Brumado: Aguiberto e Cristina são cassados pela justiça eleitoral

15 Mai 2013 - 10:31h

Através de uma das Ações de Investigação Eleitoral (AIJE) protocolada na 90ª Zonal Eleitoral pela candidata derrotada nas eleições de 2012, Marizete Pereira (PT), o juiz Genivaldo Alves Guimarães cassou na manhã desta quarta-feira (15) os diplomas do prefeito Aguiberto Lima Dias (PSL) e de sua vice Cristina Gondim (PSDB) que tiveram a votação recebida no último pleito nula. Aguiberto e Cristina ainda tiveram os direitos políticos suspensos por oito anos. O magistrado acompanhou o parecer do Ministério Público Eleitoral (MPE) de Brumado, que opinava pela cassação do gestor municipal e da vice-prefeita. O ex-prefeito Eduardo Lima Vasconcelos (Sem Partido) ainda teve seus direitos políticos cassados por oito anos por abuso de poder político e econômico. Ainda cabe recurso da decisão.

Comentários

Marcos Antônio Cardoso

"Fico triste que graças a irresponsabilidade do ex-gestor, um homem sério que vem fazendo um ótimo trabalho em nossa Brumado seja punido. Ao mesmo tempo fico alegre que a turma de Marizete também não vai tomar posso e como vai ter nova eleição o povo vai ser livre para votar na continuação do trabalho. Eu quero o melhor para Brumado e torço para que tudo se resolva em paz."

José Porto.

"Na verdade esta briga entre a candidata derrotada e o candidato eleito é só para atrapalhar o trabalho do prefeito em exercício e quem fica no prejuízo é e a cidade e seus moradores o que a candidata derrotada deveria fazer e ajudar o crescimento e desenvolvimento da cidade quem sabe assim na próxima ela pode até ser eleita e todos nós ganharmos."

Thiago Luz da Silva

"É uma pena que o site não deixa claro o motivo da cassação do atual gestor para que o povo possa dar sua opinião com maior autonomia, é claro que pode ser que o mesmo não tenha essas informações. Assim que puderem, seria interessante que essa informação seja passada!!"

Deixar comentário

Comentário

mais notícias