Achei Sudoeste

BUSCA PELA CATEGORIA "Tanhaçu"

07 Jan 2022 - 08:00h

Por volta de 22h30 desta quarta-feira (05), uma guarnição da Companhia Independente de Policiamento Especializado (Cipe Central) realizava patrulhamento na cidade de Tanhaçu, a 74 km de Brumado, quando avistou um indivíduo em atitude suspeita. Durante a tentativa de abordagem, o homem fugiu, levando consigo um objeto que aparentava ser uma sacola. Ao ser alcançado e revistado, foi encontrada certa quantidade de substância semelhante à cocaína, uma quantidade de substância similar à maconha e R$ 303 em notas e moedas. Todo material apreendido e o indivíduo foram conduzidos à sede da 20ª Coordenadoria de Polícia do Interior (Coorpin), em Brumado.

05 Jan 2022 - 18:10h

O Instituto do Meio Ambiente da Bahia (Inema) concedeu nesta terça-feira (04) a Licença Prévia de instalação (LP) do Complexo Híbrido Eólico e Solar Alfazema, que está sendo desenvolvido no Sudoeste da Bahia pela empresa Quinto Energy. Considerado o segundo maior projeto híbrido em desenvolvimento no Brasil, o Alfazema conta com 340 aerogeradores e 850 mil módulos solares, que serão instalados nos municípios de Ituaçu, Barra da Estiva, Jussiape, Tanhaçu, Ibicoara e Mucugê. Este projeto da Quinto Energy tem capacidade instalada de 1,5 GW/ano, um montante de energia suficiente para abastecer 2,8 milhões de residências. Com a concessão da Licença Prévia, o Alfazema segue avançando a passos largos em sua tramitação rumo à fase de implantação. Ao obter a LP, a Quinto atendeu a todos os requisitos exigidos pelo Inema nesta fase de liberação, comprovando toda viabilidade ambiental do empreendimento.

28 Dez 2021 - 10:00h

Criminosos estão tentando aplicar um golpe em nome do prefeito da cidade de Tanhaçu, João Francisco Santos (PP), e de sua esposa Maria Auxiliadora Sarmento Santos, a Dora. Utilizando o número (75) 9843-9611, os golpistas solicitam uma transferência bancária através de Pix para o número (87) 99646-7656. Segundo apurou o site Achei Sudoeste, nesta segunda-feira (27), o gestor registrou um boletim de ocorrência na delegacia local e, nas redes sociais, alertou a população para que ninguém caia no golpe. Segundo ele, trata-se de uma quadrilha que quer obter recursos de forma ilícita em seu nome.

27 Dez 2021 - 19:00h

Nesta segunda-feira (27), a prefeitura municipal de Tanhaçu, a 74 km de Brumado, publicou no Diário Oficial o Decreto nº 193/2021, que declara situação de emergência em áreas da cidade em virtude de danos causados pelas chuvas intensas. Segundo apurou o site Achei Sudoeste, o decreto considera que o enorme volume de chuvas que atingiu o município causou inundações, enxurradas e alagamentos e, consequentemente, danos materiais em residências, vias públicas, pontes e equipamentos públicos.

Diante da situação, o prefeito João Francisco Santos (PP) autoriza a mobilização de todos os órgãos municipais para atuarem, sob a direção da Coordenadoria Municipal de Defesa Civil, nas ações de resposta ao desastre e reabilitação do cenário. Também fica autorizada a convocação de voluntários. O governador Rui Costa (PT) já reconheceu o decreto na esfera estadual. Na manhã desta segunda-feira (27), segundo moradores da região, residências no distrito de Sussuarana, em Tanhaçu, foram invadidas pelas águas do Rio das Contas (veja aqui).

27 Dez 2021 - 07:00h

Na manhã desta segunda-feira (27), residências no distrito de Sussuarana, em Tanhaçu, a 74 km de Brumado, começaram a ser invadidas pelas águas do Rio das Contas. A informação foi confirmada ao site Achei Sudoeste por moradores da região. “Esse rio nunca teve uma enchente dessa”, disseram. De acordo com um morador, não chove forte no local no momento. “Na madrugada caiu uma garoa e agora apenas chuvisco”. A prefeitura de Tanhaçu ainda não se pronunciou. A região do distrito de Sussuarana está com dificuldade de telefonia móvel e acesso a internet, o que está dificultando a comunicação.

03 Dez 2021 - 08:00h

Na sessão desta quarta-feira (01), realizada por meio eletrônico, os conselheiros e auditores da 2ª Câmara do Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) aprovaram sem reparos as contas da Câmara de Tanhaçu, da responsabilidade do vereador Valdivio Aguiar Filho (PTC), o Galego, referentes ao exercício de 2020. Galego é o atual vice-prefeito da cidade. Segundo apurou o site Achei Sudoeste, a Câmara de Tanhaçu recebeu, a título de duodécimos, a quantia total de R$2.000.918,06 e realizou despesas no montante de R$2.000.901,09, respeitado o limite previsto no art. 29-A da Constituição Federal. A despesa com pessoal alcançou o montante equivalente a R$1.680.373,17, correspondente ao percentual de 3,31% da receita corrente líquida municipal, observando o limite de 6% previsto na Lei de Responsabilidade Fiscal. Cabe recurso da decisão.

20 Nov 2021 - 14:50h

Um acidente foi registrado na madrugada deste sábado (20), no Distrito de Sussuarana, em Tanhaçu, a 74 km de Brumado. Segundo informou a Polícia Rodoviária Estadual (PRE) ao site Achei Sudoeste, um caminhão tombou na BR-030, após o motorista perder o controle da direção. De acordo com a PRE, o motorista do veículo foi identificado como Luan Machado, de 23 anos. Ele não sofreu ferimentos. O caminhão tinha placas da cidade de Cabaceiras do Paraguaçu (BA).

15 Nov 2021 - 15:00h

Uma van capotou no final da tarde deste sábado (13), na BR-030, no distrito de Susuarana, em Tanhaçu, a 74 km de Brumado. A informação foi confirmada ao site Achei Sudoeste pela Polícia Rodoviária Estadual (PRE). De acordo com a polícia, o condutor perdeu o controle da direção após o pneu do veículo estourar na rodovia, capotando em seguida. O automóvel ficou bastante danificado. Sete pessoas que estavam na van sofreram ferimentos. Todas as vítimas foram socorridas pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e encaminhadas para o Hospital Professor Magalhães Neto, em Brumado. A unidade não informou sobre o estado de saúde das vítimas.

05 Nov 2021 - 17:00h

Em comunicado enviado ao site Achei Sudoeste, a empresa VLI confirmou a ocorrência envolvendo uma composição que trafegava entre o distrito de Umburanas, em Brumado, e Tanhaçu, na manhã desta sexta-feira (05). A composição era formada por três locomotivas e 22 vagões vazios. Segundo a empresa, não houve derramamento de carga. Apesar do susto, ninguém se feriu. No momento, equipes trabalham, com o auxílio de máquinas, para a liberação do trecho. As causas da ocorrência ainda estão sendo apuradas. Este é o segundo caso envolvendo locomotivas da VLI na região nos últimos dias. O primeiro foi registrado na cidade de Brumado, em 23 de outubro do corrente ano (veja aqui).

03 Nov 2021 - 12:00h

Uma professora abriu as portas de sua casa na Bahia para estudantes que não estavam conseguindo acompanhar as aulas online por não terem acesso à internet. Ainda assim, por morarem na zona rural, muitas crianças não conseguiam ir até sua residência. Para ajudá-las, a educadora criou a Biblioteca Viajante. Montada em sua bicicleta, ela leva livros e conhecimento até os alunos. Selma Abreu, 35 anos, se formou no magistério em 2006, mas só teve oportunidade de exercer a profissão em 2007. Antes disso, para se manter próxima à escola, aceitou trabalhar como serviços gerais em uma unidade de ensino municipal. Passado esse período, ela passou a lecionar na educação de jovens e adultos e dava aula para a sua comunidade rural, localizada em Tanhaçu, cidade a 74 km de Brumado. “As aulas eram na minha casa mesmo, mas eram pouco frequentadas. Só iam minha mãe, meu irmão, meu esposo, meu tio e minha tia”, conta. De acordo com o Ecoa/Uol, Selma passou por outras escolas e trabalhou também em áreas administrativas. Até que chegou a pandemia do novo coronavírus. “A pandemia trouxe várias mudanças. Perdi o emprego e retornei para a vida na agricultura familiar, que é de onde venho. Meus pais sempre viveram no meio rural. A nossa principal atividade era trabalhar na roça, na lavoura de feijão, milho, algodão… Eu cresci vendo meus pais nessa lida com a terra”, relembra. Hoje, a principal fonte de renda da família é o milho, usado para produzir ração para a criação de gado dos fazendeiros ao redor. “Com essa renda, eu consigo ajudar meu esposo nas despesas da casa, pagar minha faculdade de pedagogia e ajudar as crianças do projeto Biblioteca Viajante”, ressalta. Embora tenha se formado há 15 anos, ela explica que suas condições financeiras só permitiram que entrasse na faculdade recentemente.

O nascimento do projeto

Selma conta que sempre ajudou os moradores da sua região com doações de cestas básicas e fraldas para mães de bebês que não tinham condições de comprar. “Eu fazia campanha e contribuía com um pouco do meu salário. Só que com a pandemia eu perdi meu emprego e não tinha mais como fazer nada, e fiquei incomodada com a situação”, afirma. Mas, vendo que as crianças e jovens das redondezas estavam com dificuldade de assistir às aulas online na pandemia, ela resolveu abrir as portas de sua própria casa para oferecer acesso à internet – algo inacessível para muitos por ali. Foi assim que nasceu o projeto social de Selma. “Eu pensei: sou professora e vou doar meu conhecimento”, diz. Além de disponibilizar internet, ela fez um vídeo e postou nas redes sociais pedindo para as pessoas doarem livros. De cara, 230 obras literárias foram disponibilizadas, o que lhe permitiu dar início à sua biblioteca. As crianças logo foram chegando para receber o carinho e o conhecimento oferecidos pela professora. No entanto, outros alunos que moram mais longe não conseguiram frequentar os encontros. Uma bicicleta e muita disposição foram o bastante para resolver mais esse obstáculo.

Indo até quem precisa

“Tem várias crianças que moram longe da minha casa. Eu, com minha bicicleta, uma caixa de papelão e alguns livros, passei a visitá-las. Quando o terreno é mais complicado, vou a pé mesmo. Chego a rodar 15 km por dia”, explica. Selma chega, deixa os livros, realiza rodas de leitura e ajuda com as tarefas. Ela também dá assistência aos pais que não têm conhecimento para ajudar os filhos nas atividades escolares. Hoje, ela atende 16 residências. “A Biblioteca Viajante chega doando conhecimento, livros e material escolar. Mas também questiona sobre a vida da família. Se eles precisarem de alguma coisa, como serviço de saúde, por exemplo, faço encaminhamento para atendimentos na assistência social do município”, conta. A educadora torce para que seu exemplo inspire outras pessoas. “Eu acredito que podemos fazer as oportunidades chegarem a qualquer lugar. É possível acreditar nesse sonho de criar um espaço de educação no campo, para que as crianças e jovens consigam ter essa oportunidade à sua disposição em suas comunidades. Espero que meu projeto incentive outras pessoas. Podemos viver em um mundo melhor se cada um fizer a sua parte”, conclui.

CONTINUE LENDO

11 Out 2021 - 09:00h

Um acidente registrado na BA-026, no Distrito de Sussuarana, em Tanhaçu, a 70 km de Brumado, deixou três pessoas feridas na tarde deste domingo (10). A informação foi confirmada ao site Achei Sudoeste pela Polícia Rodoviária Estadual (PRE). De acordo com a PRE, uma colisão traseira seguida de um capotamento na rodovia quase resultou em tragédia. O acidente foi registrado às 15h25. Os veículos ficaram parcialmente destruídos. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) esteve no local e socorreu as vítimas. Não foi informado se algum ferido precisou ser conduzido ao hospital. A polícia já instaurou um inquérito e investiga as causas do acidente.

22 Set 2021 - 15:00h

Os conselheiros do Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) ratificaram, na sessão desta terça-feira (21), realizada por meio eletrônico, medida cautelar deferida contra o prefeito de Tanhaçu, João Francisco Santos (PP), para afastar cautelarmente a exigência de produtos de fabricação nacional, descritas no edital do Pregão Presencial nº 012/2021SRP e assegurar a qualquer interessado o direito de participar da licitação, mesmo que ofertando produtos importados. Segundo apurou o site Achei Sudoeste, a liminar, agora ratificada pelo pleno do TCM, foi concedida de forma monocrática pelo conselheiro substituto Ronaldo Sant’Anna. A denúncia foi formulada pelo cidadão Fernando Symcha de Araújo Marçal Vieira, que se insurgiu contra restrição imposta no edital do certame “ao fazer delimitação abusiva ao estipular que alguns produtos deverão ter fabricação nacional”. Os conselheiros do TCM consideraram que estavam presentes na denúncia o “fumus boni juris”, ou seja, a possibilidade que o direito pleiteado pelo denunciante exista no caso concreto, e também o “periculum in mora”, que se caracteriza pelo risco de decisão tardia, resultando em dano de difícil reparação. Segundo o conselheiro substituto Ronaldo Sant’Anna, não é necessária a suspensão do processo licitatório como um todo, mas tão somente afastar cautelarmente a exigência de que os produtos sejam de fabricação nacional, “de forma que possa qualquer interessado participar do certame, mesmo ofertando produto importado, desde que atenda às exigências de segurança e qualidade estabelecidas pelos órgãos competentes”. Determinou, ainda, que a retirada da exigência seja divulgada na forma da lei e que conste na Ata da Sessão de forma destacada, “para que não pairem dúvidas acerca do cumprimento da medida cautelar”.

07 Set 2021 - 07:00h

Presente na cerimônia de retomada das obras da Fiol, realizada na cidade de Tanhaçu, a 74 km de Brumado, o ministro da cidadania, João Roma, reforçou a importância do empreendimento para a Bahia. Segundo ele, a obra é, talvez, a mais importante intervenção de infraestrutura do Estado nas últimas décadas. “Além de atrair investimentos para o nosso Estado, a obra trará ocupação e emprego para o nosso povo, que tanto precisa. Essa obra entrará nos trilhos para o desenvolvimento da Bahia”, declarou ao site Achei Sudoeste. Roma salientou ainda que o empreendimento também impactará na melhoria da qualidade de vida dos baianos, em especial do povo da região sudoeste. “A Fiol trará muita oportunidade e emprego para nosso povo”, reiterou.

06 Set 2021 - 10:00h

No próximo dia 7 de setembro, Dia da Independência do Brasil, o presidente Jair Messias Bolsonaro (Sem Partido) garantiu que estará onde o povo estiver. Em sua passagem pelo município de Tanhaçu, a 74 km de Brumado, na última sexta-feira (03), para autorizar a retomada das obras da Ferrovia de Integração Oeste Leste (Fiol), o presidente declarou que a liberdade não tem preço. “Tudo faremos, mais que a nossa própria vida, pela nossa liberdade. A vida sem liberdade não existe. Se Deus quiser, no próximo dia 7, estarei pela manhã na Esplanada dos Ministérios e, à tarde, na Avenida Paulista no Estado de São Paulo”, adiantou. Após a data e a imensa demonstração de patriotismo programada, Bolsonaro falou que os poucos que ousam desafiar a Constituição voltarão para seus lugares. “Quem dá esse ultimato não sou eu, mas o povo brasileiro, a quem todos os políticos devem lealdade. Curvem-se à constituição”, discursou.

06 Set 2021 - 08:00h

Durante a cerimônia de retomada das obras da Fiol na cidade de Tanhaçu, a 74 km de Brumado, o Ministro da Infraestrutura, Tarcísio Freitas, definiu como histórico o dia da assinatura do contrato de concessão da Ferrovia de Integração Oeste Leste. Segundo ele, com o sistema de ligação de mina-ferrovia-porto, serão injetados na Bahia cerca de R$ 10 bilhões de investimentos. “A regulação passa a atuar agora junto com a empresa concessionária. Tenho certeza que isso vai ser transformador para o Estado da Bahia. Estamos muito felizes e bastante satisfeitos com os resultados”, declarou, enaltecendo o poder da ferrovia para geração de investimentos bilionários em todo país. A previsão é de que, em cinco anos, o empreendimento seja finalizado. “Acredito que, em três anos, devemos iniciar as operações. A região é extremamente promissora”, pontuou.

03 Set 2021 - 15:30h

O prefeito da cidade de Tanhaçu, João Francisco Santos (PP), esteve ao lado do presidente Jair Messias Bolsonaro (Sem Partido) durante a cerimônia de assinatura do contrato de concessão para retomada das obras da Ferrovia de Integração Oeste Leste (Fiol) na região. Em entrevista ao site Achei Sudoeste, o prefeito falou que é um momento importante para o município, tendo em vista os investimentos que serão gerados em toda Bahia. “Vai ficar pra história de Tanhaçu porque não é todo dia que um presidente visita a cidade. Ele visitou o distrito e a obra. Só temos que agradecer pela escolha”, afirmou. Aliado do governador Rui Costa (PT), Francisco frisou que, como se trata de um ato institucional, ele tem obrigação, como prefeito, de prestigiar e conceder todo apoio e logística necessários. “Foi um ato grandioso, que terá uma repercussão muito positiva. No futuro, pra Tanhaçu, será bom demais”, avaliou.

03 Set 2021 - 15:00h

Em Tanhaçu, a 74 km de Brumado, durante a cerimônia de retomada das obras da Fiol, o Pastor Silas Malafaia disse que o dinheiro que o Governo Federal transferiu para governadores e prefeitos seria suficiente para construir mais de 40 mil leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) em todo país, evitando a morte de milhares de brasileiros em virtude da pandemia. “Esse dinheiro foi roubado na maior safadeza”, acusou. Na oportunidade, Malafaia citou como exemplo o governador da Bahia, Rui Costa (PT). “O governador da Bahia nomeou um ladrão chamado Carlos Gabas. Me processa, vagabundo! Esse cara comprou R$ 49 milhões de respiradores, pagou à vista, numa empresa de maconha. Os respiradores nunca chegaram. Já pensaram quantos baianos e nordestinos morreram por causa de um vagabundo e canalha desses?”, disparou.

03 Set 2021 - 14:45h

Em sua passagem pelo município de Tanhaçu, a 74 km de Brumado, para autorizar a retomada das obras da Fiol (veja aqui), o presidente da república, Jair Messias Bolsonaro (Sem Partido), foi ovacionado pelo público presente no evento. Em seu discurso, Bolsonaro disse que é muito bom voltar à Bahia e ao Nordeste e vê-los pintados com as cores do Brasil, região, segundo disparou, tão usada para fins politiqueiros. Na oportunidade, o presidente garantiu que respeita a constituição e saberá atuar com rigor contra àqueles que desrespeitarem a mesma. “Se alguém quiser jogar fora das quatro linhas da constituição, mostraremos o que poderemos fazer”, declarou. O presidente ainda destacou que formou um ministério com pessoas competentes, a quem deu total liberdade para agir. “Não podemos esperar outra coisa senão o progresso para o Brasil”, pontuou. Bolsonaro ainda criticou alguns governadores, inclusive Rui Costa, por sua postura diante da pandemia, retirando empregos e travando a economia. Bolsonaro atribuiu a culpa do aumento do combustível e do gás de cozinha aos governadores. “A consequência de medidas ditatoriais, como o lockdown, o confinamento e o toque de recolher, é a inflação. Alguns países já sofrem com o desabastecimento, mas aqui não. Brasil acima de tudo, Deus acima de todos”, concluiu.

03 Set 2021 - 13:45h

O presidente Jair Bolsonaro participou nesta sexta-feira (3) da cerimônia de assinatura da concessão da Ferrovia de Integração Oeste-Leste (Fiol), no município de Tanhaçu, a 74 km de Brumado. O contrato foi assinado com a empresa Bahia Mineração (Bamin) e terá duração de 35 anos. De acordo com a Agência Brasil, antes do evento, Bolsonaro visitou as obras da ferrovia, acompanhado do ministro da Infraestrutura, Tarcísio Freitas, e de outras autoridades. O presidente parabenizou Freitas e seus demais ministros pelo trabalho na atração de investimentos para o país. “Essas pessoas, para poderem trabalhar, eu dei pra eles a total liberdade, porque acredito na responsabilidade de cada um deles. E formando dessa maneira [a equipe ministerial], a iniciativa privada, que é aquela que realmente leva o país pra frente, vem atrás de nós porque tem a confiança naquilo que nós fazemos”, disse.

O contrato assinado nesta sexta-feira é referente ao trecho entre Ilhéus e Caetité, chamado de Fiol 1, com 537 quilômetros de extensão. A expectativa é que a Fiol 1 comece a operar em 2025, transportando mais de 18 milhões de toneladas de carga. Em um primeiro momento, 16 locomotivas e 1,4 mil vagões estarão em operação, dos quais, pelo menos, 1,1 mil serão destinados ao escoamento de minério de ferro. Em 10 anos, em 2035, a expectativa é que volume de carga supere os 50 milhões de toneladas transportadas em 34 locomotivas e 2,6 mil vagões.

03 Set 2021 - 08:22h

Na manhã desta sexta-feira (03), apoiadores do presidente Jair Messias Bolsonaro (Sem Partido) marcam presença no distrito de Sussuarana, em Tanhaçu, a 74 km de Brumado, para o ato de assinatura da retomada das obras da Fiol na Bahia. Os seguidores de Bolsonaro viajaram de vários municípios da região sudoeste e da Bahia.

Vestidos com camisas do Brasil e com fotos de Bolsonaro, eles estão no local para demonstrar apoio ao presidente. “Precisamos prestar o nosso apoio ao presidente que vem realizando um grande trabalho em prol do Brasil”, disse Jéssica Gomes.