Presidente Jânio Quadros: Inema e CIPPA desarticulam carvoeiras que desmatavam a caatinga

12 Set 2019 - 13:00h

Na última quarta-feira (11), o Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Inema), com o apoio da CIPPA ambiental de Porto Seguro, localizou, após denúncias, duas carvoarias ilegais na zona rural do município de Presidente Jânio Quadros, a 94 km de Brumado. As carvoarias operavam com madeira nativa da caatinga, obtida por meio de desmatamentos ilegais. No total, foram destruídos 6 fornos que estavam em plena produção. Em entrevista ao site Achei Sudoeste, o coordenador regional da unidade do Inema no sudoeste baiano, Glauber Vieira de Oliveira, explicou que as atividades fiscalizatórias são realizadas constantemente pelo órgão com o objetivo de inibir as práticas irregulares.

“Foi constatada em Jânio Quadros a irregularidade de desmatamento de árvores da caatinga, bioma preservado por lei, além de seis fornos de carvão. O Inema vem atuando e coibindo essas atividades”, disse. O coordenador deixou claro que qualquer derrubada de árvore na caatinga precisa da autorização do Inema. Ninguém foi preso durante a operação, visto que, possivelmente, os infratores foram avisados anteriormente à chegada dos técnicos.

Comentários

Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixar comentário

Comentário

mais notícias