Tanhaçu: Adab apreende caminhões boiadeiro com gado clandestino; 105 novilhas são sacrificadas

02 Out 2020 - 00:00h

Uma operação realizada pela Agência de Defesa Agropecuária (Adab), com o apoio da 2ª Companhia Independente de Policiamento Rodoviário, resultou na apreensão de três caminhões boiadeiro com gado de origem clandestina. A apreensão ocorreu na saída da cidade de Tanhaçu, onde a Adab realizava uma diligência de autuação. Em entrevista ao site Achei Sudoeste, Clemente Fernandes, veterinário e coordenador da Adab em Brumado, informou que 105 novilhas foram encaminhadas ao matadouro frigorífico para serem sacrificadas. “Para o bem da saúde pública e de nós todos. Estamos defendendo a saúde da comunidade. A lei tem que ser cumprida doa a quem doer”, argumentou. Fernandes disse que a agropecuária é um dos pilares da economia nacional e o abate clandestino precisa ser combatido com força. “Abate clandestino é crime. O cara pode pegar de dois a quatro anos de cadeia. Eles não aprendem. Para viajar com animais é preciso tirar a GTA – Guia de Trânsito Animal. É um documento que prova que o animal está cadastrado na Adab, é legal e está devidamente vacinado. Fora daí é clandestino e coisa de infrator”, citou. 

Comentários

Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

mais notícias