Itapetinga: Vítima de Covid-19 morreu cinco dias após ter realizado sonho de ser mãe

05 Abr 2020 - 07:20h

A 7ª vítima fatal do coronavírus na Bahia foi a professora Rafaela da Silva de Jesus, 28 (veja aqui). Ela passou os últimos cinco anos lutando pelo desejo de ser mãe e uma semana após realizar o sonho, foi separada da filha, a pequena Alice. Rafaela fez tratamentos médicos de fertilização e conseguiu, há nove meses, engravidar. A professora, que deu à luz no dia 25 de março, teve o sonho da maternidade interrompido pela Covid-19 na última quarta-feira (1). Rafaela procurou uma UPA cinco dias depois de ter deixado o hospital onde fez a cesárea, em Itapetinga, com febre baixa e falta de ar. Como tinha passado por Trancoso, local onde foram registrados casos do novo coronavírus, ela foi imediatamente isolada, intubada e ligada a um respirador mecânico. A professora seria transferida para Vitória da Conquista, já que em Itapetinga não tem leitos de UTI, mas morreu enquanto aguardava a chegada da ambulância. As informações são do jornal Folha de São Paulo.

Comentários

Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixar comentário

Comentário

mais notícias