Embasa faz atendimento presencial na região, mas não oferece o mesmo serviço em Brumado

25 Jan 2022 - 07:00h

Embora na região a Embasa preste atendimento presencial ao público, o mesmo não acontece na cidade de Brumado. A denúncia foi feita ao site Achei Sudoeste pelos vereadores Harley Lopes (Republicanos) e Luís Carlos Caíres (PP), o Palito. Ambos estiveram na empresa, em Caetité, onde foram atendidos pelo gerente Manoel Marcos. “Lá o atendimento presencial funciona normalmente. Não entendemos até agora por que em Brumado eles não atendem a população”, disse Lopes. O parlamentar suspeita que a diferença no tratamento ao público tenha relação com as inúmeras cobranças em virtude dos buracos causados pela falta do esgotamento sanitário municipal e com o impasse com a prefeitura. “O escritório está fechado com cadeado e as pessoas não têm acesso a nada para tirar suas dúvidas. É estranho”, salientou. O vereador Palito relatou que também esteve na sede da empresa em Vitória da Conquista, em dezembro último, para protocolar um documento e o escritório estava aberto ao público. “Em Brumado, acho um absurdo, uma falta de respeito o escritório ser trancado. As portas da Embasa no município sempre estão fechadas”, disparou. Além da dificuldade no atendimento presencial, a população também reclama de não conseguir contato com a concessionária via telefone.

Comentários

Jairo Almeida

"Tem que a população fazer um abaixo-assinado pedindo para fazer licitação de outra empresa que oferece um serviço de qualidade e que implante o esgotamento sanitário. Se a embasa não faz e só faz levar o dinheiro dos brumadenses com um serviço sem qualidade."



Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do Achei Sudoeste. É vetada a postagem de conteúdos que violem a lei e/ou direitos de terceiros. Comentários postados que não respeitem os critérios podem ser removidos sem prévia notificação.

Deixar comentário

Comentário

mais notícias