Chapada Diamantina é o recanto da rara rosa do deserto

26 Fev 2018 - 15:30h

A Chapada Diamantina é o recanto de um jardim encantado que veio de muito longe - de desertos da Ásia e da África. De acordo com o Globo Repórter, o lugar ideal para um casal criar uma espécie de rosa muito resistente e bela. Damares Rodrigues e Júlio Vilar, dois engenheiros agrônomos aposentados, naturais de Pernambuco, se dedicam a multiplicar a criação da flor. A variedade é imensa: entre 200 e 300 espécies já foram criadas através de polinização manual. O que o Seu Júlio faz ali é o que os polinizadores fazem na natureza. As plantas tem um aspecto incrível: com flores delicadas e raízes robustas e retorcidas. Na Chapada, as rosas têm tudo de que precisam: solo perfeito, sol e água na medida certa. Mas tem um ingrediente que tem feito toda a diferença para deixá-las lindas todos os dias: amor.

Comentários

Eliane

"POR FAVOR QUERO MUITO O CONTATO DESSES PRODUTORES, JÚLIO VILAR E DA DAMARES RODRIGUES. ONDE POSSO CONSEGUIR ESSE CONTATO?"

Tania Krystofek Drescher

"Quero saber se essa propriedade recebe visitantes. Em janeiro vou para a Chapada e gostaria de visita-los. Vi a reportagem na TV. Obrigada."

Barbara

"Olá, alguem sabe me informar como posso obter o contato da Sra Damares e do Sr Julio.?"

Luiz Carlos Antunes

"Eles têm comércio ou venda de flores do deserto para despacharem para o Paraná. Gostaria de ter o contato deles."

Deixar comentário

Comentário