Achei Sudoeste

BUSCA PELA CATEGORIA "Ituaçu"

05 Dez 2017 - 08:25h

Na madrugada desta terça-feira (5), após denúncia, a polícia localizou um corpo na Rua Plínio de Castro, na cidade de Ituaçu, no sudoeste baiano. No local, houve disparos de arma de fogo. A vítima fatal foi identificada como Josezito Vergueiro de Jesus Viera. Populares informaram à polícia que o autor do delito teria sido José Normando dos Santos e que o mesmo estaria em sua residência, onde teria se escondido logo após o fato. Segundo a polícia, a casa do suspeito foi cercada, com o apoio de guarnições da cidade de Tanhaçu, e o mesmo acabou se entregando. Ele também confessou e apresentou a arma do crime, um revólver calibre 32, com 05 cartuchos deflagrados e 01 intacto. José Normando foi apresentado na delegacia de Brumado para adoção das medidas cabíveis.

21 Nov 2017 - 17:00h

Natural da cidade de Jacobina, o assaltante Valdir Barbosa Santana, vulgo Negão da Lapa, morreu em confronto com uma guarnição da 34ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM) na cidade de Ituaçu, na manhã desta terça-feira (21). Negão da Lapa possuía uma extensa ficha criminal com atuações nos municípios de Brumado, Barra da Estiva, Ituaçu, Tanhaçu e Contendas do Sincorá. O assaltante tinha mandado de prisão em aberto, pois era foragido da cadeia de Tanhaçu. Recentemente, ele foi apontado como participante mentor do roubo de um veículo de uma autoescola de Brumado. Durante o crime, a professora e um aluno foram mantidos reféns e levados para a cidade de Tanhaçu, onde os criminosos assaltaram um mercado. Houve confronto com a polícia e, na ocasião, Negão da Lapa conseguiu fugir. Dois comparsas, sendo uma mulher, foram presos e outro elemento foi alvejado na cabeça, vindo a óbito dias depois no hospital de Brumado. Em seu último delito registrado pela polícia, o acusado teria assaltado um caminhão de feirantes na tarde de ontem (20), nas proximidades da cidade de Ituaçu. Na manhã de hoje (21), segundo relatório policial, o infrator teria disparado contra a guarnição e foi alvejado em revide. No momento do confronto, o assaltante estava armado com um revólver calibre 32 e um revólver de fabricação artesanal. Ele também pilotava uma motocicleta modelo Honda Titan, com placa JSX 0611, sem identificação de cidade origem.

08 Nov 2017 - 11:00h

Em sessão realizada nesta terça-feira (07), o Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) aprovou com ressalvas as contas das prefeituras de Barra da Estiva e Ituaçu, da responsabilidade de Adriano Carlos Pires (PV) e Albércio Brito Filho (PSB), respectivamente, relativas ao exercício de 2016. No município de Barra da Estiva, o ex-prefeito Adriano Carlos Pires foi multado em R$ 5 mil pelas irregularidades constatadas durante a análise técnica das contas e, por 3 votos a 2, a maioria do pleno imputou outra multa, desta vez equivalente a 12% dos subsídios anuais do gestor, por não ter apresentado os relatórios de gestão fiscal referentes ao 2º e 3º quadrimestre. Em Ituaçu, as contas do ex-prefeito Albércio Brito Filho apresentaram como ressalvas a baixa cobrança da dívida ativa, elaboração do orçamento sem critérios de planejamento e a realização de despesas indevidas com recursos do Fundeb, no montante de R$ 165.113,91. O gestor foi multado em R$ 6 mil e terá que devolver aos cofres públicos a quantia de R$ 43.421,03, com recursos pessoais, pela não apresentação de um processo de pagamento. Ainda cabe recurso das decisões.

10 Out 2017 - 14:00h

Na última sexta-feira (6), a Câmara de Vereadores de Ituaçu aprovou por unanimidade uma Moção de Apoio aos funcionários da Itaguarana, que estão em greve há quase um mês por conta de atrasos salariais, bem como uma Moção de Protesto contra a empresa. Na justificativa, os vereadores citaram o descumprimento das leis trabalhistas, a insensibilidade dos diretores da empresa para com os funcionários e ex-funcionários. O presidente do Sindicato dos Mineradores, Édio Pereira, que esteve em sessão legislativa solicitando o apoio aos parlamentares, fez questão de agradecer aos vereadores pelas Moções, registrando que a manifestação pública é de suma importância para a luta dos funcionários que querem apenas a garantia dos seus direitos, principalmente dos salários atrasados. Segundo o presidente, em assembleia realizada ontem pela manhã na portaria da unidade industrial, os trabalhadores decidiram manter a paralisação até que a empresa apresente uma proposta de quitação dos débitos.

09 Out 2017 - 12:00h

Na última semana, os réus Roniel Lima Souza, 24 anos, Yury Batista Silva, 29 anos, e Cleiton Rodrigues da Silva, 30 anos, foram condenados pela prática de um homicídio ocorrido em julho de 2016, em Ituaçu. O Conselho de Sentença do Tribunal do Júri da Comarca de Ituaçu considerou os réus culpados pela morte de Ubiratan Oliveira, 23 anos. O Juiz Rodrigo Souza Brito aplicou a pena de 14 anos de reclusão aos réus Roniel e Cleiton e de 16 anos ao réu Yuri. O homicídio ocorreu no interior de um bar, onde os indivíduos efetuaram vários disparos que atingiram Ubiratan, que morreu na hora. A Polícia Civil agiu rapidamente, dando início às investigações e realizando a prisão dos autores do homicídio.

04 Out 2017 - 09:00h

A greve dos trabalhadores da Itaguarana, do grupo Nassau, em Ituaçu, no sudoeste baiano, completa 23 dias. O movimento foi deflagrado por conta do atraso no pagamento dos salários dos trabalhadores. Mesmo depois de a empresa pagar duas quinzenas, os trabalhadores decidiram manter a greve por tempo indeterminado até que sejam quitados todos os salários em atraso. A decisão foi tomada em assembleia realizada na última segunda feira (2), na portaria da Unidade Industrial. Segundo o presidente do Sindmine, Édio Pereira, paralelamente à greve, a entidade entrou com uma Ação Trabalhista na Justiça do Trabalho, solicitando o bloqueio das contas da empresa para garantir o pagamento dos salários dos trabalhadores, cuja situação é de humilhação e falta de respeito por parte da empresa, vez que muitos estão tendo suas contas e luz e água cortadas, sem mais crédito para aquisição de alimentos nos supermercados da cidade. O Sindmineradores aguarda um posicionamento da Justiça e continua tencionando a empresa a apresentar uma nova proposta a fim de solucionar o impasse. Na próxima quinta-feira (5), uma nova assembleia será realizada para definir os rumos do movimento.

15 Set 2017 - 16:30h

Na tarde da última quinta-feira (14), a diretoria do Sindicato dos Mineradores (Sindmine) reuniu-se com a direção da empresa Itaguarana, do Grupo Nassau Cimentos, buscando uma saída para por fim à greve iniciada pelos trabalhadores na terça feira (12), em função de dois meses de salários atrasados. Na reunião, a empresa propôs o pagamento de apenas uma quinzena, ou seja, os salários que deveriam ter sido pagos desde o dia 05 de agosto. A diretoria do Sindicato apresentou a proposta aos trabalhadores hoje (15), mas a mesma foi reprovada por unanimidade. Na assembleia, os funcionários decidiram manter a greve até que a empresa faça todos os pagamentos devidos. Segundo o presidente do Sindmine, Édio Pereira, a situação dos trabalhadores da ativa, bem como dos ex-empregados que foram demitidos no ano passado, é insustentável. O presidente informou que o sindicato entrará com ações na Justiça do Trabalho pleiteando o bloqueio de bens patrimoniais e das contas da empresa para obrigar a mesma a quitar os salários atrasados dos trabalhadores.

13 Set 2017 - 15:00h

Os trabalhadores da fábrica de cimento da Itaguarana, do grupo Nassau, em Ituaçu, entraram em greve por tem indeterminado nesta terça-feira (12), seguindo orientação do Sindicato dos Mineradores. Os funcionários protestam devido a dois meses de salários atrasados, o não pagamento das férias anuais e o impasse nas negociações do ACT/2017, cuja data base é 1º de julho. Segundo o presidente do Sindmine, Édio Pereira, deste o final do mês de agosto, a diretoria do órgão vem tentando, sem sucesso, negociar com a empresa a fim de regularizar o pagamento dos salários atrasados. Também se juntaram aos trabalhadores os empregados demitidos no ano passado, os quais foram obrigados a fazer um acordo para receber os direitos trabalhistas, cujas parcelas não estão sendo pagas desde o mês de março. Os demitidos não permitiram a entrada dos gestores na indústria.

11 Set 2017 - 15:00h

Na última quinta-feira (7), a prefeitura de Ituaçu fechou as duas entradas que dão acesso ao povoado da Gruta da Mangabeira para cobrança de taxas aos frequentadores. A decisão causou indignação entre moradores e turistas. A medida foi realizada sem o conhecimento da população e sem publicidade do órgão público. Por conta da cobrança, a gruta ficou vazia e os ambulantes que vendem artesanato no entorno tiveram prejuízos. De acordo com o Informe Ituaçu, o presidente da Associação da Gruta da Mangabeira, Elenilto Silva Meira, disse que a cobrança afastou as pessoas e prejudicou os comerciantes. “Estou revoltado com essa decisão do prefeito. Ele colocou uma corda na entrada do povoado. Tem uma placa de estacionamento, mas não tem estacionamento algum, pois é lá dentro do povoado. Moradores fizeram vídeos e denunciaram o caso. Estou no balneário agora, era para ter muita gente aqui e não tem ninguém. Queríamos que alguém fizesse algo pela gruta e não a destruísse”, disparou.

17 Ago 2017 - 17:00h

No último final de semana, seguindo pista de uma denúncia anônima, uma guarnição da Cipe-Sudoeste apreendeu diversas armas de fogo e peles de animais silvestres durante rondas realizadas em uma estrada vicinal no trecho que liga a cidade de Ituaçu ao povoado de Tranqueiras. Segundo informações obtidas pelo site Achei Sudoeste, os policiais se deslocaram para uma casa abandonada situada às margens da estrada. No local, foram encontradas várias armas tipo espingardas e outros materiais que são utilizados para recarregar cartuchos, bem como peles de animais silvestres. Todo o material apreendido foi apresentado na Delegacia Territorial de Brumado.

27 Jul 2017 - 17:15h

A prefeitura de Ituaçu e a empresa da construção civil Macedo Construções são acusadas de manter cerca de quinze homens em condições de trabalho análogas à escravidão. Eles estavam locados na construção da escola da localidade de Campo Grande. Em decisão liminar, a Justiça do Trabalho deferiu o pedido de tutela antecipada contra os réus. Isso para que o prejuízo aos trabalhadores não aumente com o tempo. De acordo com o jornal da Chapada, a Justiça definiu pela retenção de 10% do valor residual que a prefeitura ainda tem a repassar a Macedo Construções, o equivalente a R$ 110 mil. A decisão garante aos trabalhadores, caso vençam a disputa judicial, que o montante ficará disponível para pagamento de eventuais indenizações. A decisão deve ser cumprida de imediato. Nova audiência terá data marcada para continuação da análise do caso em Ituaçu.

05 Jul 2017 - 15:00h

Em Ituaçu, um grupo de funcionários demitidos pela fábrica de cimento Itaguarana realizou um protesto na manhã desta quarta-feira (05), na BA-142. Com faixas e cartazes, eles queimaram pneus para chamar a atenção da empresa, pois alegam terem sido vítimas de crime trabalhista. Um dos idealizadores do movimento informou que, em julho de 2016, mais de 200 trabalhadores foram demitidos da fábrica sem aviso prévio e com os salários atrasados. Além disso, segundo ele, os funcionários demitidos não receberam o FGTS, nem tiveram direito a rescisão e seguro desemprego. Os funcionários buscam um acordo com a fábrica para receber os direitos trabalhistas e os salários atrasados. 

16 Jun 2017 - 14:20h

Não aceitando ser novamente vítima de um assalto em seu estabelecimento, um comerciante do povoado da Lage, zona rural do município de Ituaçu, no sudoeste baiano, entrou em luta corporal com dois elementos que invadiram o local. A briga foi intensa e ocorreu um disparo da arma de fogo, porém ninguém foi atingido. Segundo apurou o site Achei Sudoeste, um dos bandidos foi desarmado e, ao perceberem que estavam ficando em desvantagem, os assaltantes fugiram em uma motocicleta, deixando para trás o revólver calibre 32, com dois 03 cartuchos intactos e dois deflagrados. Eles ainda conseguiram levar uma quantia em dinheiro subtraída do caixa da loja.

13 Jun 2017 - 15:15h

Em Ituaçu, o Arraiá do Brejo, uma das festas juninas mais tradicionais do Estado, homenageia este ano um dos seus filhos mais ilustres: o cantor e compositor Moraes Moreira. A homenagem será simbolizada pelo nome de uma de suas mais consagradas canções, Festa do Interior, composta em parceria com Abel Silva. Ao ser comunicado, o cantor agradeceu pela lembrança e ficou bastante satisfeito com a homenagem. Irmão de Moraes Moreira, o cordelista José Walter falou sobre a homenagem. “A nossa família, em particular, composta por mim e os meus irmãos, além, é claro, dos familiares e dos bons amigos, estamos felizes com a singela homenagem prestada a ele, que carrega como cognome ser o “mensageiro da alegria”, quando, sob os aplausos da multidão, faz transbordar a felicidade em rios de gente, sob os frenéticos sons do trio elétrico, nos passos dos frevos baianos, na dolência das suas ternas canções, nos barracões juninos com os seus xotes, baiões, arrasta-pés, ainda com afoxés, sambas, marchinhas, em todo lugar, sem jamais perder a sua autenticidade criativa, sua identidade com a música popular brasileira, para se transformar em um dos seus mais autênticos e festejados representantes. Vamos todos curtir o São João no Arraial do Brejo, sem mesquinhas restrições, preservando suas tradições, sua alegria, sua hospitalidade, para que todos possamos ficar morrendo de saudades ao final dos três, sei lá quantos dias de festa em Ituaçu. Por fim, vamos antecipar o nosso abraço de parabéns a Moraes Moreira pelos seus setenta anos”, destacou.