Secretário de saúde reforça alerta sobre surto da arboviroses em Brumado

31 Out 2019 - 08:00h

Em entrevista ao site Achei Sudoeste, o secretário municipal de saúde, Cláudio Feres, reforçou que o trabalho de prevenção e combate ao mosquito aedes aegypti não é de responsabilidade apenas do Município, mas sim de cada cidadão brumadense. Segundo ele, os moradores têm de assumir o compromisso de fiscalizar e manter os quintais limpos. “Estamos fazendo a nossa parte com o bloqueio, já que foram confirmados os dois casos no Bairro Nobre, e a gente conta com toda população para que faça a sua parte não deixando acumular água e, consequentemente, não aconteça a proliferação do mosquito da dengue”, afirmou. Questionado sobre o déficit de agentes de endemias para cobrir a sede e os distritos rurais, o secretário informou que o efetivo do município está compatível com o estabelecido pelo Ministério da Saúde, embora o número seja aquém da necessidade. De qualquer forma, Feres adiantou que serão realizados mutirões, principalmente na zona rural, a fim de intensificar os trabalhos de prevenção e combate. Em Brumado, até o momento, há: 9 casos de chikungunya, 6 casos de zika e 66 casos confirmados de dengue, sem contar os inúmeros casos suspeitos e que aguardam resultado laboratorial, configurando um quadro de surto de arboviroses.

Comentários

Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.


Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do Achei Sudoeste. É vetada a postagem de conteúdos que violem a lei e/ou direitos de terceiros. Comentários postados que não respeitem os critérios podem ser removidos sem prévia notificação.

Deixar comentário

Comentário

mais notícias