Ataque nas redes sociais faz presidente passar mal durante sessão legislativa em Brumado

14 Out 2021 - 09:00h

A presidente da Câmara de Brumado, vereadora Verimar Dias da Silva Meira (PT), passou mal durante a sessão legislativa nesta quarta-feira (13). A parlamentar estava feliz após conseguir derrotar o veto do prefeito Eduardo Lima Vasconcelos (PSB) à parte de seu projeto Sinal Vermelho, contra a violência física, psicológica, sexual, patrimonial ou moral praticada contra mulher, mas não sabia que logo em seguida seria bombardeada com um ataque feroz nas redes sociais. Uma publicação maldosa apontando um caso amoroso entre a presidente e um servidor do legislativo fez a vereadora passar mal durante a sessão. Ela recebeu atenção de todos os parlamentares, que foram lhe prestar solidariedade diante do ocorrido. Verimar, que ainda sofre com dificuldades respiratórias em decorrência de sequela da Covid-19, quase não conseguiu encerrar a sessão ao ouvir o pronunciamento do vereador Renato Santos Teixeira (Sem Partido), que falou com eloquência pedindo um basta a tais ataques nas redes sociais. Em entrevista ao site Achei Sudoeste, ele disse que acredita em uma política coesa, coerente, ética e moral. “Não temos obrigação de concordar com absolutamente ninguém, mas temos que viver esses princípios. O nosso silêncio torna-se um ato de omissão. Esse monte de fake news continua acontecendo em nossa sociedade, denegrindo o lado A, o lado B. Isso tem que parar”, pediu. Para o vereador, esse tipo de ataque faz todo mundo sofrer e é uma forma bizarra de fazer política. “Ninguém respeita mais ninguém. As pessoas se agridem às claras na internet. Isso tem que acabar. Precisamos de um debate respeitoso, limpo, sem opressão. Meu repúdio pelo que aconteceu”, finalizou. Brumado precisa de um debate político em prol da comunidade e não ataque a honra de famílias, como vem acontecendo desde o último pleito eleitoral, com vídeos e músicas maldosas.

Comentários

Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.


Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do Achei Sudoeste. É vetada a postagem de conteúdos que violem a lei e/ou direitos de terceiros. Comentários postados que não respeitem os critérios podem ser removidos sem prévia notificação.

Deixar comentário

Comentário