Governo do Estado deve ao Município de Brumado mais de 1,7 milhão em repasses para a UTI

19 Mar 2018 - 09:00h

O Governo da Bahia, através da Secretaria Estadual de Saúde, deve o Município de Brumado cerca de R$ 1,7 milhão em repasses da parcela de manutenção da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) adulto e neonatal, no Hospital Professor Magalhães Neto. Segundo apurou o site Achei Sudoeste, desde a sua inauguração em 21 de dezembro de 2017, a UTI segue em funcionamento e salvando vidas de pacientes de diversos municípios da região sudoeste da Bahia. Apesar de o estado não efetuar os repasses, a Secretaria de Saúde de Brumado tem arcado com todas as despesas referentes à UTI, utilizando recursos próprios da pasta.  De acordo com fontes ouvidas pela nossa reportagem, não há riscos de os serviços serem paralisados ou suspensos, pois o prefeito Eduardo Lima Vasconcelos (PSB) está “cortando na própria carne” e reduzindo os custos de sua gestão municipal. O secretário municipal de saúde, Cláudio Feres, não foi localizado para comentar o caso.

Comentários

Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixar comentário

Comentário

mais notícias