Brumado: Empresa ignora normas e finaliza obra da torre de telefonia sem alvará de construção

28 Jul 2021 - 09:00h

Em Brumado, moradores do Bairro Novo Brumado denunciaram que, mesmo após ser notificada pela prefeitura em razão de irregularidades, a empresa Brasil Torres concluiu a obra de construção de uma torre de telefonia móvel na localidade. Sem alvará, a empresa ignorou as normas técnicas do município, bem como a Lei nº 3190, do Conselho Estadual do Meio Ambiente (CEPRAM), que estabelece as diretrizes para implantação desse tipo de equipamento. Em entrevista ao site Achei Sudoeste, a moradora Chaiane Souza cobrou uma resposta do órgão regulatório municipal. “Mesmo sem alvará de construção, nem de funcionamento, ela está continuando os serviços de instalação. A prefeitura alega que está analisando a documentação e que não foi liberado nada para essa empresa trabalhar. Porém, como a obra continua?”, questionou. A moradora informou que a obra foi concluída, restando apenas a ligação de energia da Coelba para que a torre passe a funcionar. “Queremos e exigimos do órgão público que se manifeste e embargue essa obra irregular”, reivindicou. A moradora Anne Caroline também acusou a prefeitura de descaso diante da instalação. “Eles falam que vão dar um posicionamento, mas nada acontece. O alvará dessa torre não pode ser liberado, tendo em vista que o local não está de acordo com as normas técnicas do Município. Queremos saber por que essa torre ainda está lá. Queremos explicações”, reiterou. Os residentes no bairro entendem que, na ausência de uma lei municipal que discipline de forma adequada e segura a implantação de Estação Rádio Base (ERB), a prefeitura deve resguardar a população dos riscos à saúde. A secretaria de meio ambiente de Brumado já descartou contágio por radiação da torre de telefonia móvel (veja aqui).

Comentários

Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.


Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do Achei Sudoeste. É vetada a postagem de conteúdos que violem a lei e/ou direitos de terceiros. Comentários postados que não respeitem os critérios podem ser removidos sem prévia notificação.

Deixar comentário

Comentário

mais notícias