200 pessoas passam mal após comer lanche de escola municipal em Carinhanha

23 Set 2014 - 20:00h

Cerca de 200 pessoas entre alunos, professores e funcionários de uma escola municipal de Carinhanha, no oeste da Bahia, foram parar no hospital após sofrer intoxicação alimentar por causa de um lanche servido neste domingo (21). Quase 130 pacientes foram atendidos no hospital local com vômito, dor abdominal e diarreia, e outros 70 teriam ido para a cidade vizinha, Serra do Ramalho. Segundo o secretário de Saúde da cidade, Ronaldo Cassiano, os alimentos foram preparados na noite anterior ao evento na escola. “Foi o lanche mesmo [que fez mal]. Como a atividade foi fora da escola e o lanche estava enrolado em papel alumínio, o sol muito quente acabou estragando o recheio de frango, que ficou azedo. Quem comeu passou mal”, contou Cassiano ao site Bahia Notícias. Um exame feito por dois pacientes, que ficaram em estado mais grave, teria indicado que os sintomas foram provocados por intoxicação por salmonela. Ronaldo afirmou que todos os pacientes já receberam alta, inclusive os casos mais graves. “Mas nós criamos uma comissão com a secretaria de educação, a vigilância sanitária, a escola e a polícia técnica e vamos investigar o caso para apurar as responsabilidades”, garantiu.

Comentários

Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.


Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do Achei Sudoeste. É vetada a postagem de conteúdos que violem a lei e/ou direitos de terceiros. Comentários postados que não respeitem os critérios podem ser removidos sem prévia notificação.

Deixar comentário

Comentário

mais notícias