Brumado: Bombeiro dá dicas de segurança em caso de vazamento de gás e fogo no botijão de gás

02 Dez 2019 - 00:00h

A falta de conhecimento em casos de vazamento de gás pode fazer a diferença na hora de evitar um acidente doméstico. Na última quinta-feira (28), um botijão de gás pegou fogo e destruiu um restaurante de distribuição de marmitex em Brumado. O site Achei Sudoeste conversou com o bombeiro civil George Dias, que deu uma série de dicas de segurança quando se trata do tema. Segundo ele, a primeira prevenção já se dá na compra do equipamento. O consumidor deve avaliar se a botija tem alguma fissura, amassado ou rompimento de lacre, o que pode configurar danos e riscos. “Se você compra um botijão já danificado, é obrigação que se faça a troca antes da sua instalação”, declarou. George ressaltou que, em casa, a botija deve ser colocada em local arejado, de preferência em área externa.

As mangueiras e registros também devem ser, constantemente, observados - a data limite para utilização dos equipamentos é de 5 anos de fabricação. “Faça a manutenção correta desses equipamentos”, afirmou. Em caso de acidente, o bombeiro enumerou algumas condutas que podem evitar danos maiores: em princípio de incêndio, o fogo pode ser apagado com o uso de extintores apropriados ou pano/toalha úmido (a) e fechamento do registro.  O bombeiro ainda aconselhou que, se possível, o botijão em chamas deve ser levado para uma área externa para ocorrer uma queima limpa e total do gás. Ao perceber cheiro forte de gás, as pessoas não devem ligar interruptores, nem colocar o celular na tomada. Deve-se abrir portas e janelas para que o vento leve o gás para fora de casa.

Comentários

Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

mais notícias