Brumado: Sem aulas presenciais, papelarias registram queda significativa nas vendas de material escolar

08 Mar 2021 - 12:00h

Devido ao avanço da pandemia na cidade de Brumado, as aulas serão mantidas através da plataforma virtual. A não retomada das aulas presenciais fez cair significativamente o faturamento nas papelarias do município. Em entrevista ao site Achei Sudoeste, Odack Lima Neves, proprietário da Livraria e Papelaria Manchete, umas das mais tradicionais em Brumado, informou que, em janeiro, o estabelecimento faturou, em média, 20% do que vendeu em relação ao mesmo mês do ano anterior. “Em fevereiro, eu vendi uma média de 30% do que eu vendi no ano passado. Renovei pouquíssima coisa no estoque. Em mochila e estojo, a gente teve zero vendas”, pontuou. O comerciante salientou que os números significam uma perda muito grande para o setor, especialmente nesse período de volta às aulas, quando as livrarias e papelarias mais faturam. “É um cenário triste. Estamos trabalhando em uma situação muito difícil”, completou.

Comentários

Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.


Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do Achei Sudoeste. É vetada a postagem de conteúdos que violem a lei e/ou direitos de terceiros. Comentários postados que não respeitem os critérios podem ser removidos sem prévia notificação.

Deixar comentário

Comentário

mais notícias