Câmara de Brumado não vota projeto que visa sustar decreto que desobriga uso de máscara

25 Out 2021 - 20:25h

A Câmara Municipal de Brumado não votou na noite desta segunda-feira (25) o Projeto de Decreto Legislativo nº 002/2021 (veja aqui), de autoria do vereador Amarildo Bomfim Oliveira (PSB), que visa suspender o Decreto do Executivo nº 5584, de 18 de outubro de 2021, que desobrigou o uso da máscara facial contra a Covid-19 no município. Após uma intensa discussão entre as bancadas de situação e oposição, e supensão da sessão legislativa, a presidente da Câmara de Brumado, vereadora Verimar Dias da Silva Meira (PT), enviou a proposta para a comissão de constituição e justiça do poder legislativo. Durante o debate, Bomfim criticou a postura da bancada situacionista para o adiamento da votação. “Tudo sobre a Covid-19, nós votamos em regime de urgência, sem nenhum problema. Estamos tratando de vidas”, disse. Para Oliveira, o uso de máscara é favorável para o controle da doença na cidade. “Em meio a tantas incertezas científicas quanto ao novo coronavírus, é sabido que o uso de máscaras tem boa eficácia como medida de prevenção, elevada quando associada a medidas de higienização”. Ainda não se sabe uma nova data para a votação do projeto.

Comentários

Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.


Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do Achei Sudoeste. É vetada a postagem de conteúdos que violem a lei e/ou direitos de terceiros. Comentários postados que não respeitem os critérios podem ser removidos sem prévia notificação.

Deixar comentário

Comentário