Malhada de Pedras: Vereador é ameaçado de linchamento

26 Mai 2013 - 15:39h

O vereador de Malhada de Pedras, Maricélio Lima Ferreira (PP), mais conhecido como Ticha, buscou proteção policial na 34ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM), pois estaria recebendo ameaças de linchamento. Ticha relatou que recebeu uma ligação de um familiar solicitando que ele não comparecesse à sessão do legislativo de sua cidade, vez que inúmeras pessoas pretendiam linchá-lo. Segundo o vereador, as ameaças começaram quando ele orientou uma cunhada a acionar o Ministério Público de Brumado contra a prefeitura de Malhada de Pedras, pois, embora aprovada no Concurso Público Municipal, ela ainda não tinha sido convocada. “Fui pego de surpresa com essa informação, pois não tenho nada contra nenhum funcionário da prefeitura. Como parlamentar, apenas estou orientando as pessoas que estão se sentido prejudicadas a procurar os seus direitos perante aos órgãos competentes”, afirmou Ticha em entrevista ao Brumado Notícias neste domingo (26).  De acordo com o parlamentar, o chefe do executivo municipal teria sido notificado pelo MP e, após esse episódio, as ameaças de linchamento teriam começado. Maricélio garantiu que pretende continuar exercendo seu papel de legislador, conforme outorgado pelo povo de sua cidade, e assegurou que continuará fiscalizando as ações da administração local. As sessões da Câmara de Malhada de Pedras acontecem toda terça-feira, às 17h40.

Comentários

Bruno

"Isso é uma vergonha! Cadê a segurança para um vereador competente como esse? Maricélio você fez tudo correto, já que Malhada de Pedras está uma verdadeira bagunça com esse prefeito."

Marcia A. Silva

"Sabemos que o papel do vereador realmente é fiscalizar as ações do executivo. Porém sabemos também que o vereador Ticha o qual não merece nem mesmo ser chamado pelo nome verdadeiro, se foi eleito todos sabem que também usou o bem público para se promover. Seu pai na época da campanha trabalhava com o comando do carro pipa e enquanto umas famílias não recebiam nem 1 litro de água, e ficava na lista de espera até por meses já aconteceu de encostar no mesmo instante 2 carros pipas cheios de água na mesma casa sendo eleitor do Ticha. Isso também é irregular e aí o vereador não faz denúncias. É preciso saber agora quem vai colocar o pão, o leite e as demais necessidades na boca e na casa de mais de uma centena de pessoas.E agora vem dizer que não quis prejudicar a população. Se for para nos fazer rir ou chorar não precisava ir tão longe. Você deu o melhor presente que um prefeito precisava, ou seja quem não gostaria de ter uma folha limpa? Acorda parlamentar, achas mesmo que vai mudar o mundo com esta atitude medíocre? Se não tem costume de usar o cérebro, passe a usar de maneira que venha somar com a população e não tirar o pão que sabe-se da dificuldade que tantos tem. Quanto ao linchamento pronunciado por ele, com certeza isso não pode ser verídico, conhecemos a população de Malhada e se isso fosse real, você teria apanhado na feira no sábado um dia após sua desastrosa atitude sem falar que a população há muitos anos sofreu na mão do maior ditador Ramon dos Santos e nunca reagiram, acreditamos que você como aluno está se saindo como tal. "

Paulo Ricardo

"Política é uma verdadeira comédia, um fala mal do vereador o outro fala bem. Quem tá falando a verdade? Acho que cada um tem seu interesse pessoal na política. O povo deve deixar de ficar bajulando esses políticos pra conseguir um emprego. Deve ser independente e denunciar políticos corruptos."

Márcio

"Caro vereador, Malhada de Pedras vem crescendo a cada o agricultor na sua fazenda trazendo os alimentos para sua mesa e as pessoas na cidade trabalhando de sol a sol enquanto isso você fica na sua casa no maior conforto do mundo enquanto de contratados trabalham dia após dia em suas designadas funções. "



Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião do Achei Sudoeste. É vetada a postagem de conteúdos que violem a lei e/ou direitos de terceiros. Comentários postados que não respeitem os critérios podem ser removidos sem prévia notificação.

Deixar comentário

Comentário

mais notícias