Brumado: Coronavírus interrompe tradição de 60 anos e não permite que Dona Lindaura monte seu presépio

16 Dez 2020 - 07:00h

Depois de 60 anos de tradição, Dona Lindaura Oliveira Soares não vai montar o seu famoso presépio em sua residência no Bairro das Flores, em Brumado. Dona Lindaura tem 82 anos, além de várias comorbidades. Por isso, por precaução em razão da pandemia do coronavírus, a família decidiu não montar o presépio. Em entrevista ao site Achei Sudoeste, ela disse que está muito abalada com o ocorrido. “Não armei o presépio. Pra mim é uma coisa muito difícil, fico muito triste. Tenho fé em Deus que, para o ano, eu armo dobrado”, disse. Para ocupar o tempo, a idosa está fazendo artesanato com material reciclável. “Pra ver se a cabeça melhora e ajuda a passar o tempo”, completou. A sua filha Glória Soares explicou que o presépio se transformou em um ponto turístico e, para evitar aglomeração no atual momento, a família decidiu não montar a alegoria. “Ela tem hipertensão, diabetes, hipotireoidismo e anemia. Ficamos preocupados. Ela ficou muito triste, chorou bastante, mas no ano que vem ela monta”, acrescentou.

Comentários

Webiston Barbosa Reis

"É uma pena não podermos apreciar esse presépio por conta da pandemia. Depois de montada, essa alegoria se transforma num dos pontos mais visitados por brumadenses, moradores de outras cidades e até de outros estados nessa época natalina. Quem nunca visitou esse presépio, não deixe de visitá-lo no ano que vem, pois, vale a pena por conta da beleza, da simbologia natalina que o mesmo representa e pelo carisma da anfitriã e demais familiares. "

Deixar comentário

Comentário

mais notícias