Dilma diz que país termina 2013 melhor do que começou

30 Dez 2013 - 15:10h

Em seu último pronunciamento do ano, a presidente Dilma Rousseff fez um balanço de 2013, destacando que o ano está terminando “melhor do que começou”, mesmo passando por crises internas e externas. Em 12 minutos, a presidente transmitiu uma mensagem de otimismo aos brasileiros, frisando que 2014 será ainda melhor. “Sinto alegria de poder tranquilizar vocês dizendo-lhes que entrem em 2014 com a certeza de que o seu padrão de vida vai ser ainda melhor do que você tem hoje, sem risco de desemprego, podendo pagar as prestações, em condições de abrir sua empresa ou ampliar seu próprio negócio”, disse a presidente. Dilma ainda dirigiu-se aos jovens, pedindo-lhes a projeção de um futuro melhor, e falou sobre a economia, ressaltando que seu governo teve ação firme, cortou gastos, garantiu o equilíbrio fiscal, reduziu o preço da conta de luz e dos impostos. Ela acrescentou que o governo está firme na luta contra a inflação na manutenção do equilíbrio das contas públicas. Dilma também lembrou que em 2013 o governo viabilizou a exploração do pré-sal, o que vai garantir “fabulosos recursos” para a educação e a saúde; e afirmou que o Programa Mais Médicos levou 6.658 profissionais para 2.177 cidades e, em 2014, serão mais 13 mil médicos e 45 milhões de brasileiros beneficiados. No ano marcado pelos protestos de rua, a presidente acentuou que o governo ampliou o diálogo com todos os setores da sociedade. Por fim, reforçando o tom otimista para o próximo ano, a presidente disse que o Brasil melhorou e pode melhor mais. “O Brasil será do tamanho que quisermos, do tamanho que imaginemos. Se imaginarmos um país justo e grande e lutarmos por isso, assim teremos”, declarou Dilma. As informações são da Agência Brasil.

Comentários

Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.


Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do Achei Sudoeste. É vetada a postagem de conteúdos que violem a lei e/ou direitos de terceiros. Comentários postados que não respeitem os critérios podem ser removidos sem prévia notificação.

Deixar comentário

Comentário

mais notícias