Eleições 2022: ACM Neto lidera intenções de votos para governador da Bahia, diz Real Time

21 Jul 2021 - 16:30h

Pesquisa Real Data Big Time, divulgada nesta terça-feira (20), pela TV Record Bahia, aponta a liderança do ex-prefeito de Salvador ACM Neto (DEM) na corrida ao Palácio de Ondina, nas eleições de 2022. De acordo com o levantamento, ACM Neto pontuou 41% das intenções de votos para governador da Bahia na pesquisa estimulada, quando os nomes dos possíveis candidatos são apresentados. O senador Jaques Wagner (PT) vem em seguida, com 27% das intenções. O ministro João Roma (Republicanos) aparece com 4% e Hilton Coelho (Psol) tem 2%. Brancos e nulos somam 11%. Entre os entrevistados, 15% não souberam ou não responderam a pergunta. A consulta foi realizada em todo o estado entre os dias 13 e 15 de julho, com 1.200 pessoas. A margem de erro é de 3 pontos percentuais para cima ou para baixo, com nível de confiança de 95%, conforme a Real Data Big Time. Na pesquisa induzida de intenção de votos para o governo da Bahia, com apoio de um possível presidenciável, ACM Neto, com o apoio de Ciro Gomes (PDT), também lidera as intenções, com 35% das preferências. Já Jaques Wagner, com o apoio de Lula (PT), tem 29%. João Roma com apoio do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) chega a 15%. E Hilton Coelho, com apoio de Guilherme Boulos (Psol), vai a 2%. No cenário acima, a simulação de segundo turno entre Neto e Wagner, o democrata venceria o petista com 48% contra 35%. Se a simulação for entre Neto e Roma, o ex-gestor soteropolitano vence com 59% das intenções, contra 15% do seu afilhado político. Na simulação entre Wagner e Roma, o ex-governador vence o colaborador do governo Bolsonaro com 45% contra 18% do republicano. Ainda conforme os números da Real Data Big Time, ACM Neto é o candidato preferido em Salvador e na Região Metropolitana (RMS), no Centro-Norte/Nordeste e Sudoeste baiano. Já Jaques Wagner lidera no Sul e no Vale São Francisco/Oeste baiano. O líder demista segue em primeiro também entre os eleitores homens e mulheres, entre todas as faixas etárias (16 a 24 anos, 25 a 44, 45 a 59 e 60 anos ou mais) e entre todas as faixas de renda (até dois salários mínimos, de dois a cinco salários, de cinco a 10 e acima de 10 salários), e lidera ainda entre católicos e evangélicos.

Comentários

Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.


Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do Achei Sudoeste. É vetada a postagem de conteúdos que violem a lei e/ou direitos de terceiros. Comentários postados que não respeitem os critérios podem ser removidos sem prévia notificação.

Deixar comentário

Comentário

mais notícias