Brumado: 'Só vendem senhas na fila da central de marcação porque há quem compra', diz secretário de saúde

13 Fev 2020 - 09:00h

Mesmo com o aumento no número de senhas e servidores para atendimento na Central de Marcação de Exames, em Brumado, os pacientes se queixam de um problema antigo no setor: a venda de senhas. Muitas pessoas chegam a dormir nas filas para adquirir as senhas e vendê-las, posteriormente, para os pacientes. Em entrevista ao site Achei Sudoeste, o secretário municipal de saúde, Cláudio Feres, reconheceu as deficiências da central e destacou que a administração tem feito um grande esforço para melhorar o atendimento no local. Quanto ao problema da venda de senhas em si, o secretário afirmou que é complicado de o Município agir diante do que acontece fora do setor. “O que a gente pede o apoio da população em não comprar. Se estão vendendo é porque tem gente comprando. Fora das nossas unidades, se torna inviável para o Município. Vou combater como, qual é a ferramenta?”, questionou.

Comentários

Nenhum comentário, seja o primeiro a enviar.

Deixar comentário

Comentário

mais notícias