mesma maneira, nas assembleias legislativas e câmaras municipais), desprezada a fração. O projeto de lei (PL) aprovado hoje condiciona a distribuição de vagas do limite mínimo de votos obtidos pelo partido. De acordo com o texto aprovado pelos senadores, poderão concorrer à distribuição das sobras de vagas apenas os candidatos que tiverem obtido votos mínimos equivalentes a 20% do quociente eleitoral e os partidos que obtiverem um mínimo de 80% desse quociente. De acordo com a Agência Brasil, o PL segue para sanção presidencial.

22 Set 2021 - 11:30h

Mais da metade dos brasileiros é a favor da volta do horário de verão, segundo pesquisa Datafolha realizada de 13 a 15 de setembro. Segundo o instituto, 55% apoiam a iniciativa. Outros 38% rejeitam adotar o sistema em que os relógios são adiantados em uma hora durante uma parte do ano para que haja uma hora a mais de claridade durante o dia. Os demais são indiferentes ou não souberam responder. Pesquisa Datafolha sobre o tema feita em setembro de 2017 mostrou que 58% aprovavam o programa, e 35% eram contra. O horário de verão foi extinto em 2019 pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido), sob o argumento de que já não garantia grande economia de energia enquanto causava transtornos para trabalhadores, principalmente aqueles que dependem do transporte público ainda de madrugada. O recorte da pesquisa mostra que a adesão é maior entre estudantes (74%), pessoas de 16 a 24 anos (71%) e com ensino superior (61%). A rejeição é maior entre aposentados (49%) e pessoas com ensino fundamental (44%). Nesses dois grupos, a adesão fica em 43% e 49%, respectivamente. Os empresários estão divididos: 46% contra e 46% a favor. Algumas entidades empresariais pedem a volta da medida para tentar reduzir o consumo de energia diante da seca nos reservatórios, entre elas, as do setor elétrico. Regionalmente, a mudança é mais aceita no Sul (63%) e menos no Sudeste (52%) e Centro Oeste/ Norte (51%). No Nordeste, onde o horário de verão deixou de ser adotado em suas últimas edições, o apoio também é elevado (59%).

21 Set 2021 - 10:30h

Vinte governadores divulgaram nota na qual afirmam que o aumento do preço da gasolina é um “problema nacional” e não das unidades da federação. A carta é uma resposta às acusações do presidente Jair Bolsonaro, que culpa os estados pelo aumento do preço do combustível. Na carta, os governadores afirmam que, embora o preço do combustível tenha registrado aumento superior a 40% nos últimos 12 meses, nenhum estado aumentou nesse período o Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS), um dos tributos que incidem sobre a gasolina. “Falar a verdade é o primeiro passo para resolver um problema”, escreveram os governadores, entre os quais aliados de Bolsonaro como Claudio Castro (Rio de Janeiro), Romeu Zema (Minas Gerais) e Ronaldo Caiado (Goiás). “Os Governadores dos Entes Federados brasileiros signatários vêm a público esclarecer que, nos últimos 12 meses, o preço da gasolina registrou um aumento superior a 40%, embora nenhum Estado tenha aumentado o ICMS incidente sobre os combustíveis ao longo desse período. Essa é a maior prova de que se trata de um problema nacional, e, não somente, de uma unidade federativa. Falar a verdade é o primeiro passo para resolver um problema”, diz a íntegra da nota. Sete governadores não assinaram a carta: Carlos Moisés (Santa Catarina); Ratinho Júnior (Paraná); Mauro Carlesse (Tocantins); Marcos Rocha (Rondônia); Antonio Denarium (Roraima); Wilson Lima (Amazonas); e Gladson Cameli (Acre).

21 Set 2021 - 09:30h

Pai e madrasta foram presos suspeitos de espancar uma menina de 4 anos, em Aparecida de Goiânia, na Região Metropolitana da capital. A criança precisou ser hospitalizada porque estava com ferimentos em várias partes do corpo e até com um braço quebrado. Conforme o Conselho Tutelar, ela perdeu a mãe para a Covid-19 há quatro meses. De acordo com o G1, a denúncia de agressão foi feita pelo próprio pai da criança à Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente (DPCA), na quinta-feira (16), após a irmã dele o alertar sobre os machucados. No entanto, enquanto o homem acusava a companheira de agredir a menina, a madrasta o acusou do mesmo. Assim, ambos acabaram presos. “A DPCA vai apurar as circunstancias desse delito, seja através de diligências, ouvindo testemunhas, [...] qualquer um que possa contribuir para a elucidação. As investigações vão individualizar a conduta de cada um: pai e madrasta”, explicou a delegada Bruna Coelho. Como os nomes dos suspeitos não foram divulgados, o G1 não conseguiu localizar a defesa deles para que se posicionasse sobre o caso. Após a denúncia, a Polícia Civil localizou a criança e a submeteu a um exame médico. O profissional de saúde indicou que a paciente precisava de atendimento hospitalar. A menina foi encaminhada para o Hospital de Urgências Governador Otávio Lages de Siqueira (Hugol), em Goiânia. Segundo relatos do Conselho Tutelar e da Polícia Civil, a menina tinha hematomas novos e antigos. Como o braço direito dela estava fraturado, precisou passar por uma cirurgia.

20 Set 2021 - 14:30h

A maioria da população brasileira desconfia sempre das declarações do presidente Jair Bolsonaro, segundo a última pesquisa Datafolha. Conforme o levantamento, 57% dos entrevistados afirmaram nunca confiar no que é dito pelo presidente, 28% disseram confiar às vezes e 15% responderam que sempre confiam. Este é o nível mais alto de desconfiança em relação às falas de Bolsonaro já medido pelo Datafolha. Na pesquisa anterior, realizada em julho, 55% haviam dito que nunca confiavam nas declarações do mandatário. Pouco antes, em maio, a barreira dos 50% tinha sido atingida. A alta é consistente desde dezembro passado. O instituto entrevistou presencialmente 3.667 pessoas em todo o país entre os dias 13 e 15 de setembro. A margem de erro é de dois pontos percentuais, para mais ou para menos, com nível de confiança de 95%.

19 Set 2021 - 07:10h

A maioria dos brasileiros, 56%, diz ser a favor da abertura do processo de impeachment do presidente Jair Bolsonaro pelo Congresso, de acordo com pesquisa feita pelo Datafolha entre 13 e 15 de setembro. O percentual de pessoas a favor do impeachment de Bolsonaro oscilou dois pontos para cima desde o último levantamento, em julho deste ano. Agora, se declararam contra a abertura do processo 41% dos entrevistados e 3% disseram não saber (eram 42% e 4% na pesquisa anterior, respectivamente). O tema do impeachment de Bolsonaro voltou a ser discutido com mais força entre os partidos de oposição depois dos atos bolsonaristas de 7 de setembro, em que o presidente fez discursos de ataque às istituições e seus apoiadores pediram o fechamento do Congresso e do Supremo Tribunal Federal, pautas inconstitucionais e antidemocráticas. Entre os segmentos da população mais favoráveis à queda de Bolsonaro estão homosssexuais e bisexuais (83%), estudantes (68%) e habitantes do Nordeste (67%). Na outra ponta, ainda se mostram mais contrários ao processo de impeachment empresários (69%), os que têm renda mensal maior que dez salários mínimos (55%), e evangélicos (53%). O levantamento do Datafolha ouviu presencialmente 3.667 pessoas maiores de 16 anos em 190 municípios. A parcela da sociedade a favor do impeachment tem aumentado sistematicamente desde janeiro, segundo o Datafolha. À época, 42% eram favoráveis à abertura do processo de impedimento do presidente, ante 53% favoráveis. Em maio, 49% se diziam a favor e 46% contrários à abertura do impeachment pelo Congresso.

17 Set 2021 - 10:30h

Pesquisa do Instituto Datafolha divulgada nesta quinta-feira (16), pela Folha de S.Paulo, revela que a reprovação do governo Jair Bolsonaro segue em tendência de alta. De acordo com o levantamento, a reprovação oscilou 2 pontos percentuais em relação ao levantamento feito em julho - 53% consideram o governo ruim ou péssimo, o pior índice do mandato; na última pesquisa, eram 51%. O Datafolha ouviu presencialmente 3.667 pessoas com mais de 16 anos, em 190 municípios de todo o país nos dias 13 a 15 de setembro. A margem de erro é de dois pontos para mais ou menos. O presidente é avaliado como bom ou ótimo por 22%, oscilação negativa dos 24% da pesquisa anterior, que já indicava o pior índice de seu mandato. O consideram regular 24%, mesmo índice de julho. A novidade antes da pesquisa foi a realização dos atos contra o Supremo Tribunal Federal (STF) no dia 7 de setembro. O recuo do presidente após a pressão institucional, sugere o levantamento, também não trouxe impacto perceptível na forma de uma queda abrupta de apoio ao presidente na sua base.

15 Set 2021 - 00:50h

As discussões para viabilizar a presença do cassino online Brasil cresce a cada dia. A ideia é que as plataformas não estejam apenas na internet, mas também nos resorts e hotéis brasileiros, acabando com uma proibição que vigora no país desde 1946, após decreto do presidente Eurico Gaspar Dutra. A proposta tem o apoio de setores do Ministério da Economia e da sociedade civil. Em webinar promovido recentemente no fim de agosto, Gustavo Guimarães, chefe da Secretaria de Avaliação, Planejamento, Energia e Loteria (Secap) do Ministério da Economia, afirmou que a ideia em debate é tornar viável a constituição dos resorts integrados, algo que está em debate em projetos de lei no Congresso Nacional. “Pela nossa visão é de que existem investimentos vultosos, não só dos próprios players, mas também do Estado e da regulação rigorosa. Venho do setor financeiro, pois sou funcionário de carreira do Banco Central do Brasil e sempre olho para a questão dos cassinos com a mesma visão. É um setor muito importante e que precisa ser bem regulado”, disse. Guimarães revelou que acompanha no Congresso Nacional o trâmite das discussões sobre cassinos já que “é uma demanda não só da indústria, mas também da sociedade”. “Entendemos também que o turismo irá se beneficiar bastante do avanço dessa discussão no Brasil. Há um potencial imenso de arrecadação e tem muito a contribuir para o país em termos de emprego, renda e desenvolvimento e arrecadação”, afirmou. Também presente no evento online, Karen Sierra Hughes, que é vice-presidente  para a América Latina e Caribe da Gaming Laboratories International, mostrou dados recentes da American Gaming Association, maior entidade do setor no mundo, mostrando como a indústria dos cassinos impacta de maneira positiva a economia dos EUA, e de como esse pode ser um exemplo positivo para o Brasil. “É uma indústria rica e muito importante para o desenvolvimento em vários segmentos industriais em todas as jurisdições onde existe uma regulamentação séria. Por isso é fundamental que exista um equilíbrio perfeito entre a receita de jogos e a regulamentação”, afirmou Hughes. “É preciso que se dê aos operadores condições para que sejam bem-sucedidos nessa indústria e que, com isso, o setor seja um importante gerador de recursos para um país, ao mesmo tempo apresentar regulações que sejam suficientemente robustas para que o crescimento seja controlado e supervisionado”, completou a executiva. Quem também esteve presente nas discussões foi Alex Pariente, vice-presidente de Cassinos e Hotéis do Hard Rock, tradicional casa conhecida mundialmente. O grupo, que nasceu em Londres em 1971, tem mais de 253 unidades da marca e atualmente 36 hotéis, sendo 11 deles em desenvolvimento no Brasil, e 13 cassinos. “Defendemos os resorts integrados como um gestor de turismo, capaz de gerar forte impacto na economia”, disse o dirigente. “Quando falamos em resorts integrados, destacamos um nível diferente de escala econômica, tanto do ponto de vista do empreendimento em si quanto da influência que ele tem nos locais onde são estabelecidos e na economia”, completou o executivo do Grupo Hard Rock. De acordo com ele, entre os benefícios da implantação de um cassino em resort integrado destacam-se os altos investimentos, que podem chegar a 1,1 milhão de dólares por quarto, grande geração de empregos e forte impacto econômico e de desenvolvimento local. “O Brasil precisa dar esse passo e aproveitar uma demanda reprimida”, finalizou o executivo.

13 Set 2021 - 11:30h

A mãe de uma adolescente de 12 anos descobriu que a filha não foi vacinada contra a Covid-19 após publicar um vídeo nas redes sociais. O caso ocorreu na tarde deste sábado (11) durante uma ação de vacinação em Várzea Paulista (SP). Em um vídeo enviado à TV TEM, é possível ver que a enfermeira estava com a seringa e quando coloca a agulha no braço da adolescente, não injeta o imunizante e finaliza como se tivesse vacinado. Em entrevista ao G1, a mãe da adolescente, que preferiu não ser identificada, contou que fez o vídeo do momento da aplicação como uma forma de comemorar o “presente de aniversário” antecipado da filha, que completará 13 anos no dia 19 deste mês. “Eu não tenho o costume de filmar, mas eu resolvi filmar ela. Ela estava super ansiosa com a vacinação e tem pavor de agulha. Depois que postei o vídeo, percebei que ela não tinha sido vacinada. Eu fui no postinho de saúde e expliquei para as enfermeiras”. Segundo a mãe da adolescente, ela havia sido orientada a voltar na segunda-feira (13) para a jovem receber a dose correta, mas ela explicou para a equipe que não conseguiria por causa da rotina de trabalho da família. Depois de conversas com a equipe, a adolescente conseguiu receber o imunizante de forma correta, de acordo com a mãe. “Eu queria que minha filha fosse vacinada no sábado. Nos sentimos enganadas. Essa vacinação é muito importante, tem pessoas morrendo por causa do vírus. Com quantas crianças pode ter acontecido isso? Que a mãe não viu ou só tirou foto. É um alerta para que os pais fiquem atentos”. Em nota, a Prefeitura de Várzea Paulista informou que adotou todas as providências e que os fatos estão sendo apurados pela administração. A enfermeira foi afastada da equipe de vacinação.

12 Set 2021 - 05:20h

A estudante Juliana Alves, de 15 anos, foi assassinada com pelo menos cinco tiros, na tarde deste sábado (11), enquanto saía de casa com a mãe para comprar o almoço. O crime aconteceu no bairro Cidade de Deus, Zona Norte de Manaus. De acordo com o G1, o crime aconteceu por volta do meio-dia. Familiares da vítima, que preferiram não se identificar por medo de represálias, contaram ao G1 que Juliana e a mãe estavam na rua quando foram surpreendidas por um homem, ainda não identificado, que saiu de um carro. “O homem só fez sair do carro e apontar o revólver para a cabeça dela e atirar. Não sabemos o motivo para este crime. Ela era uma menina tranquila e inocente, ainda estudava, estava na nona série e nunca se envolveu em crime nenhum”, disse um familiar de Juliana. Testemunhas afirmam, ainda, que a mãe da adolescente chegou a pedir para que a filha corresse e se escondesse, mas a jovem não teve tempo. “A gente pensava que era até algum motorista perdido pelo bairro atrás de informações sobre a rua, mas não. Ela não teve tempo de defesa. Foi um crime cruel”, afirmou o parente da vítima. Policiais da 13ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom) estiveram no local e o caso será investigado pela Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS).