Bahia tem crescimento de casos de síndrome respiratória grave

25 Set 2021 - 08:55h

O Boletim InfoGripe da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), divulgado nesta sexta-feira (24), confirmou a tendência de queda dos casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) no Brasil verificada nas últimas semanas. A Bahia, no entanto, apresentou sinal de crescimento na tendência de curto prazo, que considera as últimas três semanas. Do total, apenas outros cinco estados também apresentam crescimento, bem como Amapá, Amazonas, Pernambuco, Rio de Janeiro e Tocantins. Destes, apenas o Rio de Janeiro ainda não atingiu valores inferiores aos observados em 2020. Nesta sexta, o governador Rui Costa (PT) afirmou estar "preocupado". De acordo com o gestor, em uma semana foi constatado o aumento de 700 casos ativos de coronavírus na Bahia. “Isso não é um bom sinal. Não quero desanimar ninguém, mas o vírus ainda não foi embora. Precisamos acelerar a vacinação e continuar com a prevenção, usando máscaras”, afirma em publicação.

Comentários

Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.


Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do Achei Sudoeste. É vetada a postagem de conteúdos que violem a lei e/ou direitos de terceiros. Comentários postados que não respeitem os critérios podem ser removidos sem prévia notificação.

Deixar comentário

Comentário