Brumado: Aumento do consumo de água já baixou 3 metros do nível da Barragem de Cristalândia

31 Out 2017 - 08:00h

De acordo com dados recentes do setor de abastecimento da unidade regional da Empresa Baiana de Água e Saneamento (Embasa), o nível da Barragem de Cristalândia, que abastece as sedes dos municípios de Brumado e Malhada de Pedras, além de algumas comunidades rurais, já baixou 3 metros desde o início do ano. O site Achei Sudoeste apurou junto ao setor que, desde o início da primavera, no dia 22 de setembro, quando a temperaturas voltaram a subir, houve um aumento de cerca de 50% no consumo de água nos locais abastecidos, o que provocou também um aumento na vazão de 10 milhões de litros d’água ao dia para 15 milhões de litros d’água todos os dias nas duas cidades. Para os técnicos do setor de abastecimento, o nível da barragem ainda é considerado confortável para atender os dois municípios, levando em consideração que há uma perspectiva de boas chuvas, principalmente para região na nascente do Rio das Contas até o final deste ano. As chuvas devem recuperar o nível da capacidade do manancial, que é de 16 milhões de metros cúbicos de água. Em 2016, a Barragem de Cristalândia atingiu o nível mais crítico de sua história, com uma baixa de 5 metros no armazenamento de água - o mesmo foi recuperado com as chuvas do mesmo período. A preocupação no momento é com o desperdício de água. São comuns as reclamações de populares utilizando mangueiras como se fossem vassouras para “varrer” o lixo das calçadas. “Aí não tem barragem que aguente”, comentou um técnico de abastecimento, cobrando conscientização dos consumidores.

Comentários

Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixar comentário

Comentário

mais notícias