Município de Guanambi deverá criar Conselho Municipal de Políticas sobre Álcool e outras Drogas

07 Mai 2021 - 09:00h

O Ministério Público Estadual (MPE) recomendou ao Município de Guanambi que, no prazo de 180 dias, adote providências para criação e funcionamento do Conselho Municipal de Políticas Públicas sobre Álcool e outras Drogas. O objetivo é promover a implantação de serviços voltados à redução dos riscos causados pelo uso abusivo dessas substâncias. Segundo a promotora de Justiça Tatyane Miranda Caires, a construção de uma política pública de álcool e outras drogas deve consolidar, por meio de ações intersetoriais, o acesso à justiça, a promoção da saúde, a educação e o direito à moradia, renda, cultura, esporte e lazer, portanto, uma rede intersetorial de acolhimento, tratamento, garantia de direitos e de apoio às famílias. A recomendação foi expedida após instauração de um procedimento administrativo que identificou que as comunidades terapêuticas Obras Sociais Dionísio Vilas Boas (Osdvb), Bom Samaritano, Amigos do Resgate e Comunidade Terapêutica Guanambi, estão operando de forma precária.

Comentários

Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.


Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do Achei Sudoeste. É vetada a postagem de conteúdos que violem a lei e/ou direitos de terceiros. Comentários postados que não respeitem os critérios podem ser removidos sem prévia notificação.

Deixar comentário

Comentário

mais notícias