Achei Sudoeste

BUSCA PELO ARQUIVO "06/2019"

25 Jun 2019 - 18:30h

A Petrobras informou nesta terça-feira (25) o início do processo de venda da totalidade de suas participações em oito concessões de exploração e produção terrestres, localizadas na Bahia, denominadas conjuntamente de Polo Rio Ventura. Os interessados classificados para a fase não vinculante receberão instruções sobre o processo de desinvestimento, incluindo as orientações para elaboração e envio das propostas e acesso a informações adicionais sobre o polo. De acordo com o G1, em nota, a Petrobras afirma que “essa operação está alinhada à otimização do portfólio e à melhoria de alocação do capital da companhia, visando a geração de valor para os nossos acionistas”.

25 Jun 2019 - 18:00h

A cidade de Caetité, a 100 km de Brumado, teve uma importância significativa para a Independência da Bahia. Além de ter sido um local estratégico no interior do Estado na luta contra os portugueses, a cidade marcou a história como um fornecedor de munições, homens e alimentos para os participantes das lutas em outras cidades. A Rota da Independência faz a quarta parada em Caetité com aulas públicas, exposição e atividades infanto-juvenil, através da Biblioteca de Extensão (Bibex). As aulas acontecem nos dias 27 e 28 de junho, às 14h e às 9h, respectivamente. Com a aula O Alto do Sertão na Guerra, com o professor Moisés Frutuoso, da Universidade federal da Bahia (Ufba), o público participante irá percorrer os locais históricos da cidade. “A realização desse projeto é importante para a preservação da história e da memória da Bahia, dando possibilidade de reviver a cultura e o jeito de ser do povo baiano”, disse o diretor do Centro de Memória da Bahia (CMB), Walter Silva. A Rota está sendo realizada pela Fundação Pedro Calmon (FPC/SecultBa), através do CMB, e em parceria com o Centro de Culturas Populares e Identitárias (CCPI).

25 Jun 2019 - 17:30h

Um homem de 40 anos foi detido após filmar várias mulheres usando o banheiro de uma festa junina particular, em Ibicuí, no sul da Bahia. Conforme a polícia, foram encontrados vídeos com cenas de nudez, com duração de mais de uma hora, no celular do suspeito. Ainda segundo a polícia, o homem abriu um buraco no banheiro feminino do evento para registrar as imagens, no sábado (22). O celular dele foi apreendido para perícia. Após o caso, o homem foi encaminhado para a delegacia da região, mas foi liberado porque, segundo a polícia, nenhuma das vítimas ainda foi identificada ou compareceu à unidade para denunciar. No entanto, segundo o delegado Roberto Júnior, coordenador de polícia da região, um inquérito foi aberto para apurar o caso. “Caso alguma vítima tivesse comparecido a delegacia, ele teria sido autuado em flagrante por importunação ofensiva ao pudor e ficaria preso. Como não foram identificadas as vítimas, instauramos um inquérito para apurar e tentar identificar as vítimas. Elas sendo identificadas e representado contra ele na delegacia, nós vamos concluir o inquérito e pedir a prisão preventiva dele”, afirmou. De acordo com o G1, o caso é acompanhado pela Polícia Civil da cidade.

25 Jun 2019 - 17:00h

Até o final deste ano, o Centro Municipal de Educação Agamenon Santana (CMEAS) e a Escola Municipal Professora Maria Iranildes Lôbo (CAIC) vão receber oficinas do projeto Geração Música. No total, 120 crianças e adolescentes de 10 a 14 anos estão sendo atendidas pelo projeto, que é realizado pelo Ministério da Cidadania por meio da Lei de Incentivo à Cultura, com produção do grupo Incentivar. A prática pedagógica utilizada no Geração Música é do Ungambikkula, uma tribo que busca harmonia e consciência e tem como pilares de ensino musical a iniciação e a musicoterapia. Nas oficinas, os alunos têm contato com a música por meio do violão e instrumentos de percussão, com estimulação sensorial, intelectual e afetiva. O objetivo é levar aos participantes possibilidades de expressão e liberdade através da música, usando-a, também, como instrumento de inclusão social. 

25 Jun 2019 - 16:30h

Um levantamento realizado em todo o Brasil feito pelo instituto Paraná Pesquisas mostra que o impacto da transcrição de supostas trocas de mensagens entre o ex-juiz federal e atual ministro da Justiça, Sérgio Moro, e procuradores da Lava Jato, foi pouco. Para 56,1% dos entrevistados, as acusações do The Intercept não colocam em dúvida os resultados da operação. Foram ouvidas 2.264 pessoas em todo o País entre os dias 17 e 21. Para 38,1%, as supostas mensagens põem em dúvida a Lava Jato. O maior apoio vem do grupo com ensino superior completo: 72,2% disseram que as conversas não provocam impactos na Lava Jato. A maioria mantém a credibilidade na Lava Jato: Nordeste (51,8%), Sudeste (56,2%), Sul (58,7%) e Norte + Centro-Oeste (61,5%).

25 Jun 2019 - 16:15h

O prefeito de Brumado, Eduardo Lima Vasconcelos (PSB) será denunciado ao Ministério Público Estadual (MPE) por suspeita de crime contra a administração pública e terá que devolver aos cofres do município R$ 4.077.350,93 que foram gastos na aquisição irregular de terrenos a preços superfaturados – que sofreram acréscimos de até 6.500% em poucos meses. A decisão foi tomada pelo Tribunal de Contas dos Municípios (TCM), nesta terça-feira (25), ao julgar termo de ocorrência lavrado em razão de irregularidades em dispensa de licitação para a aquisição dos imóveis pela administração, sem qualquer avaliação prévia e com claros indícios de superfaturamento. No início do mês, Vasconcelos já havia sido multado em R$ 21 mil. O processo foi realizado nos meses de outubro a dezembro de 2017, gerando uma despesa total de R$ 4,3 milhões. O conselheiro José Alfredo Rocha Dias determinou a formulação de representação ao MPE contra o prefeito para que seja apurada a prática de ato de improbidade administrativa. Os conselheiros também aprovaram a imputação de multa no valor de R$ 10 mil, bem como a determinação de ressarcimento aos cofres municipais do valor de R$ 4.077.350,93, com recursos pessoais do gestor, por ter sido constatado o superfaturamento nos valores atribuídos aos imóveis. O termo de ocorrência analisou as dispensas realizadas para aquisição dos terrenos visando a ampliação do Centro Municipal de Educação Agamenon Santana (R$ 3.150.000,00); ampliação da Escola Municipal Professor Roberto Santos (R$ 370.000,00); ampliação da Escola Municipal Armida Azevedo (R$ 240.000,00); e outros cinco terrenos para a construção de escolas municipais (R$ 110.000,00, cada). Na defesa encaminhada, o gestor não conseguiu esclarecer quais seriam as características que teriam tornado “os imóveis singulares e mais vantajosos” à administração pública quando comparados aos demais disponíveis no município de Brumado. A relatoria verificou que em três das dispensas de licitação não foram apresentados sequer os laudos de avaliação prévia para ao menos demonstrar possibilidade de compatibilidade dos preços dos imóveis com o valor de mercado. Em uma delas, o laudo de avaliação de imóvel, foi identificado já no processo de pagamento, ou seja, em data posterior à homologação da dispensa. Em outras três dispensas, os laudos também são posteriores às datas das homologações das respectivas contratações diretas, o que contraria a exigência de realização prévia dessas avaliações contida na Lei Geral de Licitações e Contratos.

O relator do processo, conselheiro José Alfredo Dias, por estas razões, alegou que os supostos laudos de avaliação apresentados pelo prefeito nos processos administrativos, “não podem ser considerados como válidos ou suficientes a atender as exigências legais, pois mostram generalidade, padronização e falta de especificação do objeto avaliado e das condições que interferiram na fixação do preço”. Em relação ao sobrepreço, a área técnica do TCM apurou que os terrenos foram comprados pela prefeitura, em curto espaço de tempo, por valores significativamente maiores que os preços praticados pelos proprietários anteriores, havendo claros indícios de que as compras teriam sido realizadas em operação “triangularizada” para aumentar artificialmente o valor dos imóveis. “Tais valorizações dos imóveis – de mais de 6.500% – em curtos períodos, inclusive em momento de crise econômica e recessão no mercado imobiliário, ultrapassam o patamar da razoabilidade e justificam o apontamento feito pela área técnica de que houve a prática de sobrepreço, razão pela qual se imputa ao gestor o ressarcimento, com recursos pessoais, dos valores pagos a mais nas aquisições dos terrenos questionados”, disse o relator. O Ministério Público de Contas, em seu pronunciamento, alertou que os laudos de avaliação apresentados pelo gestor possuem indícios de terem sido criados de maneira artificial, com valores aleatoriamente atribuídos aos bens, não tendo sequer havido comparação com os valores praticados no mercado imobiliário local. Desta forma, o MPC também se posicionou pela procedência do termo de ocorrência, “com aplicação de multa ao prefeito e sua condenação em ressarcimento aos cofres públicos dos valores reconhecidos como superfaturados, bem assim representação ao Ministério Público para apuração de eventuais condutas delituosas e possível configuração de improbidade administrativa”. Cabe recurso da decisão.

25 Jun 2019 - 16:00h

Um homem foi preso suspeito de matar a ex-companheira asfixiada no município de Vitória da Conquista, a 132 km de Brumado. A vítima foi encontrada amordaçada e com mãos e pés amarrados, segundo a Polícia Civil. O crime ocorreu no dia 10 de junho e o suspeito, Willian Alves Santos, foi preso na sexta-feira (21) foi preso por equipes da Delegacia de Homicídios e da 10ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin). Ele estava com um mandado de prisão em aberto pelo crime. De acordo com o G1, a vítima foi Wagna Borges da Silva, que não teve idade divulgada. Segundo a Polícia Civil, a mulher morreu por asfixia mecânica e o corpo dela foi encontrado na própria residência. O suspeito do crime será encaminhado para o sistema prisional.

25 Jun 2019 - 15:30h

O Fundo de Financiamento Estudantil (Fies), programa do Ministério da Educação (MEC) que concede financiamento a estudantes em cursos superiores não gratuitos, inicia suas inscrições nesta terça-feira, por meio do site fies.mec.gov.br. O prazo para se candidatar vai até 1º de julho. O fundo tem duas modalidades, com uma escala de financiamentos que varia conforme a renda familiar do candidato, indo de 50% a 99% do valor total do curso. De acordo com o Jornal o Globo, na primeira modalidade, pode se inscrever quem tiver renda familiar mensal per capita de até três salários-mínimos (ou seja, de até R$ 2.994, somando todos os salários da casa). A segunda modalidade, denominada P-Fies, é destinada aos estudantes com renda per capita mensal familiar de até cinco salários-mínimos (R$ 4.990). Para cumprir os requisitos do programa, o candidato deve ter obtido no mínimo 450 pontos no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e não pode ter zerado a redação. A ordem de classificação no Fies segue a das notas no Enem. Quem for selecionado fará o contrato entre os dias 10 e 12 de julho. Já a chamada da lista de espera está programada para o período de 15 de junho a 23 de agosto.

25 Jun 2019 - 15:00h

No último sábado (22), dois indivíduos invadiram um salão de beleza no Bairro São Félix, em Brumado, e roubaram um alto valor em joias. Segundo informações obtidas pelo site Achei Sudoeste, os criminosos renderam três pessoas que estavam no local e, armados, subtraíram cerca de R$ 12 mil em joias. Em seguida, fugiram em uma motocicleta de cor preta. A polícia está realizando buscas no intuito de prender os assaltantes.

25 Jun 2019 - 14:30h

Na atualidade o ritmo acelerado dos acontecimentos, a pressão excessiva no ambiente de trabalho e a preocupação em cumprir com todas as responsabilidades, têm causado nas pessoas um alto nível de estresse, ansiedade e situações nas quais se faz necessária a ajuda de pessoas especializadas a fim de evitar reações que possam resultar em atitudes às vezes com resultados irreversíveis. Porém, acompanhado de todos esses fatores e da difícil aceitação da necessidade de auxilio, as pessoas ainda enfrentam o preconceito da sociedade em relação às doenças mentais, tornando ainda mais complexa a situação. É de extrema necessidade que o tabu e o preconceito relativos às doenças mentais sejam abolidos, demonstrando que os transtornos podem ocorrer sem distinção de classe social, idade, orientações sexuais ou identidades de gênero. Camila Alvarenga, psicóloga da Clínica Mais Vida destaca que a saúde mental deve ser uma parte integrante e essencial da saúde, sendo de vital importância se investir em ações voltadas a manutenção do bem-estar mental. Saber reconhecer os sinais de alerta em si mesmo ou em alguém próximo a você pode ser o primeiro e mais importante passo. Por isso, fique atento(a).  Se a pessoa demonstrar comportamento diferente procure ajudá-la. Agende sua consulta. A prevenção é a melhor forma de cuidar da sua saúde! Para maiores informações, ligue: (77) 3441-4545 / (77) 99951-4755 / (77) 99180-9496 / (77) 3441-4500 / (77) 99989-6868.

25 Jun 2019 - 14:00h

A família do caminhoneiro Antônio Roberto Ribeiro Aguiar está oferendo uma recompensa para quem indicar o paradeiro do caminhoneiro que sumiu desde a última quarta-feira (20). Nequinha, como é conhecido, carregou a sua carreta na cidade de Luiz Eduardo Magalhães e desapareceu após sofrer um assalto na BR-101, próximo de Feira de Santana. O veículo foi recuperado pela polícia na cidade de Paulo Afonso depois de troca de tiros com os bandidos, que conseguiram fugir. Diante da falta de notícias, a família está oferecendo R$ 10 mil para quem souber indicar o local exato onde encontra-se o caminhoneiro. Qualquer informação pode ser repassada pelos telefones: (77) 99918-4902 / (77) 99991-0485 / (77) 98165-7384.

25 Jun 2019 - 12:00h

Divulgado no início do mês, o Índice Conselho Federal de Administração (CFA) de Governança Municipal mostrou que o município de Brumado está bem avaliado na variável “Desempenho”. A mesma analisa os resultados das políticas públicas para a sociedade, levando em conta os dados de Mortalidade Infantil, Cobertura de Atenção Básica, Cobertura Vacinal, Abandono Escolar, Ideb (5º Ano - 2017), Taxa de Distorção Idade-Série, Crimes Violentos, Acesso à Água e Esgoto e Vulnerabilidade Social. Brumado obteve nota 7,54 (em 10) no índice de Desempenho, ocupando a 18ª posição nacional entre as 175 cidades analisadas com mais de 50 mil habitantes e com PIB Per Capita de até R$ 20.400. Já na Bahia, Brumado ficou em 3º lugar.

25 Jun 2019 - 11:30h

O site Achei Sudoeste está com um classificado online para venda de imóveis. O anúncio será feito em formato de notícia com fotos e informações do imóvel, além de contato direto com o proprietário. O Achei Sudoeste Imóveis é a melhor opção de classificados online. Anuncie conosco e tenha a certeza de estar no lugar certo para a venda de lotes comerciais, residenciais, além de casas e sítios. Entre em contato com o nosso departamento de jornalismo e faça o seu anúncio: (77) 99968-1705.

25 Jun 2019 - 11:00h

Em Brumado, o Armazém do Criador é o ponto de encontro dos produtos rurais da cidade e região. Em entrevista ao site Achei Sudoeste, o produtor Lázaro Gomes dos Santos, da Fazenda Neris, disse que costuma frequentar o local para comprar implementos agrícolas, além de materiais para lidar com os animais. “São seis bois e seis cavalos, sem contar a plantação de banana, pinha, laranja, caju e coco. Tudo que eu preciso venho comprar aqui no Armazém do Criador”, contou. Segundo ele, a sua paixão é a bezerrinha Bibinha de Jesus, a qual cuida com todo amor e carinho. O produtor ainda elogiou o atendimento no estabelecimento, onde recebe todo suporte e orientações necessárias para uso dos produtos e manuseio correto dos animais. “Venho comprar e o pessoal ainda me dá todas as orientações que eu preciso”, completou. Em Brumado, o Armazém do Criador fica localizado na Avenida Dr. Antônio Mourão Guimarães, 514. Para maiores informações, ligue:: (77) 3441-6188 / (77) 3441-5046.

25 Jun 2019 - 10:30h

Os economistas das instituições financeiras baixaram a estimativa de alta do Produto Interno Bruto (PIB) deste ano de 0,93 para 0,87%. Foi a 17ª queda consecutiva do indicador. A previsão consta no boletim de mercado também conhecido como relatório “Focus”, divulgado nesta segunda-feira (24) pelo Banco Central (BC). O relatório é resultado de levantamento feito na semana passada com mais de 100 instituições financeiras. As revisões para baixo na expectativa de crescimento do mercado financeiro para o PIB deste ano começaram, com mais intensidade, após a divulgação do resultado do ano passado – quando a economia avançou 1,1% – e continuaram após a divulgação de uma contração no primeiro trimestre de 2019 (tombo de 0,2%). No fim de março, o Banco Central estimou expansão de 2% para a economia brasileira neste ano (número pode ser revisto no fim de junho) e, na mais recentemente, o Ministério da Economia baixou a previsão de crescimento de 2,2% para 1,6% em 2019. O mercado financeiro manteve a projeção de crescimento para 2020 estável em 2,20%. Os economistas dos bancos não alteraram a previsão de expansão da economia para 2021 e para 2022 – que continuou em 2,5% para os dois anos.

25 Jun 2019 - 10:00h

Há alguns meses, cerca de 95% dos 64 orelhões que existiam na cidade de Caculé, a 100 km de Brumado, foram retirados e os poucos que restam não funcionam. Daqui para a frente eles vão ficar cada vez mais raros. Desde dezembro, as companhias telefônicas desligaram quase 600 mil orelhões no país, uma redução de mais de 70%. De acordo com o Informe Cidade, a mudança faz parte de um decreto publicado pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) no fim de 2018. A Anatel liberou as concessionárias de telefonia da obrigação de investir em orelhões para que, em troca, elas levem o sinal de celular 4G a quase 1.500 áreas isoladas e carentes do país.

25 Jun 2019 - 09:30h

A Petrobras aposta que a venda das suas oito refinarias vai representar um impacto positivo no mercado nacional de combustíveis. “Criando um mercado mais dinâmico, a gente espera que os futuros compradores invistam na ampliação de capacidade das refinarias existentes”, avalia Anelise Lara, Diretora de Refino, Gás e Energia da Petrobras. Ela visitou a Refinaria Landulpho Alves (Rlam) no último dia 12. A ideia é que os investidores irão olhar com mais atenção características regionais que, por vezes, a Petrobras deixa de lado. Um exemplo do cenário pode ser percebido no caso da Rlam, que tem acesso ao óleo parafínico produzido nos campos de petróleo da Bahia. “Em alguns momentos a Rlam pode não estar em sua capacidade máxima porque a Petrobras analisa o seu mercado como um todo e pode optar por diminuir a produção naquele momento para aumentar em outro local, mas a Rlam tem um outro dono, esse dono vai fazer de tudo para melhorar a produção dela”, explica. Em sua visita à Rlam, Anelise Lara diz que teve a oportunidade de conversar com grupos de trabalhadores e reconheceu que há um clima de apreensão quanto ao processo. Segundo ela, há preocupações quanto ao aproveitamento da força de trabalho por parte dos novos donos e também a “posicionamentos ideológicos”. “A Rlam é um grande ativo. É uma refinaria antiga, mas muito importante e que vai continuar a trazer riquezas para a Bahia”, acredita.  De acordo com o jornal Correio, as vendas de refinarias da Petrobras parecem um caminho irreversível. Três fatores diferentes favorecem o movimento neste sentido. O primeiro é a necessidade de fazer caixa da empresa, em curso desde 2016. Além disso, há uma demanda de órgãos de controle e da própria sociedade em relação à precificação dos combustíveis no país, e neste sentido a empresa ainda detém o monopólio  de fato, ainda que o país tenha feito uma abertura formal do mercado já há algumas décadas. Completa a equação o entendimento de que a autorização dada pelo Supremo para que estatais vendam suas subsidiárias sem a necessidade de autorização do Congresso vai facilitar os processos.

25 Jun 2019 - 09:00h

O Pedal na Roça esteve na novamente na comunidade do Tamboril, na zona rural de Brumado, desta vez, na propriedade do Seu Marcelino Bernardino Alves e da Dona Augusta, casados há 57 anos. Em entrevista ao site Achei Sudoeste, o produtor disse que o dia no campo começa cedo para cuidar da criação de galinhas e porcos e das plantações, que são para consumo próprio e também para venda. São quatro porcos e cerca de 30 galinhas. Segundo Seu Marcelino, a leitoa já está garantida para o São João, que será comemorado em família com mesa farta. No total, são 8 filhos e mais de 30 netos e netas. “Levanto da cama antes do sol nascer, pois tem muita coisa pra fazer”, contou. Aos 77 anos, ele disse que a idade está pesando para a lida no campo, mas o amor pela terra e pela vida na zona rural falam mais alto.

25 Jun 2019 - 08:30h

A Justiça Federal da Bahia condenou uma juíza e seu estagiário por realizarem saques ilícitos do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) de 71 contas sem o conhecimento dos titulares. De acordo com denúncia do Ministério Público Federal, Otília Silvão Soares Morais expedia alvarás judiciais para movimentação de contas que não eram mexidas há mais de três anos. A façanha era realizada através da assinatura falsa de um advogado e de correntistas, feitas pelo estagiário Vilson Marcos Matias dos Santos, que também forjou procurações e petições. Somados, os saques ilícitos chegaram a mais de R$ 657 mil. Em sua decisão, o juiz Evandro Reimão dos Reis afirma que os desvios “causaram prejuízos à Caixa Econômica Federal e à administração pública”.  Ambos foram condenados a devolver mais de R$ 1,7 milhão, além de pagamento de multa de 20% do valor do dano e suspensão dos direitos políticos por cinco anos. A juíza ainda foi condenada a perda da função pública. A juíza Otília  Morais, que atuava na 2ª Vara Cível e Comercial da Comarca de Salvador, foi aposentada compulsoriamente pela Corregedoria do Tribunal de Justiça da Bahia durante a tramitação do processo na Justiça Federal, através de processo administrativo-disciplinar. A denúncia de saques ilegais foi feita pelo gerente-geral da Caixa em Simões Filho. Na decisão, foi destacado pela Corregedoria do TJ  a conduta irregular da juíza e que, para cometer as fraudes, ela não cumpriu o rito do Judiciário, deixando de submeter as ações ao Ministério Público da Bahia. Como aposentada, a magistrada recebe aproximadamente R$ 20 mil por mês dos cofres públicos. As informações são do jornal Correio.

25 Jun 2019 - 08:00h

Neste mês de junho, a prefeitura municipal de Brumado celebrou um convênio de quase R$ 137 mil com a empresa Cinemas H.R. Brumado Ltda., o Cinemas Premier. De acordo com o processo administrativo nº 134/2019, o objetivo é a locação de sala de cinema para sessões fechadas destinadas aos alunos da rede pública de ensino. O valor do contrato é de R$ 136.800,00. O projeto viabilizará o acesso dos alunos à produção cinematográfica nacional de longas e curtas metragens, tendo em vista a formação sociocultural das crianças e adolescentes. O projeto também servirá para enriquecer as discussões sobre temas transversais, além de incentivar a criticidade dos alunos sobre os mais diversos temas sociais.