'O PT foi varrido do Brasil e será banido da Bahia', diz Herzem após reeleição em Vitória da Conquista

02 Dez 2020 - 00:00h

O Partido dos Trabalhadores (PT) esteve à frente da prefeitura de Vitória da Conquista durante 20 anos. Em entrevista ao site Achei Sudoeste, o prefeito reeleito em segundo turno, Herzem Gusmão (MDB), que quebrou a hegemonia petista na capital do sudoeste baiano, fez diversas críticas ao modelo de gestão do partido, não só no município, como em diversos outros. “O PT foi banido, varrido do Brasil. A vitória de Bruno Reis em Salvador foi uma das mais acachapantes do país. O recado das urnas foi dado em Salvador, Feira de Santana e Vitória da Conquista. Esse modelo do PT se esgotou no Brasil e na Bahia. É inaceitável. A Bahia não é a da propaganda do PT”, argumentou. Segundo Gusmão, a Bahia da realidade é a campeã em miséria. “Chega de PT. Conquista rechaçou o PT, assim como o Brasil tem rechaçado”, concluiu.

Comentários

Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

mais notícias